bloguei
  Eu blogo, tu blogas, ele bloga, nós blogamos e todos dão opinião.
bloguei Ribeirão Preto Dicas, Notícias e Muito mais...
 
 Retrospectiva 2015 a evolução do Windows 10 nos últimos 12 meses
O ano de 2015 foi decisivo para a Microsoft e o Windows. A empresa lançou a versão 10 do sistema depois de uma série de testes e muitas mudanças para reconquistar a atenção dos consumidores. 
O ano de 2015 foi decisivo para a Microsoft e o Windows. A empresa lançou a versão 10 do sistema depois de uma série de testes e muitas mudanças para reconquistar a atenção dos consumidores. 
Windows detectou mesmo endereço de IP? Saiba o que fazer
A plataforma não se limitou aos computadores, mas também chegou aos celulares, Xbox One, Internet das Coisas (IoT) e até aos óculos holográficos HoloLens. Para quem deseja lembrar tudo que mudou durante o ano para a fabricante, confira o especial do TechTudo com a evolução do Windows em 2015. 

Janeiro
O ano começou com o fim do suporte básico ao Windows 7, e os leitores do TechTudo puderam descobrir as consequências disso. Em um evento cheio de novidades, a Microsoft anunciou a atualização gratuita para o Windows 10 para as versões 7, 8 e 8.1, além de surpreender com o lançamento do HoloLens, do Project Spartan (Microsoft Edge) e também do novo Surface Hub.
A primeira Build do ano marcou a chegada da assistente Cortana aos PCs. É possível encontrar um teste completo no TechTudo com todas as mudanças, inclusive a nova loja de aplicativos, Xbox Jogos, central de notificações e o Menu Iniciar. Veja também tudo sobre o Windows Holográfico (HoloLens).

Fevereiro
Em fevereiro, foi a vez dos celulares receberem o Windows 10 e o TechTudo explicou como fazer a instalação do sistema. A primeira Build trouxe mudanças na interface do sistema, melhorias nas notificações e os primeiros aplicativos universais compartilhados com PCs. Além disso, para surpresa dos usuários mais antigos, a Microsoft corrigiu um bug encontrado há 15 anos no sistema.

Março
O terceiro mês do ano marcou a estreia do Project Spartan, antigo nome do Microsoft Edge, na Build 10049. O novo navegador trouxe um sistema de anotação virtual sobre as páginas de Internet (como post-it), modo de leitura e profunda integração com a assistente Cortana ainda em inglês.
A fabricante anunciou também o suporte a biometria e reconhecimento facial pelo Windows Hello e as especificações mínimas para rodar o Windows 10. Para auxiliar os leitores, TechTudo reuniu as cinco coisas que o usuário precisa saber sobre a atualização do sistema em versões piratas (cópias ilegais).

Abril
Abril terminou animador com a Build 2015, conferência de desenvolvedores da Microsoft com cobertura do TechTudo, direto de São Francisco, nos Estados Unidos. No evento, a empresa anunciou a portabilidade de apps do Android e iOS para o Windows 10, o nome oficial do Microsoft Edge e liberou uma Build do sistema com muitas novidades. Confira um resumo da conferência.
Durante o evento, houve diversos testes exclusivos, como o do quadro interativo Surface Hub, o Windows 10 Mobile e os revolucionários óculos HoloLens. Por fim, talvez uma das partes mais animadoras para os brasileiros: informações em primeira mão sobre a chegada da Cortana em português, que, inclusive, deve ser liberada em breve. 

Maio
Depois da enxurrada de novidades da Build, a Microsoft tomou uma decisão polêmica em maio: a inclusão do dedo do meio nos emojis do Windows 10. Enquanto isso, o TechTudo tirou dúvidas ainda atuais sobre as diferenças entre as versões de computadores e celulares, além de explicar o que é o Modo Continuum, serviço inovador que integra dispositivos da fabricante.

Junho
Às vésperas do lançamento da versão final do Windows 10, a Microsoft divulgou um vídeo sobre a criação do novo papel de parede do sistema. Além disso, a Build 10158 trouxe ajustes finais no Microsoft Edge, na assistente virtual Cortana e no Windows Explorer. O TechTudo detalhou as mudanças do sistema em telas sensíveis ao toque com um teste completo.
Julho
O esperado Windows 10 foi lançado no fim de julho e bateu a marca de 14 milhões de instalações nas primeiras 24 horas. Para os mais curiosos, várias dicas foram divulgadas no TechTudo, em primeira mão, para deixar o Menu Iniciar perfeito e os melhores atalhos de teclado. Se você ainda não atualizou, não deixe de conferir 10 motivos para fazer a atualização e a comparação entre as versões 7, 8 e 10.]
O sétimo mês de 2015 teve ainda ótimas surpresas para os brasileiros: o anúncio oficial do lançamento da Cortana em português para dezembro. Enquanto a Microsoft não cumpre a promessa, o usuário pode conferir detalhes exclusivos revelados pelo TechTudo sobre a assistente.

Agosto
No mês seguinte ao lançamento do sistema operacional, o Windows 10 atropelou a versão 8 e alcançou 75 milhões de instalações. A Microsoft não descansou e lançou a versão do sistema para Internet das Coisas (IoT) e a Build 10525 com mudanças na Interface. Quem não gostou da plataforma pode conferir as dicas do TechTudo para deixá-la com a cara da versão 7 ou simplesmente voltar para uma edição mais antiga. Por fim, o antigo Windows 95 completou 20 anos de idade.

Setembro
Em setembro, a Microsoft liberou a Build 10547 para os participantes do Windows Insiders. A nova versão adicionou mais blocos ao Menu Iniciar, melhorias na função Snap, que divide tela e em outras áreas. Oficialmente, o sistema ganhou nova ferramenta para fazer prints da tela. Para fechar, foram publicadas dicas de como deixar o sistema mais rápido e descobrir as causas de telas azuis.

Outubro
Outubro começou com mais um evento da Microsoft cheio de novidades como o Lumia 950, o Surface Pro 4 e o Surface Book, todos equipados com Windows 10. Na ocasião, a empresa anunciou a chegada do Facebook Messenger e Instagram para PCs, além do lançamento do sistema para celulares. O TechTudo detalhou ainda sete coisas que a plataforma móvel fará melhor que Android e iOS.

Novembro
A primeira grande atualização do Windows 10 foi liberada para todos em meados de novembro. Em teste completo da atualização, várias mudanças foram detalhadas, como personalização de cores, o novo rastreamento de PC em caso de roubo e melhorias na função Snapping. Os usuários do sistema puderam aprender ainda como substituir a foto da tela de bloqueio por um vídeo.
Novembro também marcou a vez de o Xbox One receber o novo sistema da Microsoft. O Windows 10 renovou o dashboard do console, prometendo mais rapidez, além de trazer diversos games do Xbox 360 de volta, através do recurso de retrocompatibilidade.

Dezembro
O ano ainda não acabou, mas dezembro já trouxe bastante novidades. A principal notícia foi o vazamento dos primeiros plugins para o Microsoft Edge. Os leitores do TechTudo descobriram como acelerar o boot do sistema, como conseguir descontos na loja da Microsoft e dicas para usar o Menu Iniciar. Para concluir 2015 com estilo, a Build com funções da versão Redstone do sistema foi liberada. Até o fim do ano, porém, espera-se que a Cortana em português chegue ao Brasil. Será que vem?
 
 
 Windows 10 principais erros de instalação e como resolver
O Windows 10 foi liberado como um upgrade gratuito e simples de fazer para quem já usava o Windows 7 ou 8 originais. No entanto, isso não significa que problemas não possam ocorrer. Desde o download dos arquivos de instalação até a aplicação deles na máquina para substituir um sistema pelo outro, o usuário pode encontrar diversos códigos de erros.
Confira uma lista com as falhas mais comuns na hora de instalar o Windows 10 e como resolvê-las. Apesar do número grande de problemas, a maioria deles tem solução.

Erro no Windows Update
Um problema comum na hora de baixar o Windows 10 a partir de uma versão anterior está no Windows Update. A ferramenta pode travar no meio do download do sistema, ou não encaminhar os arquivos para instalação mesmo depois que são baixados. Nesses casos, a Microsoft recomenda sair do programa por 10 a 15 minutos, reabri-lo e ativar a atualização automática. Caso não seja resolvido, a última providência é baixar um assistente para recuperar o Update.

Erro 0×80073712 
Esse erro indica que o arquivo necessário para o Windows Update está danificado ou ausente. Para solucioná-lo, é necessário reiniciar o PC e tentar executar o Update novamente. Caso não dê certo, prossiga com a instalação do software de solução de problemas disponibilizado pela Microsoft.

Erro 0x800F0923 
O erro indica que um driver ou outro programa instalado no seu computador apresenta incompatibilidade com o Windows 10. Isso significa que seu PC pode ainda não ser elegível para a atualização, algo que a Microsoft deixou claro que poderia ocorrer. Em todo caso, a empresa pede que o usuário entre em contato com o suporte técnico para obter mais detalhes – lembre-se de estar com o modelo do seu computador em mãos.

Erro “A atualização não é aplicável ao seu computador” 
Embora seja parecido com o problema anterior, este erro é mais simples de resolver. Isso porque o bug normalmente  significa  apenas que o seu computador não tem as atualizações obrigatórias do sistema operacional instaladas. Solucione o erro baixando e instalando todas as atualizações importantes apontadas pelo Windows Update.

Erro 0×80200056 
Essa falha pode ser sinal de que a atualização foi interrompida bruscamente, seja porque você reiniciou o computador ou o desconectou de uma fonte de alimentação até a bateria acabar enquanto os pacotes estavam sendo baixados. Certifique-se de que a máquina está com bateria ou ligada a uma tomada e tente atualizar novamente.

Erro 0x800F0922 
Segundo a Microsoft, esse erro indica que houve problema de comunicação entre seu computador e os servidores do Windows Update. Além de falhas na conexão com a Internet, uma causa para o problema é o uso de VPN, algo que prejudica a transferência de dados da atualização. Se esse for o seu caso, desligue a VPN e tente novamente.
Outra possível causa é falta de espaço livre suficiente na partição reservada para o sistema. Para resolver, aumente o tamanho dessa partição e tente baixar e instalar o Windows 10 de novo.
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Erro 0xC1900208 – 0x4000C 
Um aplicativo incompatível instalado no seu computador pode causar esse código de erro, impedindo que o processo de atualização para o Windows 10 seja concluído. Não há uma maneira prática de saber se um programa específico é incompatível com o novo Windows, mas, em geral, tratam-se de todos os que requerem algum driver existente só no Windows XP. Se algum app do Windows XP não roda no Windows 7, não irá funcionar também no 10.

Erro 0xC1900200 – 0×20008 
Infelizmente, esse erro não tem como ser resolvido facilmente. O problema é sinal de que o hardware do seu computador não atende aos requisitos mínimos para o funcionamento do Windows 10. Para rodar o sistema, a máquina deve ter pelo menos um processador de 1 GHz, 1 GB de RAM, 16 GB de disco e suporte gráfico ao DirectX 9, entre outras especificações. Ou seja, a não ser que você esteja disposto a fazer upgrade de hardware em um PC antigo, não poderá instalar o Windows 10 nele.
Como criar uma conta de convidado no Windows 10? Comente no Fórum do TechTudo.

Erros 0×80070070 – 0×50011, 0×80070070 – 0×50012 e 0×80070070 – 0×60000 
O Windows 10 precisa de espaço livre suficiente para descompactar os arquivos de instalação, substituir DLLs e outros itens no disco e depois apagar o que não for mais necessário. Caso você veja um desses erros, é preciso liberar mais megabytes do armazenamento e tentar atualizar novamente.

Erros “Não conseguimos concluir as atualizações” e “Falha ao configurar as atualizações do Windows” 
Esses são dois dos alertas de erros mais comuns na hora de baixar o Windows 10. Porém, não há uma solução clara para eles, pois variam de acordo com o tipo de falha. É necessário encontrar o código de erro específico e informá-lo para o suporte da Microsoft, que irá lhe ajudar com mais informações – ou, se for um dos erros acima, você mesmo pode resolver.

Como encontrar o código de erro 
Para encontrar o código de erro, consulte o histórico de atualizações do Windows, acessado por meio da barra lateral do Windows Update, e anote o código de erro de uma atualização que não foi instalada. 
 
 
 Microsoft atualiza lista de jogos retrocompatíveis com o Windows 10 no Xbox One
Com a chegada do Windows 10 para o Xbox One, a Microsoft anunciou que o console de jogos contaria com a útil função de retrocompatibilidade, sendo assim capaz de rodar títulos projetados para o seu antecessor, Xbox 360. Como este processo demanda algumas modificações no próprio sistema para que ele seja capaz de interpretar corretamente algo criado para a geração passada, a lista de games compatíveis não conta com todos os títulos já lançados, sendo atualizada constantemente.
Da última vez que falamos sobre o assunto a companhia de Redmond contava com mais de 100 jogos do Xbox 360 capazes de ser reproduzidos no Xbox One, podendo ser utilizada tanto a mídia física quanto a cópia digital do usuário. Agora, novos jogos foram adicionados à lista, incluindo alguns nomes marcantes como Halo: Wars, Call of Duth: Black Ops e a franquia Bioshock. Com isso, você poderá utilizar aquele jogo que está guardado desde que você realizou o upgrade para o console da nova geração, progredindo com suas conquistas de onde havia parado.

A lista de adições divulgada conta com:
Braid (loja estadunidense)
Bioshock
Bioshock 2
Bioshock Infinite
Call of Duty: Black Ops
DEUS EX: HUMAN REVOLUTION
Doritos Crash Course
Fable III
Halo: Reach
Halo: Wars
Hydro Thunder
Iron Brigade
Kane & Lynch 2
Motocross Madness
MS. PAC-MAN (loja estadunidense)
Peggle (loja estadunidense)
Portal: Still Alive
Skate 3
Spelunky
Splosion Man
Ticket to Ride
Zuma’s Revenge!
Vale destacar que todos os jogos já adquiridos por meio da loja em seu Xbox 360 aparecem automaticamente em sua biblioteca do Xbox One com a legenda "Pronto para instalar", bastando então que você realize normalmente o download em seu novo console. Com isso, a Microsoft pretende levar ainda mais usuários para o seu mais recente dispositivo, já que pouco conteúdo será de fato perdido com o upgrade.
 
 
 Robô BB-8 de Star Wars ganha app Universal para Windows 10
Com a febre por Star Wars: O Despertar da Força, muitos já estão de olho no robozinho lançado pela Sphero, o simpático BB-8, que é uma das estrelas do filme da Disney. A peça chegou ao Brasil no início do mês com preços alarmantes, mas já pode ser encontrada em algumas lojas por R$ 1.890,00. Uma das coisas legais desse produto é que o robô é controlado por smartphones, porém estava disponível apenas para Android e iOS. Agora a empresa acaba de lançar o aplicativo universal para Windows 10 capaz controlar o Droid BB-8.
Embora o app para Android e iOS tenha chegado primeiro, já se sabia que uma versão para Windows estava à caminho, e agora os usuários podem usar o PC, smartphone ou Surface para controlar o robô.
O BB-8 encontrado nas lojas pode não ter grandes recursos comparado a um smartphone, mas não deixa de ser uma aquisição muito legal para os fãs que querem tê-lo correndo pela casa, pois ele é capaz de caminhar de forma autônoma, com um certo nível de interação com o ambiente, o que o impede de ficar preso entre as coisas por aí. Ele também pode fazer movimentos pré-programados, aprender sobre o lugar, investigar o ambiente através do som e responde a comandos de voz.
Além disso, o BB-8 também possui uma personalidade moldável de acordo com sua programação e vem com uma câmera acoplada que permite fazer uma das funções mais importantes dos droids como BB-8 e R2D2 na saga de Star Wars: gravar, enviar e exibir fotos e vídeos holográficos.
O novo aplicativo do BB-8 para Windows 10 já está disponível na Windows Store.
 
