bloguei
  Eu blogo, tu blogas, ele bloga, nós blogamos e todos dão opinião.
bloguei Ribeirão Preto Dicas, Notícias e Muito mais...
 
 Cemitério São João Batista de Rio de Janeiro
 O Cemitério São João Batista está localizado na Rua General Polidoro tendo seu limite leste na Rua Dona Mariana, no bairro Botafogo, zona sul. Existem neste cemitério cerca de 40.000 jazigos distribuídos por uma área de 38.000 metros quadrados. Teve sua ocupação iniciada pelos fundos do terreno. Os túmulos e esculturas mais representativas do local estão no eixo central e em mais duas quadras para a direita e duas para a esquerda. O cemitério foi construído pela Santa Casa de Misericórdia duas décadas após a Santa Casa construir uma necrópole bem maior - o São Francisco Xavier, conhecido como Cemitério do Caju. Dentro da feição católica da superlotação dos jazigos do Cemitério São João Batista, pode-se visualizar locais distintos destinados a sepulturas do século XIX e do século XX.

Ali estão enterradas personalidades comprometidas com a história do Brasil desde 1850 até os dias atuais. Entre pessoas comuns estão nomes célebres como os cantores Carmem Miranda, Cazuza, Vicente Celestino e Clara Nunes; os políticos Luís Carlos Prestes, Floriano Peixoto (presidente), Afonso Pena (presidente), Nilo Peçanha (presidente), Carlos Lacerda (governador); várias figuras históricas; nobres da época do império e burgueses republicanos; os “imortais” da Academia Brasileira de Letras. Destacamos: Tom Jobim; Mausoléu da ABL; Janete Clair; Orville Derby (geólogo); Cláudio de Souza (ator); Rodolfo Bernadelli (escultor); Didi (jogador de futebol); Família Guinle; Família Costa e Silva; Oswaldo Aranha; Paulo de Frontin; Visconde de Moraes; Machado de Assis; Guimarães Rosa; José de Alencar e Nelson Rodrigues.

A portada do cemitério se destaca por ser trabalhada em blocos de belo granito fluminense tipo “olho de tartaruga” ou “granito de galho”, encimada pela tarja da emblemática da Santa Casa de Misericórdia. Outro elemento construtivo de caracterização de época é o gradil de ferro monumental, produzido nas fundições fluminenses. No Cemitério São João Batista há elevado número de jazigos - capela de famílias burguesas inspirados nos estilos híbridos do início do século XX, construídos por marmoristas portugueses, italianos e brasileiros. Existem inúmeras obras de artistas que se dedicaram a feitura de esculturas funerárias, Citamos o caso de Rodolpho Bernadelli, Octávio Corrêa Lima, Heitor Usai, Celita Vaccani, Humberto Cozzo. Destacam-se também obras dos escultores franceses Jean Magrou e Colin George, dos escultores italianos J. Guazzini, B. P. Giusti, Luca Arrighini e A. Canessa. Ali o historiador da arte pode estudar sepulturas inspiradas nos estilos neoclássico, neogótico, art déco, art nouveau, eclético e moderno dotadas de uma tipologia variadíssima de signos antropomorfos, zoomorfos, fitomorfos e de distinção social. Diríamos que este cemitério não é o mais nobre e nem o mais artístico da cidade do Rio de Janeiro, todavia é o mais representativo do período da Primeira República, que é quando o eixo elegante da Zona Norte transfere-se para a Zona Sul.
 
 
 
posts bloguei Posts
Setembro de 2010 5  postagens    
Fevereiro de 2011 5  postagens    
Março de 2011 26  postagens    
Maio de 2011 19  postagens    
Julho de 2011 11  postagens    
Agosto de 2011 11  postagens    
Janeiro de 2012 19  postagens    
Julho de 2012 8  postagens    
Outubro de 2012 1  postagens    
Novembro de 2012 8  postagens    
Maio de 2013 4  postagens    
Junho de 2013 16  postagens    
Outubro de 2013 1  postagens    
Novembro de 2013 1  postagens    
Dezembro de 2013 1  postagens    
Janeiro de 2014 4  postagens    
Junho de 2014 9  postagens    
Agosto de 2014 1  postagens    
Setembro de 2014 1  postagens    
Novembro de 2014 1  postagens    
Dezembro de 2014 5  postagens    
Janeiro de 2015 7  postagens    
Fevereiro de 2015 36  postagens    
Março de 2015 19  postagens    
Abril de 2015 17  postagens    
Maio de 2015 29  postagens    
Junho de 2015 16  postagens    
Julho de 2015 44  postagens    
Agosto de 2015 73  postagens    
Setembro de 2015 214  postagens    
Outubro de 2015 238  postagens    
Novembro de 2015 198  postagens    
Dezembro de 2015 125  postagens    
Janeiro de 2016 70  postagens    
Fevereiro de 2016 125  postagens    
Março de 2016 126  postagens    
Abril de 2016 28  postagens    
Junho de 2016 1  postagens    
Todos os Posts
Categorias
0
Cemitérios
Cidades
Ciência
Cultura e Lazer
Dicas
Economia
Educação
Esporte
Gastronomia
Iphone
Meio Ambiente
Moda
Mundo
Natureza
Notícias
Parques
Planeta Bizarro
Política
Prefeituras
Saúde
Tecnologia
windows 10
 
Untitled Document