bloguei
  Eu blogo, tu blogas, ele bloga, nós blogamos e todos dão opinião.
bloguei Ribeirão Preto Dicas, Notícias e Muito mais...
 
 Museu de Arte de Ribeirão Preto recebe exposição de Adriana Amaral em outubro
Ela tem nas artes visuais sua fonte maior de inspiração e uma trajetória de prêmios e trabalhos reconhecidos. Adriana Amaral começou a sua produção no ano de 2003, quando participou pela primeira vez da Mostra Coletiva dos Artistas de Ribeirão Preto no Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel Gismondi (MARP). Formada através de cursos e oficinas com nomes expressivos da fotografia local e nacional, como Tony Miyasaka, Araquém Alcantara, Caio Reisewitz e Francisco Moreira da Costa, e uma carreira ininterrupta nos últimos 12 anos, a artista apresentará para Ribeirão Preto e região dois novos trabalhos: Entradas e Vacuidade projetos recém aprovados pelo Programa de Ação Cultural (ProAc), nas modalidades ICMS e Editais.

Adriana Amaral foi premiada em 2012 pelo Salão de Arte Contemporâneo de Ribeirão Preto (SARP) . Ela conta que venceu mais um desafio com as aprovações do ProAc, pois na modalidade Editais participaram 300 projetos e apenas 20 foram selecionados na modalidade ICMS, seu esforço foi ainda maior na busca de captação dos recursos e aprovação do projeto e para isso foi necessário readequá-lo duas vezes. Mas o resultado foi positivo e agora se materializa com as duas produções, que poderão ser conferidas no Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi (MARP), de 2 de outubro a 1º de novembro. As mostras contam com atividades paralelas como oficinas de fotografia, palestras, vivências e debates.

Exposições individuais

As duas novas mostras da artista visual Adriana Amaral são: Entradas - aprovada pelo ProAc ICMS (2013) - e Vacuidade contemplado pelo ProAc Editais – Artes Visuais (2014). Nesta sexta-feira (2) acontece vernissage das mostras, a partir das 20h, e a visitação ocorre até 1º de novembro, no Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi (MARP).

Entradas revela o olhar da artista para imagens de portas fechadas de pousadas, fazendas, escolas, casas de amigos, prédios históricos, pontos da capital paulista e cenários que guardam lembranças e registros de vidas numa narrativa peculiar.

A mostra promove reflexões sobre a maneira como as memórias se constituem e sobre como um único objeto pode ser capaz de despertar as mais diversas lembranças. A ideia deste trabalho surgiu após uma visita da artista visual ao município de Cássia dos Coqueiros, no interior de São Paulo. Para ampliar as perspectivas dos olhares, da reflexão e da produção fotográfica, o projeto ainda vai contar com outras atividades de formação como oficinas de fotografia, vivências e palestras contextualizadas com os temas da exposição. A proposta é aliar ações de difusão das artes visuais com formação de público.

Já Vacuidade – um tríptico em uma instalação fotográfica – foi pensado durante a desmontagem da exposição Dias e Noites, projeto anterior de Adriana Amaral que teve como ocupação a casa em que morou por 40 anos em Ribeirão Preto. Segundo ela, o processo criativo desta exposição surgiu em uma tarde, quando observava uma tempestade pela janela, do quarto dos seus pais: “não sei precisar quanto tempo fiquei, mas o único pensamento que ficou foi que ainda estava presa ali. Depois, vários outros foram surgindo”, recorda. Ela explica que foi neste silêncio que aconteceu seu momento de autoconhecimento criativo. “Logo busquei a câmera e fiz as imagens desta exposição”, explica.

“Sempre pensei a obra como uma instalação fotográfica em que os visitantes se sentissem imersos em um espaço que não fosse mera reprodução de um quarto real, mas uma dimensão atemporal de percepção, interpretação e transformação”, destaca a artista.

A agenda cultural destes trabalhos também prevê um bate papo com Adriana Amaral, neste sábado (3), a partir das 10h. A profissional vai relatar ao público aspectos do seu processo criativo, idealização e características dos projetos.

No dia 20 de outubro, às 19h30, haverá também debate aberto ao público sobre sua obra com a participação dos críticos paulistanos Carolina Coelho Soares e Jaime Lauriano e mediação do diretor do Marp, Nilton Campos. A entrada para as duas atividades é gratuita.