 
 Microsoft usa tática controversa para estimular update do Windows 10
Você quer baixar o Windows 10 agora ou agora? Essa é a pergunta com a qual me deparei quando usei um notebook com Windows 8.1 nesta semana.
Antes uma pequena caixa de diálogo, o pedido “Get Windows 10” tomou uma boa parte da tela, e, pior, apresenta apenas duas opções de ação para o usuário: “Upgrade now” (“Faça o upgrade agora”) e “Start download, upgrade later” (“Inicie o download, faça o upgrade depois”). Não há nenhuma opção imediata do tipo “No thanks” (“Não, obrigado”).
Para ser justo, ainda é possível simplesmente fechar a janela usando o X no canto superior direito, e se clicar em umas das duas opções acima, talvez apareça um “Não” depois.
Mas ter apenas duas opções de ação grandes desse tipo em uma janela pop-up que te levam a um download do Windows 10 parece algo inerentemente desagradável. Como se a Microsoft estivesse tentando enganar usuários mais novatos e/ou com menos conhecimento de tecnologia.
No entanto, vale notar que o comportamento mais irritante do Windows 10 ainda não chegou. Em 2016, a Microsoft planeja empurrar o Windows 10 como um Update Recomendado para os usuários que ficaram com o Windows 7 ou 8.1 por enquanto. Se você usa a opção padrão do Windows Update e instala automaticamente todas as atualizações recomendadas (como a maioria dos usuários deve fazer), isso significa que o Windows 10 começará a ser baixado no seu PC assim que a Microsoft virar essa chave – em vez de pedir a sua permissão.
 
 
 Microsoft revela mudanças que poderão ser vistas no Windows 10 Redstone
A Microsoft pode apresentar durante a BUILD 2016 a atualização Redstone do Windows 10, que está sendo tratada como a primeira grande atualização do sistema. De acordo com relatos, teremos a chegada de inúmeras novidades à plataforma, incluindo uma série de funções e alterações pedidas pelos usuários por meio dos canais de feedback disponibilizados pela empresa. Para amenizar um pouco a ansiedade, um funcionário da companhia resolveu responder algumas perguntas com relação ao update durante uma sessão de perguntas e respostas, revelando alguns pontos que podem ser vistos pelas usuários em breve.
De acordo com o protótipo apresentado pelo designer Jeff Fong, é possível vermos uma grande mudança principalmente no menu iniciar, que terá a seção das tiles separada da lista de aplicativos, da mesma forma como temos em dispositivos móveis. Além disso, teremos a chegada das tão esperadas tiles interativas, permitindo que sejam realizadas ações diretamente nos blocos dinâmicos, algo semelhante ao que temos nos widgets presentes no Android, por exemplo. Vale destacar que a barra de tarefas contará com seus ícones centralizados da mesma forma como temos no Mac OS X, algo que ainda precisará passar por ajustes para vermos se realmente agradará aos usuários.
Outro ponto que passará por alterações será a integração com outros sistemas presentes em dispositivos móveis, como Android e iOS, sendo vista uma plataforma de interação mais intuitiva e baseada no conceito das live tiles, o que deve fazer com que clientes destes sistemas tenham uma prévia do que podem encontrar ao utilizarem os serviços da Microsoft. Segundo revelado, será possível até mesmo utilizar live tiles no robozinho verde por meio dos widgets, fazendo com que os blocos apresentem informações vinculadas ao que está sendo exibido no Windows 10 para desktops.
Por último, tivemos uma prévia dos novos modos de multitarefa do Windows 10 Redstone, onde poderão ser exibidos quatro aplicativos ao mesmo tempo na tela de acordo com a organização desejada, fazendo assim com que cada um tenha o espaço reservado segundo as suas necessidades.
Como ainda estamos falando de um protótipo bastante inicial, já que o update deve ser liberado publicamente apenas em junho ou julho de 2016, é preciso levar em conta que várias mudanças provavelmente ocorrerão até a sua liberação oficial, sendo necessário aguardarmos que a Microsoft libere mais detalhes sobre o assunto durante a BUILD 2016 para sabermos mais sobre o atual estágio de desenvolvimento da plataforma.
 
 
 Navegador do Windows 10 Microsoft Edge continua perdendo usuários
O navegador do Windows 10, o Microsoft Edge, continua perdendo usuários, segundo diferentes empresas de pesquisas. Desde seu lançamento em julho, o Edge vem registrando números menores a cada mês que passa.
Dados de três fontes diferentes apontam um declínio global e também nos EUA, onde o Windows 10 e o Edge conseguiram um público maior. Os números de cada empresa de pesquisas são diferentes – principalmente por conta dos seus diferentes métodos – mas todos ilustram a mesma tendência de queda.
Facilita o processo o fato de o Edge funcionar apenas no Windows 10, o que não é o caso de outros navegadores do mercado, como o Internet Explorer, Google Chrome e Mozilla Firefox. 
A empresa americana Net Applications, que mede a fatia global de usuários ao levar em conta os visitantes únicos dos sites de seus clientes, registrou uma participação de 39% do Edge no Windows 10, número que foi caindo nos meses seguintes, chegando a novembro com apenas 31,2%.
Já a consultoria irlandesa StatCounter registrou um número bem menor do uso mundial do Edge no Windows 10 em agosto: 15,2%. Mas, assim como a Net Applications, seus dados também mostram uma queda consistente. Nos três meses após agosto, a StatCounter registrou o Edge com 13,9% em setembro, 13,3% em outubro e 12,9% em novembro.
A StatCounter chega à participação de usuários ao contar as visualizações de páginas dos sites que usam seu pacote de ferramentas de análise.
Uma terceira fonte, o Digital Analytics Program (DAP), mostra a mesma tendência de queda do Edge. O DAP coleta visitas de mais de 4 mil sites em mais de 400 domínios diferentes mantidos por agências do governo dos EUA.
A maior parte das visitas do DAP vem dos EUA, apesar de algumas agências governamentais terem um tráfego significativo vindo de outros países. E, ao contrário da Net Applications e da StatCounter, os números do DAP incluem desktops e aparelhos móveis – nos últimos 3 meses, por exemplo, um terço das visitas vieram de smartphones e tablets.
As visitas aos sites do DAP pelo Edge responderam por 24,6% das máquinas rodando o Windows 10 em setembro. Mas esse número caiu nos dois meses seguintes, indo para 23,2% em outubro e 22,4% em novembro.
As especulações sobre a baixa adesão ao Microsoft Edge costumam focar no status de não finalizado do navegador, especialmente a ausência de suporte para add-ons. A Microsoft prometeu que iria fornecer esse suporte ainda em 2015, mas esse plano foi adiado e as “extensões” só vão aparecer no browser do Windwos 10 no ano que vem.
 
 
 Saiba como criar um backup de imagem do Windows 10
O leitor Robin Hayes quer criar uma imagem de backup do seu C: drive usando as próprias ferramentas do Windows 10. Mas ele não tem certeza sobre como pode restaurar esse backup sem causar nenhum estrago. Abaixo vamos falar sobre as suas coisas.
Um backup de imagem copia tudo do seu drive – sistema operacional, boot sector, programas, e arquivos de dados – em um arquivo comprimido, mas ainda muito grande. Se um problema tornar inútil a sua instalação do Windows, um backup de imagem permitirá que você consiga restaurar e rodá-lo de novo rapidamente.
Recomendo que você crie um backup de imagem, salvando-o em um HD externo, três ou quatro vezes por ano. Esse é um processo adicional ao também importante backup diário dos seus dados e arquivos.

Crie um backup de imagem do Windows 10
1-Conecte seu HD externo – que deve ter espaço livre suficiente para guardar tudo no seu HD interno. Certifique-se de que o Windows tenha acesso a esse drive.
2-No campo de busca do Windows, digite “file history”, e selecione o programa de mesmo nome no Painel de Controle.
3-Na caixa de diálogo do File History, clique em System Image Backup no canto inferior esquerdo.
4-Na caixa de diálogo resultante Backup and Restore, clique em Create a system image (Criar uma imagem de sistema, em tradução livre).
5-Siga as instruções do assistente resultante.

O backup pode demorar algumas horas. Você pode continuar a trabalhar enquanto o processo é realizado. No entanto, prefiro iniciar o backup ao final do dia para que ele não atrase nada.
Quando o backup terminar, você pode ser perguntado se quer um System Repair Disc. Caso seu PC tenha um disco óptico, então crie um disco.
Caso, crie um Recovery Drive: conecte um HD/pendrive vazio, abra a ferramenta Recovery (Recuperação), no Painel de Controle, clique em Create a Recovery Drive (Criar um Drive de Recuperação), e siga as instruções.

Restaure o backup
Quando o Windows está em uma condição aparentemente sem esperança, você precisará entrar no modo de recuperação para restaurar a imagem. Veja abaixo três maneiras de fazer isso:
-Caso ainda consiga fazer inicializar o Windows: Selecione Start > Settings > Update & Security, depois Recovery no painel esquerdo, e então selecione Restart Now (Reiniciar Agora).
-Caso o Windows não inicie e você tenha um System Repair Disc: insira o disco no leitor óptico e inicie seu PC. Quando aparecer o pedido “Aperte qualquer tecla...”, basta fazer isso e escolher um idioma.
-Caso o Windows não inicie e você tenha um Recovery Drive: insira o pendrive/HD de recuperação na entrada USB e ligue seu PC. Caso seu computador pule o drive e tente iniciar o Windows, reinicie e entre na tela Setup (F2 geralmente funciona; caso não, veja o manual da sua máquina). Procure por uma opção de boot ou boot order. Uma vez que tiver feito a inicialização com sucesso, selecione um idioma.
Uma vez que estiver em um ambiente de recuperação, selecione Troubleshoot e depois System Image Recovery. Depois basta seguir as instruções.
 
 
 Com lançamento iminente Cortana ganha seção em site da Microsoft Brasil
A Microsoft está em vias de anunciar a chegada da assistente pessoal Cortana em português do Brasil, sendo algo desejado por usuários de nosso país há mais de um ano e que segundo a companhia irá se concretizar ainda neste mês de dezembro, ao menos para membros do programa Insiders. Demonstrando que a ferramenta pode de fato estar prestes a ficar disponível em território tupiniquim, a casa de Redmond inseriu em seu site oficial uma seção dedicada exclusivamente para a Cortana, demonstrando alguns diferenciais do software para fazer com que todos possam ter uma boa ideia do que os espera.
Alguns pontos deste recém-lançado site, entretanto, mostram que nem mesmo a filial brasileira da Microsoft conhece muito sobre o nosso país ou simplesmente finge não conhecer, já que mesmo que tenham sido exibidos alguns textos em português falando sobre as funcionalidades da Cortana todas as imagens estão com o sistema em inglês, fazendo com que os usuários não possam ter uma prévia sequer da assistente em nosso idioma.
Além disso, o vídeo que supostamente seria para demonstrar um pouco mais sobre a assistente pode ser reproduzido, sendo exibida uma mensagem informando que o mesmo não está mais disponível. Não sabemos se o problema foi com relação ao arquivo enviado ou ao nível de privacidade escolhido pela Microsoft, porém o que se pode ver é um enorme espaço reservado para algo que não pode ser executado. Vale destacar que um segundo vídeo pode ser encontrado pelos usuários, porém assim como as imagens ele está completamente em inglês, indicando assim que o conteúdo indisponível possa ser a sua versão em português.
Ainda não há qualquer informação concreta sobre a data da chegada da Cortana ao nosso país, restando aguardarmos que a Microsoft se pronuncie sobre o assunto para sabermos se ela chegará antes do Natal como prometido. Enquanto isto não acontece, acesse o site criado pela empresa e veja alguns detalhes sobre a assistente, sendo possível que algum detalhe seja disponibilizado diretamente por ele em um futuro breve.
 
 
 Gabriel Aul confirma Cortana PT-BR ainda em 2015 para Insiders do Windows 10 | Atualizada
A Cortana é provavelmente uma das funções mais interessantes implementadas ao Windows nos últimos tempos, sendo capaz de interpretar comandos de voz de forma simples e intuitiva, evitando assim que fique algo mecânico e monótono demais. Até o momento, entretanto, usuários brasileiros não são capazes de utilizar a assistente de voz em seu idioma nativo, sendo necessário migrar a região do sistema para algum dos locais onde o software está disponível.
De uns tempos pra cá começamos a ver rumores de que isto poderia acabar, sendo marcado o mês de dezembro para que a Cortana finalmente fosse anunciada ao menos para membros do programa Insiders no território brasileiro. Como todos sabemos, metade do mês já se passou e até o momento nenhuma declaração sobre o assunto havia sido feita, algo que acaba de mudar com uma resposta de Gabriel Aul a um usuário no Twitter.
Ao ser questionado sobre a chegada da Cortana em português brasileiro, Aul afirmou que esta é a prioridade máxima atual de seu grupo de desenvolvedores, e que caso tudo saia dentro do planejado a assistente poderá ser utilizada em dispositivos nacionais ainda em 2015. Vale lembrar que prazos semelhantes já foram dados pelo engenheiro de software anteriormente e não se concretizaram, logo é preciso que tenhamos uma certa cautela com relação à sua afirmação.
Vale lembrar que alguns indícios já demonstravam a proximidade da chegada da Cortana ao nosso país, como as mudanças realizadas na build 10586.29 do Windows 10 Mobile que permitiram a ativação de comandos de voz e botão de ditado no teclado em português do Brasil. Além disso, até mesmo uma seção para a ferramenta foi liberada pela Microsoft em seu site oficial, indicando assim que de fato a chance de a vermos em território tupiniquim ainda este ano é real.
Atualização: devido à ambiguidade do que foi dito por Gabriel Aul, o engenheiro de software da Microsoft foi novamente ao Twitter para se explicar melhor, afirmando que na verdade estava falando sobre 2016, e não 2015. Ou seja, infelizmente as chances da Cortana chegar ao nosso país ainda este ano diminuíram drasticamente.
 
 
 Bosque de Ribeirão Preto inaugura aquário com 56 espécies brasileiras
Nove tanques levaram quatro anos para serem construídos no zoológico.
Local está aberto para visitação de quarta-feira a domingo das 9h às 17h.

Após quatro anos em construção, o áquario do Bosque e Zoológico Municipal Fábio Barreto em Ribeirão Preto (SP) foi inaugurado nesta quarta-feira (16). Os tanques têm juntos 300 metros quadrados e abrigam cerca de mil peixes de 56 espécies. A visitação é gratuita e acontece de quarta a domingo, das 9h às 17h.
O diretor do bosque, Alexandre Gouvêa, afirma que o aquário comporta 186,5 mil litros de água e será utilizado em programas de educação ambiental, para tratar de temas como biodiversidade, destruição de matas ciliares e queimadas próximas a rios.

“Nós temos que conhecer para preservar, este é o objetivo. Vamos oferecer conhecimento aos alunos que venham ao bosque através das escolas e para a população em geral, para que em um futuro próximo a gente consiga preservar nossas águas também”, diz.

Ao todo, o aquário conta com recinto para jacaré do Pantanal, sucuris da Amazônia, peixes de água doce das bacias Amazônica, do Prata e do Araguaia/Tocantins, peixes carnívoros, ornamentais acarás amazônicos e ciclídeos das américas.

Gouvêa afirma que foi necessário estruturar o novo local com bombas, sistema de filtragem e temperatura da água, além de instalação de ventiladores nas áreas técnica e de visitação.

“Nós obtivemos autorização de manejo a partir do mês de setembro. Cada tanque é um ecossistema e há alguns parâmetros para serem cumpridos, desde oxigênio dissolvido na água, PH, temperatura e índices de amônia, nitrito e nitrato”, explicou Gouvêa.

