bloguei
  Eu blogo, tu blogas, ele bloga, nós blogamos e todos dão opinião.
bloguei Ribeirão Preto Dicas, Notícias e Muito mais...
 
 Startup leva tecnologia da medicina para setor de alimentos
Scanner de ressonância magnética é capaz de avaliar qualidade de itens de origem animal e vegetal

Já imaginou se fosse possível determinar com exatidão a quantidade de açúcar de uma fruta ainda verde, antecipando a qualidade que ela terá ao amadurecer? Ou quem sabe verificar a presença de gordura intramuscular, para saber se uma peça de carne é realmente macia? Pois é justamente isso que um scanner desenvolvido por uma startup de São Carlos (SP) faz. Lançado em abril, o SpecFit utiliza uma tecnologia de ressonância magnética similar à dos hospitais para mapear a saúde dos alimentos.

O físico Daniel Consalter, sócio da FIT, empresa responsável pelo desenvolvimento da tecnologia, explica que estava desenvolvendo seu doutorado na área de imagens médicas quando tomou conhecimento da aplicação da ressonância no setor alimentício. “São Carlos é um polo de pesquisa nessa área de ressonância, e vimos a oportunidade de trazer tal tecnologia para o mercado. É algo novo no mundo todo, e os nossos concorrentes são todos importados”, diz.

O equipamento funciona com uma onda de rádio, que é direcionada para o alimento a ser analisado. Este reage e envia uma nova onda como resposta. Tal resposta é verificada, e através dela é possível determinar uma série de variáveis. “O scanner consegue, por exemplo, medir a quantidade de óleo dentro de sementes de girassol, soja, canola. Com isso, um produtor de óleo pode comprar as sementes que terão maior produtividade”, revela Daniel.

Para viabilizar a aplicação da tecnologia, a empresa contou com um financiamento de R$ 1,3 milhão concedido pela Desenvolve SP, agência do Governo do Estado de São Paulo que apoia o crescimento sustentável das pequenas e médias empresas. Graças a esse aporte, a FIT conseguiu desenvolver um aparelho com um custo bastante inferior ao encontrado no exterior.

“Nossos concorrentes cobram a partir de 70 mil euros (cerca de R$ 310 mil), enquanto nosso scanner sai por US$ 50 mil (cerca de R$ 200 mil). Além disso, o SpecFit é portátil, realiza uma análise em apenas 30 segundos e pode ser operado por alguém que não entenda nada da área de ressonância”, acrescenta.

Apesar dos valores relativamente altos para pequenos empresários, Daniel afirma que o investimento pode compensar em determinadas áreas. “Como o scanner permite que as compras tenham um rendimento muito maior, vemos um mercado interessante nas cooperativas de pequenos produtores.”

“O equipamento também é muito útil para quem exporta frutas. No caso do mamão, por exemplo, eles precisam sair do país ainda verdes, mas o scanner já consegue ver o seu nível de açúcar e sua qualidade”, afirma.

Fonte: economia.terra.com.br/
 
 
 
posts bloguei Posts
Setembro de 2010 5  postagens    
Fevereiro de 2011 5  postagens    
Março de 2011 26  postagens    
Maio de 2011 19  postagens    
Julho de 2011 11  postagens    
Agosto de 2011 11  postagens    
Janeiro de 2012 19  postagens    
Julho de 2012 8  postagens    
Outubro de 2012 1  postagens    
Novembro de 2012 8  postagens    
Maio de 2013 4  postagens    
Junho de 2013 16  postagens    
Outubro de 2013 1  postagens    
Novembro de 2013 1  postagens    
Dezembro de 2013 1  postagens    
Janeiro de 2014 4  postagens    
Junho de 2014 9  postagens    
Agosto de 2014 1  postagens    
Setembro de 2014 1  postagens    
Novembro de 2014 1  postagens    
Dezembro de 2014 5  postagens    
Janeiro de 2015 7  postagens    
Fevereiro de 2015 36  postagens    
Março de 2015 19  postagens    
Abril de 2015 17  postagens    
Maio de 2015 29  postagens    
Junho de 2015 16  postagens    
Julho de 2015 44  postagens    
Agosto de 2015 73  postagens    
Setembro de 2015 214  postagens    
Outubro de 2015 238  postagens    
Novembro de 2015 198  postagens    
Dezembro de 2015 125  postagens    
Janeiro de 2016 70  postagens    
Fevereiro de 2016 125  postagens    
Março de 2016 126  postagens    
Abril de 2016 28  postagens    
Junho de 2016 1  postagens    
Todos os Posts
Categorias
0
Cemitérios
Cidades
Ciência
Cultura e Lazer
Dicas
Economia
Educação
Esporte
Gastronomia
Iphone
Meio Ambiente
Moda
Mundo
Natureza
Notícias
Parques
Planeta Bizarro
Política
Prefeituras
Saúde
Tecnologia
windows 10
 
Untitled Document