O MARP fica na rua Barão do Amazonas, 323, no Centro de Ribeirão Preto. Mais informações pelos telefones: (16) 3635 2421 e (16) 3941-0089.

Serviço: exposições “Entradas” e “Vacuidade” da artista visual Adriana Amaral

Data: de 2 de outubro a 1º de novembro
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto – MARP
Visitação de terça a sexta-feira, das 9h às 18h; sábados, domingos e feriados (exceto segundas-feiras), das 12h às 18h
Informações: (16) 3635-2421 / (16) 3941-0089

Bate-papo
Data: 3 de outubro (sábado)
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
Endereço: rua Barão do Amazonas, 323, Ribeirão Preto
Horário: 10h
Informações: (16) 3635 2421
Evento gratuito, aberto a interessados
 
Oficina de Fotografia com Tony Myasaka
Data:  8, 15, 22 e 29 de novembro
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto – MARP
Horário: das 19h às 22h
Inscrições e informações: (16) 3635-2421 / (16) 3941-0089
Evento gratuito. Vagas limitadas.
 
Palestra “O encontro entre a Filosofia e a Arte” com o filósofo Nando Araujo
Data: 8 e 14 de outubro
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto – MARP
Horário: das 14h30 às 16h30
Informações: (16) 3635-2421 / (16) 3941-0089
Evento gratuito.


Vivência Reflexiva com psicólogo Sergio Luiz Alécio Filho
Data: 7 e 13 de outubro
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto – MARP
Horário: dia 7, das 14h30 às 16h30 e dia 13, das 9h30 às 11h30
Informações: (16) 3635-2421 / (16) 3941-0089
Evento gratuito.
 

Debate aberto ao público sobre a obra "Vacuidade" - Grupo de Estudos MARP
Participação dos críticos Carolina Coelho Soares (São Paulo-SP) e Jaime Lauriano (São Paulo-SP) / Mediação Nilton Campos (Diretor do MARP)
Data: 20 de outubro
Horário: 19h30
Local: Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
Endereço: Rua Barão do Amazonas, 323, Ribeirão Preto-SP
Evento gratuito, aberto a interessados

*Projeto realizado com o apoio do ProAC Editais  – Artes Visuais

Fonte: ribeiraopretoonline.com.br
 
 
 
posts bloguei Posts
Setembro de 2010 5  postagens    
Fevereiro de 2011 5  postagens    
Março de 2011 26  postagens    
Maio de 2011 19  postagens    
Julho de 2011 11  postagens    
Agosto de 2011 11  postagens    
Janeiro de 2012 19  postagens    
Julho de 2012 8  postagens    
Outubro de 2012 1  postagens    
Novembro de 2012 8  postagens    
Maio de 2013 4  postagens    
Junho de 2013 16  postagens    
Outubro de 2013 1  postagens    
Novembro de 2013 1  postagens    
Dezembro de 2013 1  postagens    
Janeiro de 2014 4  postagens    
Junho de 2014 9  postagens    
Agosto de 2014 1  postagens    
Setembro de 2014 1  postagens    
Novembro de 2014 1  postagens    
Dezembro de 2014 5  postagens    
Janeiro de 2015 7  postagens    
Fevereiro de 2015 36  postagens    
Março de 2015 19  postagens    
Abril de 2015 17  postagens    
Maio de 2015 29  postagens    
Junho de 2015 16  postagens    
Julho de 2015 44  postagens    
Agosto de 2015 73  postagens    
Setembro de 2015 214  postagens    
Outubro de 2015 238  postagens    
Novembro de 2015 198  postagens    
Dezembro de 2015 125  postagens    
Janeiro de 2016 70  postagens    
Fevereiro de 2016 125  postagens    
Março de 2016 126  postagens    
Abril de 2016 28  postagens    
Junho de 2016 1  postagens    
Todos os Posts
Categorias
0
Cemitérios
Cidades
Ciência
Cultura e Lazer
Dicas
Economia
Educação
Esporte
Gastronomia
Iphone
Meio Ambiente
Moda
Mundo
Natureza
Notícias
Parques
Planeta Bizarro
Política
Prefeituras
Saúde
Tecnologia
windows 10
 
Untitled Document