Serviço - Aquário do Bosque e Zoológico Municipal Fábio Barreto
Local: Rua da Liberdade, s/n - Campos Elísios
Funcionamento: de quarta a domingo, das 9h às 17h
Entrada: Gratuita


Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Operação Emergencial de Tapa Buracos tem início nesta sexta em Ribeirão Preto
A Secretaria de Infraestrutura dá início nesta sexta-feira (18), a operação emergencial Tapa-Buracos, que tem como objetivo melhorar a malha viária, assegurando a fluidez no trânsito e mais segurança aos motoristas. A operação atenderá inicialmente regiões como a marginal da avenida Bandeirantes, avenidas Marechal Costa e Silva, Thomaz Alberto Whately, Presidente João Goulart, Áurea Bragheto (City Ribeirão), além de ruas do bairro Jardim Nova Aliança e Centro.

Os reparos vão priorizar os buracos ocasionados pelas chuvas ou ainda pelo tempo de vida útil do asfaltamento da cidade, em alguns casos, comprometidos devido ao longo período de utilização, cerca de 40 anos. Serão sete equipes envolvidas na operação, que terá continuidade no final de semana. Conforme explica o secretário de Infraestrutura, Osvaldo Braga, na operação será utilizada a massa asfáltica de Concreto Betuminoso Usinado à Quente, que garante a durabilidade do serviço. O material é utilizado a uma temperatura de 160 C°, o que permite uma melhor fixação da massa na via.

“O objetivo é intensificar as ações, já que o asfalto antigo e as chuvas contribuem para que novos buracos se abram nas vias. A aplicação da massa asfáltica quente garante a secagem mais rápida, o que permite melhor qualidade do serviço realizado e maior agilidade em cada etapa do processo”, explicou Braga, lembrando que a operação Tapa Buracos é uma ação permanente e atende todas as regiões do município.

Desenvolve São Paulo

Em audiência com o presidente da Desenvolve SP, Milton Luiz de Melo, no último dia 10 de dezembro, a prefeita Dárcy Vera (PSD) conseguiu a prorrogação do prazo do projeto de recapeamento das ruas e avenidas. A prorrogação foi necessária, segundo a prefeita, porque a empresa não conseguiu terminar a obra. “Nós conseguimos prorrogar o contrato por mais 90 dias e com isso poderemos atender várias regiões da cidade”, explicou ela. O contrato com a Desenvolve SP prevê o recapeamento de 76 quarteirões em várias regiões da cidade. A empresa que estava executando a obra fez apenas 14 quarteirões, o que representa 19,76% do total. Uma nova licitação já está em andamento.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Suspeitos de financiar veículos para crimes são presos em Ribeirão Preto
Quadrilha usava documentos falsos para obter financiamentos, diz PF.

Automóveis eram usados no tráfico de drogas, de armas e contrabandos.

Cinco pessoas foram presas pela Polícia Federal nesta quinta-feira (17) em Ribeirão Preto (SP) e Sertãozinho (SP) suspeitos de usar documentos falsos para obter financiamentos de veículos, que posteriormente eram repassados a terceiros e utilizados em crimes como tráfico de drogas, de armas e contrabandos.

Em nota, a PF informou que cumpriu cinco mandados de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão nesta quinta-feira, durante a segunda fase da “Operação Aracnos”. Em maio, documentos foram apreendidos e um homem já havia sido preso por envolvimento no mesmo esquema.

"Com o trabalho de seis meses de cruzamentos de fotografias dos documentos e de informações falsas, contrapostas a informações verdadeiras contidas nos documentos utilizados pelos criminosos, foi possível relacionar os casos e identificar os autores", diz o comunicado.

Ainda segundo a PF, os suspeitos responderão pelos crimes de fraude em financiamento e associação criminosa, cujas penas somadas podem chegar a nove anos de prisão.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Economia voltou a encolher em outubro, indica Banco Central
'Prévia do PIB' mostrou queda de 0,63% no mês.
No acumulado do ano, queda é de 3,69%, segundo o IBC-Br.

A economia brasileira começou o último trimestre do ano com nova contração – aprofundando a recessão em que o país se encontra, segundo indicador divulgado pelo Banco Central nesta quinta-feira (18).
O chamado Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), calculado pelo BC e que busca ser uma espécie de "prévia" do PIB, teve queda de 0,63% no mês, na comparação com setembro. No ano, o indicador mostrou alta apenas em fevereiro, de 0,51%.

Os números do Banco Central mostram que, de janeiro a outubro deste ano, o indicador sem ajuste sazonal (pois considera períodos iguais de tempo) mostrou queda de 3,69% na atividade (com ajuste, a retração é de 3,66%) . E, no acumulado em 12 meses até setembro, o indicador (com ajuste) do Banco Central registrou contração de 3,16% (sem ajuste, é de - 3,2%).
A economia brasileira vem "encolhendo" desde o início do ano, segundo os dados oficiais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No ano, de janeiro a setembro, o PIB acumula queda de 4,5%, a maior da série histórica, que começou em 1996. Só no terceiro trimestre, o recuo ficou em 1,7%.

Resultados do IBC-Br x PIB
O IBC-Br foi criado para tentar ser um "antecedente" do PIB. O índice do BC incorpora estimativas para a agropecuária, a indústria e o setor de serviços, além dos impostos. Os últimos resultados do IBC-Br, porém, nem sempre têm mostrado proximidade com os dados oficiais do PIB, divulgados pelo IBGE.

Em 2012, por exemplo, o IBC-Br mostrou um crescimento de 1,6%. Posteriormente, o resultado oficial do PIB mostrou uma alta menor, de 1%. Em 2013, o BC acertou. Previu uma alta de 2,5%, que foi depois confirmada com a revisão feita pelo IBGE. Em 2014, o BC estimava uma retração de 0,15% no PIB, mas os dados oficiais mostraram uma alta de 0,1% no ano passado.

O Banco Central já informou, em 2013, que o IBC-Br não seria uma medida do PIB, mesmo que tenha sido criado para tentar antecipar o resultado, mas apenas "um indicador útil" para o BC e para o setor privado.

Definição dos juros
O IBC-Br é uma das ferramentas usadas pelo BC para definir a taxa básica de juros (Selic) do país. Com o menor crescimento da economia, por exemplo, teoricamente haveria menos pressão inflacionária. Atualmente, os juros básicos estão em 14,25% ao ano, o maior nível em 9 anos.

Pelo sistema de metas de inflação que vigora no Brasil, o BC precisa ajustar os juros para atingir as metas preestabelecidas. Quanto maiores as taxas, menos pessoas e empresas dispostas a consumir, o que tende a fazer com que os preços baixem ou fiquem estáveis.
Para 2015 e 2016, a meta central de inflação é de 4,5%, com um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Desse modo, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerada a inflação oficial do país e medida pelo IBGE, pode ficar entre 2,5% e 6,5%, sem que a meta seja formalmente descumprida.

Neste ano, tanto o mercado financeiro quanto o Banco Central acreditam que inflação oficial ficará acima do teto de 6,5% do sistema de metas. Para os analistas dos bancos, a inflação superará a barreira dos 10% em 2015. O Banco Central projeta um IPCA de 9,5% para este ano e tem dito que trabalha para trazer a inflação para o centro da meta, de 4,5%, em 2017.


Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Supremo muda rito do impeachment
Supremo muda rito do impeachment: entenda o que acontece agora
Por maioria, STF anulou comissão especial que analisaria pedido.
Ministros vetaram chapas alternativas de deputados e voto secreto.

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (17) alterar o rito do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, iniciado no dia 2 de dezembro pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O pedido foi feito pelo PC do B, partido da base aliada do governo (Veja os votos dos ministros).
1) Comissão especial: indicada por líderes partidários e eleita com voto aberto
A decisão do STF derrubou a eleição da comissão especial da Câmara, realizada em 8 de dezembro. A comissão é responsável por decidir se abre ou não processo contra a presidente. No pedido, o PCdoB questionou o rito adotado por Cunha. Ele permitiu a participação da chapa avulsa, formada pela oposição e dissidentes da base e eleita por 272 votos contra 199 em votação secreta.

Com a decisão desta quinta, a Câmara terá de definir uma nova comissão, obedecendo o novo rito: chapa única indicada pelos líderes e votação aberta.
Por 6 votos a 5, os ministros determinaram que qualquer votação do impeachment a partir de agora deverá ser aberta.
Os ministros também definiram que não poderá mais haver chapas alternativas. Ou seja, caberá aos líderes de cada partido ou bloco indicar os nomes para a comissão – formada por 65 membros de todas as legendas, proporcional às bancadas.
Essa definição, porém, deve ficar para 2016. O presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou nesta quinta o fim do ano legislativo e disse que não convocará os parlamentares durante o recesso – de 23 de dezembro a 2 de fevereiro.

2) Defesa de Dilma
Depois de instalada a comissão, a presidente da República será notificada e terá prazo de 10 sessões para se manifestar sobre o processo.
O PC do B queria que o Supremo determinasse uma defesa prévia, para que Dilma pudesse se manifestar antes do recebimento da denúncia por Eduardo Cunha -- o que ocorreu em 2 de dezembro. Como o STF negou esse pedido, Dilma poderá se defender, conforme já era previsto, após a eleição da comissão especial.
Depois da defesa, a comissão terá cinco sessões para votar o relatório final, que definirá pela continuidade ou não do processo e precisará ser votado no plenário da Câmara.
3) Papel do Senado e afastamento de Dilma
Se o plenário da Câmara decidir aprovar o pedido de impeachment, o processo vai para a análise do Senado, mas Dilma só poderá ser afastada se os senadores decidirem receber o pedido.
Pelo rito anterior, aprovado o impeachment pela Câmara, a presidente seria afastada de imediato. Isso porque se entendia que o Senado não tinha poder para barrar o impeachment.
O STF decidiu que o Senado tem poder para decidir se continua ou não com o trâmite do impeachment. Assim, caberá aos senadores dar prosseguimento ao pedido para que a denúncia seja analisada pelo plenário. Essa decisão se dará por maioria simples, conforme entendimento do Supremo.
4) Decisão final
Se o Senado decidir receber o impeachment, afastando Dilma do cargo, começa um processo que terá, ao final, um julgamento sobre se a presidente deve ser condenada ou não.
Poderão ser apresentadas provas, testemunhas, advogados e será feito um relatório resumido da denúncia e das provas da acusação e da defesa pelo presidente do Supremo, que é quem preside todos os trabalhos no Senado.
Os senadores, então, irão votar em duas fases. Na primeira, por maioria simples, sobre os crimes de que ela é acusada, a pronúncia. Na segunda, sobre o mérito da condenação ou absolvição da presidente. Nesta, a votação terá um quórum qualificado, de dois terços dos senadores, para decidir.
Se for condenada, a presidente perde o cargo e assume o vice. Se absolvida, continua no cargo até o fim do mandato.


Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Governo promete quitar parte da dívida da saúde com estados e municípios
Com uma dívida de R$ 3,8 bilhões com a saúde de estados e municípios, reclamada pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), o governo federal prometeu publicar nesta sexta-feira (18) Medida Provisória que quita R$ 2,5 bilhões desse débito.

De acordo com o Ministério da Saúde, o valor é suficiente para cobrir os custos dos serviços de média e alta complexidade de dezembro dos entes federados. Segundo Mauro Junqueira, presidente do Conasems, o montante está atrasado em uma semana, descumprindo pacto assinado por municípios, estados e Ministério da Saúde, que estabelece repasses mensais previstos na Constituição Federal, em duas parcelas, nos dias 10 e 30 de cada mês.

O total da primeira parcela deveria cobrir despesas com atenção básica, onde estão postos de saúde, e com média e alta complexidade, onde se encaixam hospitais, hemocentros, centros de oncologia, entre outros serviços. Porém, os repasses de amanhã só deverão contemplar o segundo segmento.

“Estamos vendo todos os dias hospitais fecharem as portas e cirurgias serem desmarcadas”, disse Junqueira, ao reclamar do atraso e da insuficiência de verbas. Para 2016, a previsão de déficit calculada pelo Conasems para a saúde é de quase R$17 bilhões, “e estamos falando em recursos só para manter a estrutura que já temos, sem aumentar um leito”.

Junqueira, que é secretário de saúde de São Lourenço (MG), disse que em seu município a situação é grave: “Ainda não conseguimos pagar os salários de novembro, nem o décimo terceiro. O hospital reduziu atendimentos, estamos conversando com a diretoria para encontrar uma forma de mantê-lo aberto”.

Em entrevistas a jornalistas, o ministro da Saúde, Marcelo Castro, reconhece que o orçamento da pasta para 2016 é insuficiente e que precisaria ser pelo menos uma vez e meia maior para suprir as necessidades do setor. Uma das soluções defendidas pelo ministro é o retorno da Contribuição Provisória por Movimentação Financeira (CPMF) destinada à saúde.

Castro tem declarado que os municípios estão arcando com valores acima do mínimo constitucional para custear a rede pública, que é de 15% dos recursos totais das prefeituras, e isso não é justo, segundo ele.

Fonte: jb.com.br
 
 
 Ministério da Saúde esclarece boatos sobre infecção pelo zika vírus
Ministério da Saúde ressalta, entre outros pontos, que os casos de microcefalia não estão relacionados ao uso de vacinas vencidas

Por ser uma doença nova e com pouco conhecimento científico consolidado, o zika vírus tem gerado muitas dúvidas. Com isso, alguns boatos têm circulado nas redes sociais e nos aplicativos de bate-papo. Diante dessa situação, o Ministério da Saúde preparou um amplo material para esclarecer, com informações seguras, dúvidas a respeito da doença e, assim, acabar com a divulgação de informações errôneas que estão deixando a população preocupada, desnecessariamente.

Confira, logo abaixo, um grande conjunto de informações preparadas por especialistas, e tire suas dúvidas sobre o zika vírus. Caso ainda tenha perguntas sobre a doença, entre em contato com o Ministério da Saúde. 

Todo esse material preparado pelo Ministério da Saúde está sendo difundido em ações nas redes sociais, para esclarecer e informar a população.

Confira série de vídeos e mitos e verdades sobre a doença. Esses materiais podem ser compartilhados.


1. OS CASOS DE MICROCEFALIA ESTÃO RELACIONADOS AO USO DE VACINAS VENCIDAS?

MITO. O aumento de casos de microcefalia no País está associado ao vírus zika, que é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. Não há registro na literatura médica nacional e internacional sobre a associação do uso de  vacinas com a microcefalia. Todas as vacinas ofertadas pelo Programa Nacional de Imuização (PNI) são seguras. O PNI é responsável pelo repasse, aos Estados, dos imunobiológicos que fazem parte dos calendários de vacinação. Uma das ferramentas essenciais para o sucesso dos programas de imunização é a avaliação da qualidade dos imunobiológicos. O controle de qualidade das vacinas é realizado pelo laboratório produtor obedecendo a critérios padronizados pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Após aprovação em testes de controle do laboratório produtor, cada lote de vacina é submetido à análise no Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) do Ministério da Saúde. Desde 1983, os lotes por amostragem de imunobiológicos adquiridos pelos programas oficiais de imunização vêm sendo analisados, garantindo sua segurança, potência e estabilidade, antes de serem utilizados na população.

2. O AUMENTO DE CASOS DE MICROCEFALIA ESTÁ RELACIONADO AO USO DE MOSQUITOS COM BACTÉRIA?

MITO. Não é verdadeira a informação de relação entre a incidência do vírus zika com os mosquitos portadores da bactéria Wolbachia. Desde 2014, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em parceria com o Ministério da Saúde, desenvolve o projeto “Eliminar a Dengue: Desafio Brasil” que propõe o uso de uma bactéria naturalmente encontrada no meio ambiente, inclusive no pernilongo, chamada Wolbachia. Quando presente no Aedes aegypti, a bactéria é capaz de impedir a transmissão da dengue pelo mosquito. A iniciativa, sem fins lucrativos, é uma abordagem inovadora para reduzir a transmissão do vírus da dengue pelo mosquito de forma natural e autossustentável. A pesquisa é inédita no Brasil e na América Latina. O estudo já foi realizado, com sucesso, na Austrália, Vietnã e Indonésia – onde não existem relatos de aumento dos casos de microcefalia.


3. O VÍRUS ZIKA TAMBÉM PODE CAUSAR GUILLAIN-BARRÉ? 

VERDADE. A Síndrome de Guillain-Barré é uma reação, muito rara, a agentes infecciosos, como vírus e bactérias, e tem como sintomas a fraqueza muscular e a paralisia dos músculos. Vários vírus, assim como o zika, podem provocar a síndrome de Guillain-Barré, que é uma doença rara. Assim como todas as possíveis consequências do zika, a ocorrência da Guillain-Barré relacionada ao vírus continua sendo investigada. Os sintomas começam pelas pernas, podendo, em seguida, irradiar para o tronco, braços e face. A síndrome pode apresentar diferentes graus de agressividade, provocando  leve fraqueza muscular em alguns pacientes ou casos de paralisia dos membros. O principal risco provocado por esta síndrome é quando ocorre o acometimento dos músculos respiratórios, devido à dificuldade para respirar. Nesse último caso, a síndrome pode levar à morte, caso não sejam adotadas as medidas de suporte respiratório.

4.O MINISTÉRIO DA SAÚDE MUDOU O PARÂMETRO PARA IDENTIFICAR A MICROCEFALIA PARA ESCONDER O NÚMERO DE CASOS?

MITO. Todos os casos de crianças com microcefalia relacionada ao vírus zika serão investigados. A mudança para o parâmetro do perímetro cefálico igual ou menor de 32 cm segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e é apoiada pela Sociedade Brasileira de Genética Médica e tem suporte da equipe do SIAT (Sistema Nacional de Informação sobre Agentes Teratogênicos). Cabe esclarecer que o Ministério da Saúde adotou a medida de 33 cm inicialmente, que é totalmente normal para crianças que nascem após 37 semanas gestacionais, com o objetivo de compreender melhor a situação do aumento de casos de microcefalia. A partir da primeira triagem desses casos suspeitos, muitos dos diagnósticos realizados precocemente e preventivamente já foram descartados. Portanto, a nova medida visa a evitar que bebês sem a malformação sejam submetidos a uma série de exames desnecessários.


Fonte: brasil.gov.br
 
 
 Promotor propõe TAC contra lucro abusivo em postos de Ribeirão Preto
Sincopetro tem 30 dias para dar resposta, mas considera redução inviável.
Mesmo sem acordo, alguns postos já serão alvos de ações, segundo MP.

Representantes do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado de São Paulo (Sincopetro) de Ribeirão Preto (SP) têm 30 dias para confirmar se assinarão um termo de ajustamento de conduta (TAC) proposto pelo Ministério Público para reduzir os preços dos combustíveis na cidade.
O acordo foi apresentado nesta quarta-feira (16) pelo promotor do Consumidor Carlos Cézar Barbosa durante uma audiência sobre o lucro excessivo praticado pelos postos da cidade em comparação com outros municípios, segundo investigação do próprio Ministério Público.
Com ou sem acordo, alguns dos estabelecimentos serão alvos de ações civis públicas devido à cobrança considerada abusiva. 

O inquérito foi concluído por Barbosa no início de dezembro após quase dois anos de uma investigação que apontou uma diferença de até R$ 0,70 entre o preço de custo e o de revenda no etanol e na gasolina, além de indícios de um cartel organizado supostamente mantido para alinhar os preços na cidade.
A apuração criminal sobre esse alinhamento é conduzida pela Polícia Civil, que investiga a prática de crimes contra a ordem econômica, bem como a suspeita de coação.

Uma lista protocolada pelo Procon nesta quarta-feira ao MP corrobora a existência de cartel, ao relacionar ao menos 40 postos da cidade praticando o mesmo preço para os combustíveis.

O sindicato, que nega o alinhamento de preços, informou que apresentará aos donos de postos a proposta do Ministério Público, mas de antemão confirmou que a redução é inviável.
Ajustamento de conduta
Barbosa explica que realizou a audiência com a intenção de ouvir dos representantes as razões para o lucro abusivo nos postos.

Segundo ele, um levantamento do Ministério Público feito em 15 cidades com mais de 200 mil habitantes do Estado mostrou que a margem de ganho em Ribeirão Preto é de 23% a 24%, quando em outras localidades a média não ultrapassa os 15,5%.
Na reunião, de acordo com o promotor, o Sincopetro culpou os custos operacionais e a qualidade do serviço prestado na cidade.
"Não nos convencemos com essa explicação, obviamente porque não acreditamos que em outros municípios os postos não têm o mesmo conforto que em Ribeirão Preto. Não acreditamos que em municípios como Campinas (SP), Santos (SP), São Paulo (SP), Sorocaba (SP), Piracicaba (SP) os postos não tenham atendimento tão bom quanto daquele prestado aqui", afirmou.
Diante disso, o promotor propôs a assinatura de um termo de ajustamento de conduta em que os proprietários dos postos se comprometam a reduzir os valores cobrados. A margem seria reduzida para 18%, de acordo com o Sincopetro.

O sindicato tem até 15 de janeiro para dar uma resposta. Caso o TAC não seja assinado, o promotor pretende ajuizar ações.
"Haverá um agravante em desfavor dos comerciantes que é o dano moral à coletividade. Será um dos pedidos além daquele de redução da margem de lucro."
Independente da assinatura do TAC, alguns postos da cidade, segundo o promotor, deverão ser acionados judicialmente devido aos valores constatados.
"O prazo estipulado para comprovação de que o sindicato fez esse trabalho de comunicação é um prazo um pouco elástico. Então vamos iniciar o ajuizamento de algumas ações contra postos que estão tendo lucro exagerado, como por exemplo R$ 0,85 em um litro de etanol. Isso é inadmissível. Esses nós já vamos reprimir desde logo."
Procon denuncia alinhamento
Também durante a tarde desta quarta-feira, o coordenador do Procon de Ribeirão Preto, Paulo Garde, entregou ao promotor do Consumidor um levantamento que relaciona grupos de postos que praticam os mesmos valores dos combustíveis.

Em um deles, foram listados 40 estabelecimentos com as mesmas tarifas. Para Garde, a relação comprova que existe um alinhamento na cidade, prejudicial ao consumidor.
"Encontramos essa igualdade de preços, é muito estranho. A gente percebe que não há uma concorrência efetiva na venda dos combustíveis, isso pra nós não é muito bom."
Segundo o promotor, a questão relacionada à suspeita de cartel e suas consequências criminais ficarão a cargo da polícia, para que o MP centre as atenções na redução dos valores.
"Nós fizemos uma força-tarefa agora. Deixamos essa investigação a respeito do cartel por conta das autoridades policiais", afirmou Barbosa.

Sincopetro
Após a audiência, o diretor regional do Sincopetro, Adolfo Silvério de Oliveira Neto, confirmou que repassará a proposta de TAC aos postos, mas não garantiu que haverá acordo.
"Vai depender de cada revendedor, de seu custo operacional. O sindicato simplesmente vai levar a informação aos revendedores", disse.
Sustentando o argumento de que os custos operacionais em Ribeirão Preto são maiores do que em outras cidades, ele diz a redução para a margem bruta de 18% não é possível. "Não dá para pagar os custos. Não é viável."
Questionado sobre a suspeita de alinhamento levantada pelo MP e pelo Procon, Oliveira Neto negou a existência de um cartel na cidade e atribuiu os preços similares a possíveis gastos semelhantes.
"Isso não é verdade. Há vários postos em Ribeirão Preto, há várias opções de preços de acordo com custo operacional de cada um."

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Operadoras são intimadas a barrar app WhatsApp no país por 48h
WhatsApp bloqueado

Bloqueio é válido a partir da 0h de quinta-feira (17) em todo o Brasil.
Sindicato de Vivo, Claro, Tim e Oi confirma determinação judicial.

As principais operadoras de telefonia móvel do Brasil foram intimadas pela Justiça nesta quarta-feira (16) a bloquear o aplicativo de mensagens WhatsApp em todo o território nacional por 48 horas. O bloqueio vale a partir da 0h de quinta-feira (17).

O recebimento da determinação judicial foi confirmado pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal, o SindiTelebrasil, que representa as operadoras Vivo, Claro, Tim, Oi, Sercomtel e Algar.

O Tribunal de Justiça de São Paulo afirma que a decisão partiu da 1ª Vara Criminal de São Bernardo do Campo e corre em segredo de justiça em uma ação criminal. Segundo o TJ-SP, o WhatsApp não atendeu a uma determinação judicial de 23 de julho de 2015. 

A empresa foi notificada mais uma vez em 7 de agosto, com uma multa fixada em caso de não cumprimento.
O WhatsApp não atendeu à determinação novamente, de acordo com o TJ-SP. Por isso, "o Ministério Público requereu o bloqueio dos serviços pelo prazo de 48 horas, com base na lei do Marco Civil da internet".

Eduardo Levy, presidente do SindiTeleBrasil, diz que as operadoras são obrigadas a atender a determinação e que não é do interesse delas bloquear o WhatsApp no país. "Temos interesse em regras que sejam mais leves para o setor", disse Levy ao G1.

Histórico
Essa não é a primeira tentativa de bloquear o WhatsApp no país. Em fevereiro, um juiz de Teresina (PI) determinou que as operadoras suspendessem temporariamente o acesso ao app de mensagens.
O motivo seria uma recusa do WhatsApp em fornecer informações para uma investigação policial que vinha desde 2013.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Buracos em avenida de Ribeirão Preto desafiam até ex-piloto profissional
Atleta afirma que é difícil enfrentar 'crateras' na marginal da Bandeirantes.
Problemas no asfalto foram apontados por reportagem da EPTV em março.

As “crateras” na marginal da Avenida Bandeirantes, na zona oeste de Ribeirão Preto (SP), são alvos de reclamações recorrentes dos motoristas há pelo menos nove meses. Nem mesmo o ex-piloto de acrobacias automotivas Noel de Carvalho, que utiliza o trecho diariamente, diz ser possível enfrentar os buracos no asfalto.
“Trabalhei oito anos como piloto e é difícil pilotar aqui. Eu fazia acrobacia, derrapagem com carros, andava em duas rodas, trabalhei muitos anos com isso e, realmente, é difícil passar aqui. O negócio é 'punk'”, reclamou.

Em março, a reportagem da EPTV já havia mostrado que os veículos invadem a contramão, já que o trecho é de mão dupla, para desviar de buracos e vazamentos, o que aumenta o risco de acidentes no local, que é uma das principais entradas da cidade.
Na época, a Secretaria de Infraestrutura informou que tomaria as providências necessárias. Nesta quarta-feira (16), a pasta comunicou por meio de nota que o endereço será incluído na programação das ruas que receberão manutenção.

Situação crítica
Após nove meses da primeira cobrança, a situação do asfalto na marginal da Bandeirantes piorou muito. Pelo menos é o que afirmaram os motoristas entrevistados, que trafegam pelo local diariamente, como o ex-piloto.
Carvalho disse que já testemunhou acidentes no trecho provocados pelos buracos e que, em uma ocasião, quase atropelou um motociclista, ao tentar desviar de uma “cratera” que ocupava as duas faixas da via.
“Meu carro está cheio de barulho, amortecedor estourado, estoura pneu, suspensão. E quem fica com o prejuízo sou eu. Essa prefeita é nota zero”, criticou o ex-piloto, que há 30 anos mora em Ribeirão Preto e, atualmente, trabalha como comerciante.
A reclamação de Carvalho é compartilhada pelo auxiliar de serviços gerais Paulo Souza, que vai para o trabalho todos os dias de bicicleta e contou que quase foi atropelado por um motorista, que tentava desviar de um buraco no asfalto e invadiu a contramão.
“Os carros desviam e, para não cair no buraco, preferem atropelar a gente. Um dia, um cara desviou do buraco, para não bater no buraco, jogou o carro em cima de mim, eu podia até ser atropelado”, afirmou.

Outros problemas
Além dos buracos, outros problemas apontados pelos motoristas são o mato alto no canteiro e vazamentos de água e esgoto, que acabam encobrindo os defeitos no asfalto. O resultado é um “zigue-zague” constante de veículos na marginal, no sentido bairro-Centro.
“Se bobear, quebra até o ônibus nesses buracos. Tem que passar com cuidado, desviando, não está fácil. Sem contar o risco de acidente, porque a gente tem que sair na contramão para desviar”, disse o motorista Arcangelo Resende de Souza.

Serviço programado
Em nota, a Secretaria de Infraestrutura informou que a operação emergencial de "tapa-buracos" iniciada esta semana priorizará corredores de ônibus e avenidas. Somente depois disso, o trabalho será direcionado aos bairros. Entretanto, a marginal da Bandeirantes será incluída entre os endereços programados para receber manutenção asfáltica.
Em relação aos vazamentos apontados na reporagem, o Departamento de Água e Esgoto de Ribeirão Preto (Daerp) informou que será feito um coletor no local "no início do próximo ano".
O mesmo comunicado informou também que uma equipe da Coordenadoria de Limpeza Urbana irá ao local nesta quarta-feira (16) para analisar a situação.
"Como neste momento outras áreas de maior circulação de motoristas e de pedestres, que estavam na programação estão tendo prioridade, a previsão para podar o mato alto é até a primeira quinzena de janeiro", consta na nota.


Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Aplicativo WhatsApp é suspenso por determinação judicial durante 48h
Muita gente teve que procurar outra alternativa para se comunicar.
Bloqueio traz prejuízo para quem usa o app como ferramenta de trabalho.

O aplicativo de mensagens WhatsApp foi bloqueado em todo o Brasil para cumprir uma determinação judicial, que obriga as operadoras de telefonia celular a suspender o serviço por 48 horas.

Em São Paulo, as pessoas estão se virando como podem sem essa popular ferramenta de comunicação.
Ele não funciona desde à meia noite e muita gente teve que procurar outra alternativa para falar com os amigos, com o pessoal do trabalho, com a família. São 48 horas sem trocar mensagens pelo aplicativo.

Para Antônio da Silveira, orientador de estacionamento, o jeito foi se reprogramar. Todos os dias, ele avisa a esposa a hora que vai sair do serviço pelo aplicativo, diz que está voltando para casa, mas desta vez, não teve outra escolha. “O jeito foi ligar. Infelizmente vou ter que gastar para ligar”, disse.

Roberto dos Santos talvez tenha um prejuízo maior. Ele abandonou as ligações e fecha negócios só através de mensagens. “Para mim vai ser um pouco complicado, eu tenho uma distribuidora de vinho e as pessoas fazem os pedidos através do WhatsApp. É mais rápido, mais prático né?”

Praticidade que o analista de sistemas Rodrigo Nunes vai ter que deixar de lado até sábado. “Morreu, estou chamando o pessoal para tomar uma cerveja, ninguém responde, aí você vê que a mensagem não foi entregue. Morreu mesmo o serviço. O jeito é voltar para o modo comum, que é ligar para as pessoas”.

O presidente executivo do WhatsApp, Jan Koum, criticou a suspensão do aplicativo. Ele declarou que está desapontado com a decisão da Justiça brasileira e se diz triste por ver o Brasil se isolar do resto do mundo.

Fonte: http://g1.globo.com/hora1
 
 
 CEO do WhatsApp critica Justiça brasileira logo após bloqueio do aplicativo
Desde a meia-noite desta quinta-feira começou a valer o bloqueio do aplicativo WhatsApp, por determinação da 1ª Vara Criminal de São Bernardo do Campo, que manteve o autor da ação sob sigilo. O criador do WhatsApp, Jan Koum, postou uma crítica à decisão da Justiça Brasileira, logo após o aplicativo parar de funcionar: "Estamos decepcionados com a decisão míope para cortar o acesso ao Whatsapp (...), e tristes por ver o Brasil se isolar do resto do mundo":

O assunto já é o mais comentado no Twitter e está em primeiro lugar nos tranding topics Brasil da rede social. Ao tentar enviar uma mensagem, o usuário visualiza apenas o sinal de que o processo não foi concluído (o ícone de um relógio).

Na internet, o bloqueio dividiu opiniões, com gente dizendo que sem o aplicativo haveria mais tempo para fazer outras coisas, mas a maioria ficou mesmo indignada com o cancelamento temporário do app. Houve até celebridade dando início a uma campanha para burlar o bloqueio.

As operadoras de telefonia celular receberam a ordem judicial nesta quarta-feira, com a determinação de bloquear o funcionamento do aplicativo em todo o território nacional por 48 horas. O WhatsApp informou, ao EXTRA, que não vai se pronunciar sobre o assunto.
A decisão foi proferida pela juíza Sandra Regina Nostre Marques em um procedimento criminal, que corre em segredo de justiça."Isso porque o WhatsApp não atendeu a uma determinação judicial de 23 de julho de 2015. Em 7 de agosto de 2015, a empresa foi novamente notificada, sendo fixada multa em caso de não cumprimento. Como, ainda assim, a empresa não atendeu à determinação judicial, o Ministério Público requereu o bloqueio dos serviços pelo prazo de 48 horas, com base na lei do Marco Civil da internet", afirma a decisão.


Fonte: http://extra.globo.com/
 
 
 Ribeirão Preto ganha maior aquário municipal do interior do Estado
Uma nova atração já pode ser conferida pelos visitantes do Bosque Zoológico Fábio Barreto. Foi inaugurado na manhã desta quarta-feira, dia 16, o aquário municipal com mais de mil peixes de 56 espécies, distribuídos em nove tanques. O espaço servirá de apoio para projetos de educação ambiental desenvolvidos no município, levando conhecimento das características culturais e ambientais.

Os recursos investidos são oriundos da Secretaria Municipal de Educação, por meio do Programa Integrado de Educação Ambiental, que capacita professores e educadores quanto à ecologia, contribuindo com a preservação dos ambientes aquáticos. “Trata-se de mais um investimento nas ações de incremento à educação do município. Uma conquista, não somente para a rede municipal de educação, mas para toda a cidade que passa a contar com uma ampla estrutura que garante o conhecimento da biodiversidade aquática”, destacou a prefeita Dárcy Vera.

Estrutura - Juntos, os tanques somam 300 metros quadrados e armazenam 186,5 mil litros de água. Os tanques abrigarão: o recinto do Jacaré do Pantanal, o recinto das Sucuris da Amazônia, os tanques Amazônico, de água doce para peixes da Bacia Amazônica, de Peixes da Bacia do Prata, de Peixes Bacia do Araguaia /Tocantins, de Água Doce para Peixes Carnívoros Predadores dos Rios Brasileiros, Peixes Ornamentais Acarás Amazônicos e Peixes Ornamentais Ciclídeos das Américas.

“A expectativa é muito positiva quanto ao fomento do Programa Integrado de Educação Ambiental, capacitando os educadores, além de trabalharmos com os ecossistemas e os impactos das ações do homem sobre o meio ambiente”, destacou o chefe de seção do Bosque Zoológico Municipal Ribeirão Preto, Alexandre Gouvêa, acompanhado pelos secretários de Meio Ambiente, Daniel Gobbi; Educação, Ângelo Invernizzi; Obras, Abranche Fuad Abdo e pelos vereadores Capela Novas, Cícero Gomes, André Luiz da Silva, Maurílio Romano e Walter Gomes.

“O bosque zoológico é um laboratório a céu aberto, que permite muitas novas experiências aos alunos”, destacou Invernizzi, lembrando que o PIEA - Programa Integrado de Educação Ambiental- é considerado referência no Estado de São Paulo.

Adaptação - Para a implantação dos tanques foi necessário estruturar o local com bombas, sistema de filtragem de água, instalação de ar condicionado, devidamente dimensionado, na administração, na área técnica e área de visitação, visando promover a manutenção da temperatura da água e o bom funcionamento dos equipamentos elétricos e o conforto dos visitantes. Tanques para apoio também foram instalados na área interna do aquário. Esses tanques serão usados para a quarentena dos peixes que necessitarem, antes de serem colocados junto aos demais no tanque.

Estabilização - Após a entrega das obras do aquário municipal, o local passou pelo processo de estabilização e biologia da água, medida necessária para que os tanques pudessem receber os peixes.


Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Toque de Coragem será exposta na Unimed Ribeirão Preto
“Toque de Coragem” será exposta na Unimed Ribeirão Preto

Exposição produzida pela Revide recebeu milhares de pessoas no Shopping Iguatemi e mostra mulheres que venceram a batalha contra o câncer de mama

A mostra de fotografia “Toque de Coragem”, produzida pela Revide, recebeu milhares de visitantes no Shopping Iguatemi, no mês de novembro. Mas quem não teve a oportunidade de conferir as fotos de Lídia Muradás que retratam mulheres que venceram a batalha contra o câncer de mama, agora há outra oportunidade: as imagens serão expostas na Unimed Ribeirão Preto, localizada na Avenida Itatiaia, 1150. 

Composta por 22 imagens e histórias diferentes, a mostra traz garra e grandeza de mulheres que enfrentaram o difícil tratamento da doença. Com força de vontade e fé, elas foram vitoriosas nessa batalha contra o câncer de mama e hoje se transformaram em inspirações para outras mulheres que passam pelo mesmo tratamento.

Além da exposição, a Revide também promoveu um caderno especial sobre o câncer de mama e seu tratamento, em que especialista falam da prevenção, diagnóstico e cura da doença.  A revista traz também as fotos da exposição e as histórias de cada uma das mulheres.

O coquetel de lançamento da exposição na Unimed Ribeirão Preto será realizado nesta quarta-feira, 16, às 19h30. As fotos estarão expostas até o fim de dezembro. Em janeiro, a mostra irá para o Hospital São Lucas.

Fonte: revide.com.br
 
 
 CEU das Artes completa um ano em Ribeirão Preto
O CEU das Artes de Ribeirão Preto (Centro de Arte e Esporte Unificado) completa um ano de funcionamento e já mudou a vida da comunidade. O local oferece aulas gratuitas de informática, teatro, violão, teclado, musicalização, dança de rua, cursos profissionalizantes, artesanato e futebol, além de uma grande estrutura física para prática de exercícios, leitura, etc.

São atendidas cerca de 200 pessoas diariamente, nas mais diversas atividades. A gestão do equipamento é feita por um Grupo Gestor eleito e composto por 15 pessoas divididas em Sociedade Civil Organizada, Comunidade do entorno e Governo Municipal. Todas as decisões relacionadas à ocupação do espaço são decididas em reuniões mensais.

As atividades do CEU são possíveis graças à presença de ONGs, associações e entidades, que utilizam de ampla estrutura para atuar no equipamento. O local possui, ainda, um prédio dedicado ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), centralizando as ações contínuas da pasta para aquela população.

A Secretaria da Cultura, mantenedora do prédio e colaboradora na administração do local, via gestão compartilhada, deve permitir, nos próximos dias, a entrega de mobiliário adicional, suprindo algumas necessidades apontadas pela população, como bebedouro, mural de recados, instrumentos musicais, livros, ar condicionado, materiais para manutenção e sistema de vigilância.

Estrutura

O prédio possui dois blocos, sendo que o primeiro conta com biblioteca, auditório, sala de informática, sanitários e administração. Já o segundo é composto de salas multiuso, sendo que uma delas é dedicada ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). O Centro de Arte e Esportes Unificados também conta com quadra de esportes coberta. O equipamento foi construído com recursos do Ministério da Cultura da ordem de R$ 1.560.537,37, mais contrapartida do município de R$ 139 mil.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Incidência de dengue em Ribeirão Preto é 18 vezes maior que em 2014
Em novembro, cidade confirmou 181 pacientes, contra 10 no ano passado.
Acumulado chega a 3,9 mil registros; Saúde vê risco de epidemia em 2016.

Balanço oficial divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde nesta terça-feira (15) registra que foram confirmados 181 casos de dengue em Ribeirão Preto (SP) em novembro.
Número 18 vezes maior na comparação com o mesmo período do ano passado, com 10, e superior ao dobro no paralelo com outubro, quando houve 76 registros - na divulgação anterior, o município informou que tinham sido 63.

A divulgação foi feita dias depois de o secretário municipal de Saúde, Stênio Miranda, vir a público anunciar preocupação para uma possível epidemia em 2016.
Como antecipado, o levantamento não tem confirmação de zika vírus nem de microcefalia associada à doença.
Alta acumulada de 882%
No acumulado entre janeiro e novembro, a cidade registrou 3.929 pacientes diagnosticados com dengue, diante de 400 computados em todo o ano passado, resultando em uma diferença de 882,25%.
O resultado obtido apenas em novembro supera registros do mesmo mês em anos anteriores, incluindo 2010, 2011 e 2013, que fecharam com números mais alarmantes de dengue.

Se no acumulado de 12 meses estes fecharam bem acima do registrado este ano - respectivamente com 29.637, 23.384 e 13.179 ocorrências, por outro lado, na comparação relacionada apenas a novembro apresentaram resultados mais baixos - respectivamente 68, 8 e 14 casos.
Este ano, ao menos duas pessoas morreram em função da doença e uma terceira morte está sob suspeita. Do total de 3.929 casos, a zona oeste é a que mais concentra registros, com 1.274, seguida da leste, com 923.
O aumento está diretamente ligado aos criadouros do mosquito Aedes aegypti, cuja incidência colocou Ribeirão Preto entre as quatro cidades da região consideradas em situação de alerta pelo Ministério da Saúde.
No Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), o ideal seria estar com incidência do mosquito abaixo de 1%, mas o município aparece com 1,6%. De acordo com a Vigilância em Saúde, 80% dos criadouros estão dentro de casa.

Zika vírus e febre chikungunya
O balanço divulgado nesta terça-feira pela Secretaria de Saúde ainda cita oito casos suspeitos de zika vírus na cidade, todos eles constatados em novembro, mas não registra nenhuma confirmação.
Desde o início de 2015, a cidade já confirmou cinco pacientes com microcefalia, mas nenhum deles foi associado ao zika vírus. Um caso suspeito está sob investigação do Estado.
Também associada à transmissão pelo mosquito Aedes aegypti, a febre chikungunya motivou 19 suspeitas ao longo de 2015 - duas delas em novembro -, das quais duas foram confirmadas em julho e setembro, mas de pacientes que não eram do município.



Fonte:http://g1.globo.com/
 
 
 Ribeirão Preto tem 181 casos confirmados de dengue em novembro
Até o dia 30 de novembro, o município de Ribeirão Preto registrou 181 casos de dengue. Os dados constam no Boletim Epidemiológico emitido mensalmente pela Secretaria da Saúde. O número de casos confirmados em novembro é superior ao de outubro, quando foram notificados 76 casos. “A tendência é de alta em função do clima chuvoso e quente”, afirma o secretário da Saúde, Stenio Miranda.

A região oeste é a que concentra o maior número de casos com 1274, seguida pela região leste com 923. Outros 788 casos foram notificados na região norte, 543 na central e 349 na região sul. Outros 52 casos estão em confirmação de distrito.

Zika Vírus

O Boletim Epidemiológico aponta ainda que Ribeirão Preto registrou oito casos suspeitos de zika vírus no mês de novembro, mas nenhum foi confirmado até o momento.

Com relação à microcefalia, doença que afeta recém- nascidos, a Secretaria da Saúde informa que todo ano o município de Ribeirão Preto registra casos suspeitos de microcefalia. Este ano foram registrados cinco casos, sendo um em agosto, um em  outubro, dois em novembro e um em dezembro. Desse total, três deles foram notificados conforme normas do Ministério da Saúde. Outros dois foram notificados, de acordo com o protocolo, relacionados à infecção pelo Zika Vírus. “Um deles já foi descartado e o outro é o caso de uma mulher que veio de uma cidade a 600 km de Recife (PE). No terceiro mês de gestação, ela fez um ultrassom que detectou que o bebê estava com microcefalia e, como tem parentes em Ribeirão Preto, ela decidiu vir fazer tratamento no município”, explica a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Maria Luiza da Silveira Santa Maria. O município de Ribeirão Preto ainda não registrou a circulação do zika vírus.

Febre Chikungunya

O mosquito Aedes Aegypti, além de transmitir dengue e o zika vírus, também transmite a febre chikungunya. Em Ribeirão Preto foram registrados dois casos suspeitos dessa febre, elevando para 19 os suspeitos no ano. Até o momento foram confirmados dois casos: um em julho e outro em setembro.

O Boletim Epidemiológico também informa que no mês de novembro foi registrado um caso de Síndrome Respiratória Aguda Grave, elevando para 70 pessoas atingidas no ano.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Estado investiga caso de Zika em Ribeirão Preto
Além do município, casos em Campinas, Mogi-Guaçu, Sumaré, Guarulhos e São Paulo também estão sendo examinados

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta segunda-feira, 14, que investiga seis casos de microcefalia, que é a malformação cerebral em recém-nascidos que estar relacionada com o Zika vírus. Entre eles, um caso está sendo investigado em Ribeirão Preto.

Além do município, casos em Campinas, Mogi-Guaçu, Sumaré, Guarulhos e São Paulo também estão sendo examinados. Dos seis registros, cinco estão sendo tratados como autóctones, quando a doença é contraída no Estado, sendo que o recém-nascido da capital de São Paulo é o único que a mãe tem histórico de viagem para o Nordeste.

De 17 de novembro até 10 de dezembro os municípios do Estado notificaram 46 casos de microcefalia ao Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria.

De acordo com a Secretaria, os seis casos analisados preenchem os requisitos clínicos para a ligação com o Zika, pois os sintomas são os mesmos apresentados pelas grávidas, como manchas avermelhadas pelo corpo durante a gestação e exames negativos para rubéola, toxoplasmose, sífilis, herpes e citomegalovírus.

Uma tomografia computadorizada foi feita em quatro casos e constou a presença de calcificação no cérebro, o que pode ser a infecção pelo Zika vírus.

Não há, no momento, exame sorológico disponível na rede pública de saúde do País para confirmação laboratorial do Zika. Somente este exame seria capaz de apontar anticorpos do vírus no sangue das mães cujos filhos nasceram com microcefalia, bem como atestar infecções de pessoas com os sintomas da doença.

A saúde está monitorando a circulação do vírus pelo Estado com exames feitos pelo Instituto Adolfo Lutz em amostras que deram negativo para a dengue. Até o momento, nenhum teste deu positivo para o zika vírus.

O que é a microcefalia?

A microcefalia é uma condição rara em que o bebê nasce com o crânio do tamanho menor do que o normal. A microcefalia é diagnosticada quando o perímetro da cabeça é igual ou menor do que 32cm, o esperado é que bebês nascidos após nove meses de gestação tenham pelo menos 34cm.

Segundo o médico e coordenador do Centro de Pesquisa em Virologia da USP de Ribeirão Preto, Benedito Lopes da Fonseca, em alguns casos a microcefalia é tão intensa que a criança vai a óbito logo no nascimento, e em outras situações depende da gravidade da doença para viver.

O que é o Zika?

Sendo da mesma família da dengue, o vírus Zika também é transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti.

Ainda de acordo com o médico, existem evidencias que o Zika pode ser transmitido pela transfusão de sangue, relações sexuais e transmissões verticais, que é passado da mãe pelo filho.  “Assim que entra a relação do vírus Zika com a microcefalia”, frisa.

Os sintomas também são parecidos com a dengue, mas a situação é mais branda. Como febre, dores no corpo, conjuntivite, mal estar, vermelhidão no corpo, dores nas juntas, entre outros.

Além da hidratação e controle da febre, não existe vacina ou outro tratamento para o vírus Zica. “As recomendações são as mesmas que usamos para a dengue. Usar apenas Dipirona ou Paracetamol e muita hidratação,” afirma o médico.

Relação com o Zika 

A relação entre Zika e microcefalia foi confirmada pela primeira vez no mundo no fim de novembro pelo Ministério da Saúde. A investigação ocorreu depois da constatação de um número muito elevado de casos em regiões que também tinham sido acometidas por casos de Zika.

O Ministério da Saúde já confirmou a relação do Zika com a microcefalia e investiga uma possível relação com a síndrome de Guillain-Barré.

 

Fotos: revide.com.br
 
 
 Inflação de Ribeirão Preto desacelera em novembro
Inflação de Ribeirão Preto desacelera e atinge 0,394% em novembro

Em outubro, IPC foi de 0,57%; alimentos e transporte permanecem em alta.
Etanol 13,62% mais caro protagoniza elevação em combustíveis no período.

A inflação em Ribeirão Preto (SP) chegou a 0,394% em novembro com desaceleração em relação a outubro - em 0,578% -, segundo dados divulgados nesta terça-feira (15) pela Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto (Acirp) em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).
O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) do período, de acordo com o levantamento, tem como principais altas a alimentação e o transporte, os mesmos que pesaram no mês anterior, além de baixas em habitação e vestuário.

Ainda influenciados pelo encarecimento nos combustíveis, os mesmos itens ainda impactaram nas contas, mas com menor intensidade, avalia o economista Fred Guimarães, responsável pela pesquisa.
De acordo com ele, a baixa não alivia a inflação de 2015, acumulada em 7%.
"Se você pegar o preço de novembro em relação a novembro do ano passado vai ver que está tudo muito mais caro. A renda não acompanha, as famílias não têm para onde correr", diz.

Alimentos
De acordo com o levantamento, entre os alimentos que mais pesaram no bolso do consumidor estão batata, cebola, tomate e maçã, com variações de 32,45%, 32,14%, 15,64% e 7,08%, respectivamente.
As altas são associadas às chuvas nas regiões produtoras e à variação cambial, que interfere nas importações. "Isso também tem um pouco da dificuldade de transporte do produto do campo para a cidade", acrescenta Guimarães.
Despesas pessoais, saúde e educação também subiram, mas tiveram menor impacto.
Por outro lado, as carnes, cada vez menos compatíveis com o orçamento nos últimos meses, registraram baixas. O quilo do acém caiu 1,53%, enquanto que o do contrafilé teve decréscimo de 2%. A isso o economista associa a necessidade de os vendedores darem fluxo ao estoque, mesmo com baixa na procura causada pelo encarecimento.
"O próprio empresário percebe que está trabalhando com um produto sazonal. Você tem um prazo de validade para comercializar, não tem muito espaço para segurar o produto", diz.
Processo inverso ocorrido com as bebidas, que, mesmo mais caras, não perderam a procura, sobretudo em função das festas de fim de ano. O item teve variação positiva de 0,58% em novembro.

Combustíveis em alta
Principais protagonistas na alta do transporte, o etanol e a gasolina ficaram 13,62% e 3,44% mais caros em novembro.
"Os produtos atravessam um bom momento. O próprio etanol está com uma demanda muito significativa. Enquanto não houver ajuste da demanda, o preço vai continuar subindo", afirma o pesquisador.
Ao mesmo tempo, a baixa demanda por viagens repercutiu em redução de 9,6% nas passagens aéreas. "Há muitas empresas que estão revendo ou reduzindo preços para tentar preencher a quantidade de assentos nas aeronaves ou entao vão perder faturamento e fatia de mercado."

Errata na inflação de outubro
A Acirp também revisou a inflação referente a outubro para 0,578% e não de 0,649% como informado anteriormente.
Em função de um equívoco de inserção nos dados de aluguel, a habitação foi superestimada, assim como o IPC geral.


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 293 mil carnês de IPTU são distribuídos em Ribeirão Preto
No período de 4 a 15 de dezembro, a Prefeitura de Ribeirão Preto, por intermédio da Secretaria Municipal da Fazenda, realizou a distribuição dos 293 mil carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU, sendo 50.773 territoriais (Terrenos) e 243.212 prediais (Prédios). O vencimento da parcela única, com 10% de desconto, vence no dia 11 de janeiro de 2016. O mesmo prazo vale para o vencimento da primeira parcela.

No caso do contribuinte não receber seu carnê para pagamento até a data do vencimento da primeira parcela, os boletos devem ser retirados na Secretaria da Fazenda, na rua Lafaiete, 1.000, Centro, ou no Poupatempo, no Novo Shopping, na avenida Presidente Kennedy, 1.500. Também no Portal Oficial da Prefeitura de Ribeirão Preto – www.ribeiraopreto.sp.gov.br – é possível visualizar e imprimir uma segunda via dos carnês mediante o número do cadastro.

O pagamento do IPTU pode ser realizado em qualquer agência bancária, correios, casas lotéricas, pela Internet e ainda pode-se efetuar o pagamento no banco do contribuinte, débito em conta corrente, até a data de vencimento de cada parcela.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Após 13 dias estudantes desocupam escola no Centro de Ribeirão Preto
Aulas no colégio Otoniel Mota foram retomadas nesta 2ª feira, diz Estado.
Alunos também já deixaram unidades em Sertãozinho (SP) e Franca (SP).

Alunos que ocupavam a Escola Estadual Otoniel Mota no Centro de Ribeirão Preto (SP) encerraram o movimento de ocupação na unidade de ensino na manhã desta segunda-feira (14), após 13 dias instalados no local, segundo informou a Secretaria Estadual da Educação. A reposição das aulas perdidas deve começar no próximo sábado (19) e o calendário será estabelecido pela diretoria do colégio, junto com professores e estudantes.

A desocupação ocorreu depois que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) recuou e adiou a reorganização de ensino, que fecharia escolas no Estado e ocasionaria a transferência de alunos. A escola Otoniel Mota, porém, não seria afetada pela reestruturação.

A assessoria da Secretaria da Educação informou que as aulas foram retomadas já na tarde desta segunda-feira. A partir da desocupação, a diretoria da unidade irá identificar quantas aulas foram perdidas para que o calendário de reposição seja definido.

A escola Otoniel Mota estava ocupada desde o dia 1º de dezembro e uma liminar para a desocupação do prédio chegou a ser expedida no mesmo dia pela Justiça de Ribeirão. Após notificação, os alunos teriam 24 horas para deixar o local, para reintegração de posse.
A medida, entretanto, não foi tomada e nenhuma operação de desocupação precisou ser feita. Três dias após o início da ocupação, o governador anunciou a suspensão da reorganização de ensino e adiou a medida para 2016.

Região
Ao todo, cinco escolas da região de Ribeirão Preto estavam ocupadas desde o anúncio da reestruturação. As escolas de Franca e Sertãozinho foram desocupadas na semana passada.

A primeira a ser desocupada, segundo a Secretaria Estadual da Educação, foi a Escola Estadual Doutor Orlik Luz, no bairro City Petrópolis, em Franca. Cerca de 30 estudantes permaneceram nas instalações da unidade entre 30 de novembro e 5 de dezembro.

Em seguida, no dia 10 de dezembro, foi a vez dos alunos deixarem a Escola Estadual Suely Machado da Silva, no Jardim Brasilândia, também em Franca. Eles ocuparam o prédio em 18 de novembro, de acordo com a Secretaria.

Em Sertãozinho, a escola Professor Bruno Pieroni voltou a funcionar na sexta-feira (11), depois que os estudantes receberam garantias da direção do colégio de que não serão transferidos e de que as matrículas na unidade estão garantidas para o próximo ano.
O movimento não terminou antes, com o anúncio da suspensão da reestruturação, porque os estudantes temiam que o Estado 'voltasse atrás' na decisão.


Fonte: g1.globo.com
 
 
 Mapa racial mostra diferenças em regiões de Ribeirão Preto
Baseado em dados do IBGE, o infográfico mostra concentrações variadas nas regiões do município

Um mapa racial tem chamado bastante atenção por exemplificar de maneira simples as diferenças raciais presentes em cada local do Brasil.

Não é novidade que o Brasil possui ampla variedade cultural e étnica. Já existem pesquisas que exemplificam as diferenças presentes no cotidiano nacional. Em Ribeirão Preto não é diferente, de acordo com dados apresentados no IBGE ainda há uma centralização racial presente em determinadas regiões.

O mapa aponta que a Zona Sul da cidade possui grande parte dos brancos moradores do município. Já os outros locais são apontados por uma certa divisão entre brancos e pardos. Os negros, asiáticos e indígenas representam a menor parte da população ribeirãopretana.

De acordo com o sociólogo Wlaumir Souza a etnia, gênero e classe foram um nó de sustentação da sociedade capitalista em que negros, pardos e mulheres tendem a compor as frações de classe mais baixas, exploradas e dominadas.

“Todavia, é um equivoco pensar que negros, pardos e mulheres são os mais explorados e excluídos devido à posição de classe, ou seja, por serem mais pobres. Temos de entender que é exatamente o contrário. Negros, pardos e mulheres são os mais explorados devido ao racismo e ao machismo. Ou seja, os negros tendem a ser mais pobres por serem os mais explorados socialmente com salários mais baixos devido à cor da pele e independentemente da qualificação, o que ocorre também com a mulher por ser mulher. Nesta hierarquia histórica e socialmente construída, o pardo fica como intermediário e por isto é mais aceito que o negro e menos integrado que o branco. Triste ver que em pleno século XXI isto seja uma verdade comprovada pelo mapa racial de Ribeirão Preto”, afirma o sociólogo.

O mapa racial interativo brasileiro permite zoom que mostra até o bairro de cada cidade, mostra a distribuição, com dados retirados do IBGE de 2010. Os detalhes aparecem descaradamente e comprovam que a segregação racial no Brasil ainda é bem forte.


Fonte: revide.com.br
 
 
 Tradicional coral natalino de Ribeirão Preto é no domingo
Evento ocorre nas janelas da Choperia Pinguim, no Centro; Milhares são aguardados

Por mais uma vez, a Companhia Minaz realiza o tradicional concerto natalino nas janelas da Choperia Pinguim, no centro de Ribeirão Preto. A apresentação ocorre às 20h do dia 20 deste mês.

Como já é tradição do calendário natalino de Ribeirão Preto, dia 20 de dezembro os Meninos Cantores da Cia Minaz realizarão o esperado concerto de Natal nas Janelas do Pinguim. A apresentação, que tem como público milhares de pessoas de Ribeirão e região, está em sua 18ª edição.

Os concertos de Natal dos Meninos Cantores ocorrem desde 1997 no quarteirão paulista. Essa parceria entre ambos os locais já rendeu a gravação de um CD com peças sacras e natalinas no ano de 2003.

Na apresentação, serão executadas canções tradicionais, como "Noite Feliz", "Boas Festas", "Jingle Bell Rock" entre outras. Haverá ainda a participação do “Papai Noel” em intervenções cênicas durante o evento.

O concerto é regido pela maestrina Gisele Ganade. 

Fonte: revide.com.br/
 
 
 Supremo define nesta quarta rito do processo de impeachment de Dilma
PC do B quer anular abertura do caso e eleição de opositores em comissão.

PT quer poder de veto para o Senado; oposição defende atos de Cunha.

O Supremo Tribunal Federal (STF) julga nesta quarta-feira (16) uma ação do PC do B que questiona o rito do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff iniciado no último dia 2 de dezembro pelo presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

A decisão poderá alterar regras do trâmite previstas numa lei de 1950 e nos regimentos internos da Câmara e do Senado, que detalham procedimentos para receber a denúncia, analisar as acusações, abrir o processo, afastar e depor um presidente da República.

Na ação, o PC do B questiona não só atos já realizados no caso – como o acolhimento do pedido, passo inicial do impeachment – como também outros que ainda estão por vir, inclusive no Senado, que irá julgar se houve ou não crime de responsabilidade.

O partido alega que a presidente deveria ter tido oportunidade de se defender antes. A legenda também contesta a eleição, por votação secreta, de uma chapa avulsa para a comissão que analisará as acusações contra petista. Além disso, o documento defende que o Senado possa recusar a abertura efetiva do processo antes do julgamento final.

Uma das principais dúvidas se dá em relação ao momento do afastamento provisório da presidente do cargo, por 180 dias, até o julgamento final sobre o impeachment. O PT diz que só o Senado pode suspender o exercício do mandato após abrir o processo; já a oposição defende que a decisão da Câmara já é suficiente.

Na última quarta (9), após suspender o processo, o relator da ação, ministro Edson Fachin, afirmou que, em seu voto, irá propor um rito "por inteiro" para o andamento do caso. Nesta terça, ele distribuiu o documento, com cerca de 100 páginas, para os demais ministros.

No julgamento, antes dos votos dos ministros, poderão se manifestar – além do PC do B – a Câmara, o Senado, a Procuradoria Geral da República, a Presidência. Cada um terá 15 minutos para se manifestar. Depois, PT, o PSDB, DEM, PSOL, Rede e Solidariedade, admitidos para opinar no caso, deverão dividir cerca de uma hora em suas sustentações.

Entenda abaixo os principais questionamentos do partido e o que dizem as partes:

Acolhimento do pedido
Um dos primeiros questionamentos do PC do B diz respeito ao recebimento da denúncia por Cunha. Para o partido, Dilma deveria ter sido ouvida antes, em atenção ao princípio da ampla defesa, com prazo de 15 dias para se manifestar. O partido aliado quer anular o ato, o que faria o processo voltar à estaca zero.

"O fato de a Câmara dos Deputados receber a denúncia e iniciar o processamento do feito – com todas as consequências no âmbito da produção de provas e da participação defensiva do Presidente da República – já constitui fator de grave perturbação da estabilidade do mandato presidencial", argumenta o partido.

Em manifestação, Eduardo Cunha discordou, argumentando que a presidente terá oportunidade de se defender em diversos outros momentos. Só na Câmara, alegou, isso ocorrerá duas vezes: antes do parecer da comissão especial que analisará as acusações e antes da votação no plenário que poderá autorizar o processo.

"O juízo monocrático do presidente da Câmara dos Deputados é de mera delibação: a denúncia é recebida ou rejeitada, insista-se à exaustão, pelo plenário", escreveu Cunha no parecer.

A opinião é avalizada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no parecer que ele encaminhou ao STF para subsidiar o julgamento. O chefe do Ministério Público ressaltou ao tribunal que "o rito resultante das normas constitucionais e da lei basta para garantia adequada do princípio da ampla defesa".

Comissão avulsa e votação secreta
Outro pedido do PC do B é a anulação da escolha de parte dos deputados que vão compor a comissão especial – a quem caberá recomendar ou não ao plenário da Câmara a abertura do processo – numa eleição com uma chapa alternativa (com integrantes não indicados pelos líderes dos partidos) e por votação secreta, como ocorrido na última terça.

Para o PC do B, o lançamento de candidaturas avulsas fere a autonomia do partido para indicar seus representantes na comissão, já que a definição final de quem entra fica com o plenário, formado por deputados de outras legendas. "Quando deputados optam por fazer dissidência à indicação do líder, portanto, contrariam a decisão do partido político", diz.

Em sua resposta ao STF, Cunha disse, porém, que a própria Constituição diz que as comissões poderão ser constituídas por partidos ou blocos parlamentares. Quanto à votação secreta, disse estar seguro que cumpriu o regimento.

"Dizer que essa eleição não teria que ser secreta é dizer que a eleição da Mesa [Diretora] não poderia ser secreta, que a eleição nas comissões não poderia ser secreta, dos membros do TCU [Tribunal de Contas da União] não poderia ser secreta, do CNJ [Conselho Nacional de Justiça] não poderia ser secreta", argumentou.

Neste ponto, a PGR discordou de Cunha, dizendo que a Constituição "não autoriza votação parlamentar sigilosa fora das hipóteses taxativas e excepcionais nela previstas expressamente", citadas por Cunha.

Afastamento da presidente
Um dos principais questionamentos do PC do B e foco de controvérsia no meio jurídico é o momento de afastamento provisório da presidente da República do cargo, por 180 dias, até o julgamento final sobre o impeachment.

Se, para a Câmara, isso ocorre imediatamente após 2/3 dos 513 deputados aceitarem a denúncia, na avaliação do Senado, da Presidência, da PGR e também do PC do B, o presidente da República só fica suspenso de suas funções após uma decisão dos senadores.

Os últimos argumentam que cabe ao Senado realizar a "instauração do processo", incluindo-se aí a decisão de dar início efetivo aos procedimentos para julgar o presidente. Por isso, o Senado diz que cabe à Câmara somente "o juízo de admissibilidade" das acusações, "de caráter essencialmente político".

"O STF já reconheceu que a Constituição da República de 1988 modificou as atribuições até então distribuídas entre as Casas Legislativas no procedimento de impeachment, transferindo a atribuição de processar para o Senado Federal e incluindo nesta competência até mesmo o recebimento (ou não) da denúncia popular", afirma em parecer o advogado-geral do Senado, Alberto Cascais.

Em suas manifestações, a Presidência e a PGR concordaram. "É natural que esse juízo acerca da instauração ou não do processo seja de fato objeto de deliberação pelos senadores da República, já que dessa instauração é que decorrerá a gravíssima consequência da suspensão do Presidente da República de suas funções", diz parecer encaminhado por Dilma e redigido pelo consultor-geral da União substituto, Fabrício da Soller.

Em seu parecer, Cunha refutou a tese. "Não é de forma alguma razoável se entender que a decisão apenas da Mesa do Senado – sem possibilidade, inclusive, de recurso – pode se sobrepor à decisão do plenário da Câmara dos Deputados. A denúncia será analisada pela Câmara dos Deputados, o que dispensa nova análise de uma absurda revisão pela Mesa do Senado Federal", diz o parecer.


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Sandy volta a Ribeirão Preto com show inédito
Sandy volta a Ribeirão Preto com show inédito

Após esgotar ingressos em todas as praças da nova turnê, cantora se apresenta no Centro de Convenções do Ribeirão Shopping neste sábado, 19

A cantora Sandy se apresenta em Ribeirão Preto, com conteúdo extra, para um show inédito de sua turnê. A apresentação ocorre neste sábado, 19, às 22h, no Centro de Eventos do Ribeirão Shopping.

No set list do show, que conta com direção geral de Raoni Carneiro e direção musical de Lucas Lima, Sandy revisitará um pouco do repertório dos álbuns solo "Manuscrito" (Pés Cansados, Quem Eu Sou, Ela Ele) e "Sim" (‘Aquela dos 30’, ‘Escolho Você’, ‘Ponto Final’); fará releituras de sucessos de artistas consagrados como, por exemplo, a romântica ‘Só Hoje’ do grupo Jota Quest; alguns clássicos de ‘Sandy e Junior’ e canções inéditas.

Toda concepção cenográfica tem a assinatura do experiente e renomado Zé Carratu e segue dentro do perfil intimista já característico de Sandy em sua fase solo, cujo objetivo central é trazer sempre em primeiro plano a música, o ‘ao vivo’, a performance e o show em si.

Para os fãs de outras cidades, a nova turnê estreia em 2016 e segue por novas praças logo após o lançamento do DVD, no primeiro semestre do ano.

Serviço

Quando: 19 de dezembro às 22h
Onde: Centro de Convenções do Ribeirão Shopping
Classificação: 18 anos
Valor: A partir de R$ 75,00
Ponto de venda: Bilheteria do Centro de Convenções do Ribeirão Shopping

Fonte: revide.com.br
 
 
 Aeroporto de Ribeirão Preto é alvo de segundo furto em menos de uma semana
Aparelho de R$ 1 milhão foi levado no sábado (12); PF investigará o caso.
Piloto e moradores denunciam facilidade para invadir o Leite Lopes.

O Aeroporto Estadual Leite Lopes, em Ribeirão Preto (SP), foi alvo de um furto pela segunda vez em menos de uma semana.
Dias depois de levarem cabos de radiofrequência e energia, no último sábado (12) ladrões saíram do local com um aparelho de ar condicionado e um equipamento utilizado para orientação de rota avaliado em R$ 1 milhão.
A perícia esteve no aeroporto na tarde desta segunda-feira (14). Nenhum suspeito foi preso. Como o aeroporto é um espaço de responsabilidade da União, as investigações ficarão a cargo da Polícia Federal, apurou a EPTV.

Um piloto que prefere não ser identificado e uma associação de moradores da zona norte denunciam a vulnerabilidade do aeroporto.
No início deste mês, um adolescente invadiu a pista do aeroporto e impediu a decolagem de um voo porque pretendia tirar fotos de aviões.
O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) informou que a área do furto é de responsabilidade da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Em nota, esta não falou sobre a segurança do aeroporto, mas comunicou que a operação de voos no Leite Lopes não será prejudicada.

Vulnerável a invasões
A vulnerabilidade do aeroporto é denunciada por um piloto que prefere não ser identificado. Segundo ele, os arredores deveriam ser mais bem monitorados.
"Para mim a segurança do aeroporto é uma coisa absurda das portas para dentro. Mas o entorno é completamente abandonado. Você não vê uma vigilância, isso aí já tem precedente. Se tem precedente tinha que ter um sistema de alarme, tinha que ter alguma coisa de aproximação que tocasse em algum lugar lá dentro do aeroporto", reclama.
Segundo ele, o equipamento levado no sábado - um VOR, usado na navegação aérea - já está obsoleto e inoperante, além de sua falta não atrapalhar as atividades do aeroporto. No entanto, somente poderia ser levado por alguém que sabe como desmontá-lo e conhece seu valor de mercado.
"Acho que isso é uma negligência dos administradores do aeroporto. É uma coisa que teria que ser mais cuidada. Se o aparelho lá vale milhões, o que ia custar um aparelho detector de presença ali para avisar, uma sirene?", questiona.

A fragilidade da segurança do Leite Lopes também é denunciada por Marcos Valério Sérgio, secretário da Associação de Moradores do Jardim Aeroporto e morador do bairro há 20 anos.
As telas que fecham o entorno do aeroporto são facilmente danificadas, principalmente por adolescentes que invadem a pista a qualquer hora do dia.
"Cai uma pipa lá dentro a molecada vai lá buscar. O guarda chama a atenção, mas nem toda ocorrência fica oficial por causa do marketing do aeroporto internacional. Eles fazem um remendo, uma gambiarra aqui, passa um tempo, a cerca é novamente danificada. Qualquer um com alicate chega, corta e entra. Aqui é totalmente vulnerável", diz.
A facilidade de invasão também propicia a ação de criminosos, segundo Sérgio, que sugere a construção de um muro no local.
"Do lado da cerca à noite não se enxerga nada. É cheio de mato, cheio de árvore, essa cerca nesse estado esconde o marginal. O marginal pula e está dentro do aeroporto e rouba equipamento."
Daesp e Infraero
O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo, responsável pelo aeroporto, informou que a competência da área do furto é exclusiva da Infraero, mas confirmou que possui sistema de segurança e equipe reforçada no local.
"Apesar de a área estar localizada no Aeroporto Leite Lopes, a vigilância, as medidas e o sistema de segurança dos equipamentos e de suas dependências destinadas à navegação aérea do aeródromo cabem única e exclusivamente à Infraero", comunicou, em nota.
Por outro lado, a Infraero informou que a falta do VOR não interfere nas operações de voos, porque o aeroporto possui outros equipamentos de navegação.
"Ainda não há prazo definido para o reestabelecimento do equipamento. A Infraero e o administrador do aeroporto avaliarão quais as medidas necessárias para que o sistema volte a operar", anunciou.

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Creches de Ribeirão Preto abertas nas férias são reduzidas de 75 para 21
Prefeitura alegou ociosidade; acordo foi assinado com Defensoria Pública.
Ajuste está condicionado à garantia de vagas compatíveis com demanda.

Um acordo assinado pela Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) e a Defensoria Pública do Estado de São Paulo prevê uma redução de quase dois terços nas unidades de educação infantil abertas durante o recesso escolar a partir de 2016.
Dos 75 centros de educação infantil (CEIs) e escolas municipais de educação infantil (Emeis) que desde 2009 ficam abertos nas férias de janeiro e julho - em função de um termo de ajustamento de conduta (TAC) de 2009 -, 21 serão mantidos em funcionamento para atender uma demanda estimada em 2,5 mil crianças por dia pela administração municipal.
A Prefeitura anunciou que concentrará as atividades nessas unidades (confira a relação nesta matéria) justificando querer cortar gastos e evitar que parte das escolas fique ociosa.
"As famílias já foram orientadas pelas unidades escolares onde os filhos estão matriculados", confirmou o Executivo, por meio de sua assessoria de imprensa.


Transporte gratuito
A medida, segundo a defensora da área da Infância e Juventude Natália da Costa Nora Bügner, pressupõe a garantia de transporte gratuito para crianças e responsáveis - quando necessário - até as unidades que ficarão em funcionamento.
"Os pais foram esclarecidos sobre a possibilidade de organização em polos, concordaram e assim declararam em fichas do controle para que a Prefeitura pudesse também controlar a questão do transporte", disse.
Além disso, mais escolas deverão ser abertas caso as vagas sejam insuficientes para a demanda.
"O município tem cumprido as imposições que colocamos, com número mínimo de 11 CEIs e dez Emeis. A Prefeitura se comprometeu que, ao verificar que esse número é insuficiente, novos polos devem ser abertos."
A mudança, no entanto, não se aplica ao período compreendido entre 18 e 24 de dezembro - quando as 75 unidades da rede ainda deverão estar abertas - e entre 24 de dezembro e 1º de janeiro de 2016 - único período do ano em que, segundo o TAC, todas as escolas fecham.
Procurada pelo G1, a Prefeitura informou que não há previsão de aumento no número de profissionais nas escolas em função da mudança e que não tem ainda uma previsão de quanto deve economizar. "O cálculo só será possível após o transcorrer do período de janeiro", comunicou.


Confira quais unidades de educação infantil ficarão abertas no recesso escolar a partir de 2016 em Ribeirão Preto:

CEI João Pedro Castroviejo (Jardim Heitor Rigon)
CEI Cloresdith Ferlin Ferreira (Bairro Adelino Simioni)
CEI Sebastião Martins de Moura (Vila Albertina)
CEI Hortêncio Pereira da Silva (Jardim Aeroporto)
CEI Ana Franco do Amaral (Jardim Helena)
CEI Leonor Mertília Costa (Jardim Diva Tarlá de Carvalho)
CEI Deolinda Gasparini (Vila Virgínia)
CEI Maria Regina Cavalcanti (Jardim Progresso)
CEI Quintino Vieira (Jardim Paiva I)
CEI Victor Youssef Darkoubi (Planalto Verde)
CEI Thomaz Urbinatti (Bonfim Paulista)
Emei Ruy Escorel (Jardim Heitor Rigon)
Emei Elza Guazzelli da Costa (Bairro Avelino Palma)
Emei Áurea Ap. Braghetto Machado (Vila Lobato)
Emei Hilda Maria Sobral Barbosa Mandarino (Jardim Procópio)
Emei José Carlos Sobral (Jardim Prof. Antonio Palocci)
Emei Nicolau Dinamarco Spinelli (Pq. Residencial Cândido Portinari)
Emei Carmem Massarotto (Campos Elíseos)
Emei Wanda Princivalli Marçal (Jardim Helena)
Emei José Pedro Moreira (Parque Ribeirão Preto)
Emei Zilda Cossa D’Ávila (Jardim João Rossi)

Entenda o caso
Em 2008, a Defensoria Pública ajuizou uma ação civil pública contra a Prefeitura em defesa de pais que se sentiam desassistidos pelo fechamento das creches nas férias escolares.
Em função disso, a administração municipal concordou em assinar um TAC em 2009, se comprometendo em manter abertas as 75 CEIs e Emeis da rede.
Porém, este ano, segundo a defensora Natália da Costa, a Prefeitura pediu alterações no termo de ajustamento, alegando ociosidade. Em nota divulgada por sua assessoria de imprensa, o Executivo citou baixa frequência de alunos e informou que a experiência foi "extremamente dispendiosa ao município".
Depois de uma audiência pública na Câmara, em 16 de novembro, com pais, alunos e professores, e diante de levantamentos da Secretaria Municipal de Educação que mostram a capacidade de atender a demanda, o órgão concordou com as mudanças, prevendo a abertura mínima de 10 CEIs e 11 Emeis.
"Todos os interessados foram ouvidos. Dessa audiência concluímos ser possível sim organizar o atendimento no sistema de polos, desde que com condições impostas ao município", afirmou Natália.
A defensora confirmou que vai acompanhar o andamento das atividades nas creches para verificar eventuais problemas.
"Pais e mães não têm férias porque as crianças estão de férias. A mãe precisa trabalhar e não tem onde deixar essa criança. Esse é o mote de atuação. A nós pouco importa se isso é Secretaria de Educação ou Promoção Social. Há um caráter assistencial de pessoas carentes, cujos pais precisam trabalhar e não têm com quem deixar. É uma causa muito cara à Defensoria", diz.

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 População da região de Ribeirão Preto tem maior alta em 8 anos
De 2006 a 2014, número subiu 11,7%, aponta USP; emprego gera migração.
Campinas e São Carlos também se destacam, com índices acima da capital.

Um estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de São Paulo aponta que a região administrativa de Ribeirão Preto (SP) foi a que registrou maior crescimento populacional em oito anos no Estado. De 2006 a 2014, a área teve um aumento de 11,7% no número de pessoas, principalmente atraídas por oportunidades no setor sucroalcooleiro, serviços e comércio.

Entre as 15 regiões analisadas, o Boletim Estrutura Produtiva do Centro de Pesquisa em Economia Regional (Ceper/Fundace) também destaca Campinas (SP) e São Carlos (SP) que respectivamente ficaram na segunda e sexta posições e, assim como a primeira colocada, superam o índice demográfico da região metropolitana de São Paulo, de 6,81%.

Em todo o Estado, o índice registrado foi de 7,71%, com 42.673.386 habitantes em 2014 diante de 39.620.277 em 2006.
Se por um lado o crescimento mostra alto potencial de desenvolvimento e dinamismo econômico nas áreas analisadas, por outro implica problemas de infraestrutura para os quais, segundo o especialista em gestão pública João Luiz Passador, da USP de Ribeirão, as prefeituras em geral não conseguem se planejar.


Ribeirão Preto
O estudo mostra que, de 1.173.066 habitantes em 2006, a região administrativa de Ribeirão saltou para 1.310.348 em 2014. Alta de 11,7% ocasionada principalmente por uma migração de mão de obra no setor sucroenergético, em municípios como Sertãozinho (SP), e das oportunidades nas áreas de comércio, serviços e construção civil, que são reflexo dessa dinâmica de produção, afirma o economista Luciano Nakabashi, um dos coordenadores da pesquisa.
"As pessoas acabam migrando entre as regiões e de outros lugares do país muito em função das oportunidades de trabalho. Em Ribeirão Preto com esse crescimento do setor sucroalcooleiro que houve até 2012, acabou sendo um município que criou bastante emprego", diz.


Campinas e São Carlos
A região administrativa de Campinas aparece como a segunda colocada no levantamento, com crescimento de 10,87%, saltando de 5.906.158 habitantes para 6.548.374 em oito anos.
Elevação resultante de uma descentralização de empresas da capital, em geral mais cara para a condução de negócios. A ampla oferta de mão de obra qualificada a uma distância relativamente pequena facilita esse processo de migração para o interior, afirma Nakabashi.
"A concentração acaba gerando alguns problemas de locomoção, parte de logística e custo já muito elevado. Muitas vezes os empresários, quando vão abrir novas plantas, acabam optando por um interior que é próximo, como Campinas, Sorocaba, São José dos Campos", afirma.


Em sexto lugar no Estado, a região central, com municípios como São Carlos e Araraquara (SP), registrou uma elevação populacional de 7,55%. Em 2006, a área tinha 914.050 moradores, enquanto que em 2014 passou a contar com 983.090.
A localização privilegiada e a disponibilidade de centros de formação de referência, sobretudo em áreas como engenharia, contribuem para a atração de empresas e, consequentemente, de novos moradores.
"Também é uma região mais barata que Ribeirão Preto em termos de mão de obra e preço de terreno. Tudo isso acaba sendo atrativo para empresas."
Sobretudo nos últimos dois anos, em função de uma conjuntura desfavorável à indústria, essas regiões têm amargado perdas e só devem encontrar um cenário de recuperação a partir de 2017, avalia o pesquisador.
Despreparo das prefeituras
Ao mesmo tempo em que o crescimento sinaliza dinamismo da economia, o professor em gestão pública João Luiz Passador, da USP de Ribeirão, alerta para o despreparo das cidades para garantir qualidade de vida e desenvolvimento humano aos seus habitantes, sobretudo em questões básicas como saneamento, habitação, saúde e educação.
"O setor público de modo geral já há bastante tempo perdeu uma certa capacidade de fazer diagnóstico de planejamento, especialmente de longo prazo. Portanto, esses fenômenos migratórios pegam as prefeituras meio desprevenidas. Elas correm atrás um pouco do fato e do prejuízo tentando resolver de toda maneira", afirma.
Nesse contexto, ele critica a atual política de repasses tributários, cuja distribuição, segundo ele, é desfavorável aos municípios.
"Apesar de o município ser o mundo de verdade, onde as pessoas vivem, produzem riqueza, consomem, da massa de tributos gerados fica com a menor parcela e acaba tendo que se virar para dar conta dessa carteira enorme de necessidade de seus habitantes", afirma Passador.

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Seis tesouros encravados no coração de Ribeirão Preto
Entre eles, dois prédios históricos estão com projetos de revitalização em andamento

O copo está mais cheio do que vazio para a região central de Ribeirão Preto. Se a novela das obras do Calçadão ainda se arrasta pelos capítulos finais e a Lei Cidade Limpa está ameaçada por retrocessos, o Centro registra bons índices de segurança e tem projetos de revitalização do patrimônio histórico em andamento. Empresários, especialistas e munícipes concordam que ainda há muito para melhorar, mas ressaltam que o otimismo fala mais alto.

Patrimônio Histórico

Presidente da Amec (Associação dos Amigos, Moradores e Empresários do Centro), Marcos Ferreira lamenta o estado atual dos prédios históricos. “Eles poderiam ser usados como forma de alavancar o turismo para a região central”.

Mas ainda há esperança: dos seis principais imóveis históricos (Hotel Brasil, Palacete Camillo de Matos, Palacete Albino de Camargo, Biblioteca Altino Arantes, Palacete Jorge Lobato e Edifício Diederichsen), dois estão com projetos de revitalização em andamento.

“Queremos revitalizar, preservar e, principalmente, deixá-lo disponível para a população”, explica a arquiteta Ingrid Lopes, que adquiriu o Palacete Jorge Lobato em janeiro deste ano com o irmão Hector Lopes.

Eles firmaram parceria com a universidade Moura Lacerda, que está realizando o levantamento histórico e arquitetônico do casarão, construído em 1922. Em 2016 terá início o processo da revitalização. Depois, o local irá abrigar um café. “Mas sem perder as características originais”, diz Ingrid.

A biblioteca Altino Arantes também é alvo de um projeto de revitalização. E bem ambicioso. “Queremos rivalizá-la com o Theatro Pedro II”, diz Marcos Awad, presidente da Fundação Educandário, responsável pela biblioteca.

Hoje a biblioteca conta com 600 m². O projeto é revitalizá-lo e, ainda, construir mais 900 m². “Será uma estrutura moderna contrastando com a histórica”, explica. Avaliado em R$ 12 milhões, o projeto seria totalmente custeado pela iniciativa privada.

Mas há um porém: a proposta aguarda desde 15 de abril pela aprovação do Compac (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Artístico e Cultural de Ribeirão Preto). “Esse processo está muito mais lento do que esperávamos”, lamenta Marcos.

O presidente do Comur (Conselho Municipal de Urbanismo), João Theodoro Feres Sobrinho, lembra que a maioria dos prédios históricos é de propriedade privada, e que problemas de herança, falta de recursos financeiros e de legislação “incentivadora” trava a revitalização. 

Fonte: http://www.jornalacidade.com.br/
 
 
 Grupos da região de Ribeirão Preto protestam por impeachment de Dilma
PM estima 2,5 mil pessoas em Ribeirão; organizadores falam em 10 mil.
Em Jaboticabal, chuva frustrou protesto, encerrado com adesão de 200.

Manifestantes se reuniram na manhã deste domingo (13) no Centro de Ribeirão Preto (SP) em um protesto pelo impeachment da presidente Dilma Roussef (PT). De acordo com estimativa da Polícia Militar, 2,5 mil pessoas participaram do ato, que começou com uma concentração entre as praças XV de Novembro e Carlos Gomes às 10h e terminou com uma passeata pelas ruas às 12h.
Por outro lado, os organizadores integrantes do Movimento Brasil Limpo estimaram uma participação total de dez mil pessoas.

Depois de passarem pelas ruas General Osório e Visconde de Inhaúma, moradores fizeram uma passeata com trio elétrico que se estendeu por oito quarteirões na Avenida Nove de Julho até o cruzamento com a Avenida Presidente Vargas.
A chuva dispersou os manifestantes, que encerraram o protesto após entoarem o Hino Nacional.
“Nossa bandeira sempre foi o impeachment e a mensagem foi muito bem aceita pela população de Ribeirão Preto. Entendemos que havia e há motivos suficientes para o impedimento da presidente, ou seja, para impedi-la de governar da forma que tem sido", afirmou o representante comercial André Rodini, de 47 anos, um dos integrantes do Movimento Brasil Limpo.
De peruca verde, apito amarelo e sombrinha também nas cores da bandeira brasileira, o aposentado José Carlos Barbieratto foi um dos que aderiram ao protesto pedindo a saída de Dilma da presidência. “Estou assim, porque quero ser feliz e mandar essa mulher embora”, disse.
A Polícia Militar, que interditou ruas e acompanhou todo o trajeto, confirmou não ter registrado incidentes de violência.

"Têm idosos, crianças, bastante gente com camisa das cores do Brasil. Não tem nenhum incidente. Vieram para se manifestar de forma pacífica", afirmou o capitão da PM Henrique Carvalho.
Sertãozinho
Em Sertãozinho (SP), os manifestantes pró-impeachment ficaram concentrados na Praça 21 de Abril das 10h às 11h30 e não realizaram a passeata pelas ruas da cidade, como estava previsto.
Segundo a Polícia Militar, em torno de 50 pessoas aderiram ao ato. Já os organizadores estimam que aproximadamente 300 pessoas participaram das manifestações.
Um dos líderes do movimento "Vem Pra Rua Sertãozinho", o agente de viagens Allex Coelho, de 41 anos, atribuiu a baixa adesão ao pouco tempo de divulgação do protesto.
"No movimento vi muitos ricos que não precisariam estar ali. Em contrapartida, muitos que não têm onde cair morto estão em casa esperando que um milagre aconteça", disse.
Jaboticabal
A manifestação pró-impeachment prevista para acontecer em Jaboticabal (SP) reuniu moradores na Praça Nove de Julho a partir das 9h e foi encerrada por volta das 10h.
De acordo com os organizadores, em torno de 200 pessoas participaram. Segundo a PM, foram 10 manifestantes.
Devido à baixa adesão, o grupo ficou apenas concentrado, não saindo em passeata pelas ruas da cidade, como previsto. De acordo com o técnico em meio ambiente Ricardo Alexandre Miciano, de 39 anos, a chuva atrapalhou.
"Nem saímos da praça. O pessoal foi chegando, saindo, o horário foi se estendendo e resolvemos terminar. Nem ganhamos as ruas", disse.
Barretos
Em Barretos (SP), segundo informações do cabo Roberto Dias de Camargo, a manifestação começou às 13h10 e terminou às 15h30. Depois de se concentrarem em frente ao Fórum da cidade, os participantes saíram em carreata seguindo um caminhão de som até o Centro.
De acordo com Camargo, cerca de 50 pessoas aderiram ao movimento pacífico.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Piloto de Ribeirão Preto é campeão da Stock Car
O piloto Marcos Gomes, de Ribeirão Preto, é o novo campeão da Stock Car 2015. Ele se envolveu em um acidente logo no começo da última corrida da temporada, realizada nesse domingo (13), no circuito de Interlagos, em São Paulo.

Mesmo assim, ele conquistou o título devido ao seu concorrente direto, Cacá Bueno, ficar apenas na 21ª posição.

Após o título, o piloto comemorou e disse em entrevista ao canal “SporTV”: "Não tenho palavras para descrever hoje, o fim de semana, o ano. Tudo valeu a pena. As alegrias compensam todas as frustrações”.

Marcos ainda completou: "Meu pai sempre foi meu ídolo. Dar o quinto título da família Gomes é muito emocionante. Queria agradecer não só ao meu pai, mas à minha família, aos amigos, namorada e minha equipe. Este ano era pra ser nosso".

Fonte: Ribeirão Preto Online
 
 
 Antigo motel vai abrigar a Cetrem em Ribeirão Preto
A prefeita Dárcy Vera (PSD), vistoriou na última sexta-feira (11), a obra que está sendo realizada no prédio onde será instalada a Cetrem (Central de Triagem e Encaminhamento ao Migrante/Itinerante e Morador de Rua), localizado na rua Mogi Mirim, 45, no bairro Jardim Salgado Filho II, zona norte da cidade.

O local, que é um antigo motel, está passando por uma grande reforma e a previsão de entrega da obra é para início de fevereiro de 2016. Estão sendo construídos cinco refeitórios, área administrativa, salas de atendimentos sociais e com educadores, banheiros externos e uma cozinha piloto. Todos os 42 quartos, que são suítes, também estão sendo reestruturados.

Para receber os usuários do serviço, a Secretaria de Assistência Social está reformulando a logística no atendimento. Neste novo prédio, serão três alas, individuais, uma para casais, outra somente para os homens, e a terceira para mulheres e famílias. Cada setor poderá receber até 50 pessoas, chegando a 150 atendidos. Todas as alas possuem entradas separadas e o único acesso em comum é a área administrativa. Equipes multidisciplinares, com assistente social, psicólogo, agentes administrativos, também serão por setor.

Cetrem

Atendimento ao migrante, itinerante e morador de rua de ambos os sexos, maiores de 18 anos, em situação de vulnerabilidade ou exclusão social, oferecendo-lhes acolhimento temporário e oportunidades para seu fortalecimento familiar, pessoal e social, com vista à sua inclusão, autonomia e independência, através da participação em atividades socioeducativas e oficinas operacionais.

O processo sócio educativo das ações para a inclusão produtiva ocorre através de uma abordagem construtiva, e desenvolvimento de oficinas: culturais, e de apoio, ações e atividades socioeducativas para orientações, capacitação que favorecem a saída da rua e retorno ao conví­vio familiar e ou comunitário, bem como, oportunidades de acesso ao Mercado de Trabalho.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Ribeirão Preto inaugura terminais de ônibus urbano com 4 meses de atraso
Ribeirão Preto inaugura terminais de ônibus urbano com 4 meses de atraso
Chuvas e mudanças inesperadas no projeto foram alegações apresentadas.
Plataformas são anexas ao terminal principal e só funcionarão no sábado (12).

Previstas inicialmente para agosto, as plataformas de ônibus urbano entre a Rua José Bonifácio e a Avenida Jerônimo Gonçalves, em Ribeirão Preto (SP), foram inauguradas nesta sexta-feira (11), após dois adiamentos do prazo. Os usuários do transporte público, no entanto, ainda não puderam utilizar o serviço, já que o terminal só começará a funcionar no sábado (12).
Segundo a Prefeitura, a expectativa é que 30 mil pessoas passem diariamente pelo local, com quatro mil metros quadrados e que atenderá 33 linhas de ônibus urbano. As plataformas são anexas ao terminal principal, Dra. Evangelina de Carvalho Passig, situado ao lado do Terminal Rodoviário, inaugurado em junho desse ano, também com atraso de um ano.

A construção das plataformas integra uma série de obras que devem ser feitas pelo consórcio Pró-Urbano, que reúne as empresas permissionárias do transporte público, e constam no contrato firmado entre ele e a Prefeitura em 2012.

Entenda o caso
A demora para entrega dos novos terminais foram justificadas primeiro pelo secretário de Obras, Abranche Fuad Abdo, alegando que as chuvas registradas em setembro atrapalharam o andamento da obra. Além disso, Abdo explicou que problemas na fundação do terreno, que não estavam previstos, também demandaram mudanças no projeto inicial.
Em entrevista à EPTV, o secretário afirmou que as plataformas seriam entregues em 14 de outubro. Entretanto, como o prazo não foi cumprido pelo Pró-Urbano, a prefeitura notificou o consórcio - foi a primeira notificação desde a assinatura da concessão do transporte público.
Em nota, o Pró-Urbano atribuiu a demora a questões como a retirada de um poste de energia elétrica, a criação de pontos de captação de água para drenagem, revisão do projeto e execução de piso tátil de acessibilidade.
Os novos terminais contam com lanchonete, refeitório e sanitários para motoristas e usuários, além de terminais de autoatendimento para recarga dos cartões eletrônicos. As paradas de ônibus também possuem painéis informando os horários, em tempo real, de todas as linhas que passam pelo local.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 20 famosos que têm raízes em Ribeirão Preto
Conheça estrelas nacionais que possuem traços com Ribeirão

Ribeirão Preto, além de cidade do chope, é também o berço de muitos talentos conhecidos no cenário nacional. Existem artistas, apresentadores e até atletas que nasceram ou foram criados na cidade e hoje são celebridades que despontam seus talentos para o Brasil ou o mundo.

Quem é que já pensou que graças a Ribeirão existem aviões por todo planeta, ou que foi aqui em que foi criado um dos maiores craques do futebol nacional? Até o “Boa Noite” dito todos os dias durante o Jornal Nacional tem relação com a cidade. Em histórias mais recentes, o município também é berço de revelações nacionais de 2015.

Separamos algumas destas pessoas que você provavelmente não sabia que possuíam relação com o município. Conheça nomes de Ribeirão Preto que são ou foram conhecidos nacional ou internacionalmente.

1. William Bonner: Muita gente não sabe, mas William Bonemer Júnior - conhecido como William Bonner, um dos nomes mais representativos do jornalismo brasileiro que está à frente do "Jornal Nacional" há mais de 15 anos - nasceu em Ribeirão Preto, em 16 de novembro de 1963. Bonner é casado com a jornalista Fátima Bernardes e é pai dos trigêmeos Vinícius, Laura e Beatriz.

2. Marilia Gabriela: A grande entrevistadora nacional nasceu na cidade de Campinas (SP), em 31 de maio de 1948. Mas foi em Ribeirão Preto, onde morou dos 11 aos 20 anos, que se formou professora primária. Na década de 60 Marilia mudou para a capital para estudar cinema e publicidade. Foi a partir daí que seu talento foi despertado.

3. Heraldo Pereira: Outro jornalista de destaque no cenário nacional e também apresentador do Jornal Nacional, Heraldo Pereira nasceu em 1 de setembro de 1961. Ainda adolescente, trabalhou no jornal interno de uma companhia telefônica da prefeitura e na Rádio Clube de Ribeirão, onde, aos 18 anos, conseguiu um estágio como repórter na recém-inaugurada TV Ribeirão Preto, afiliada da TV Globo. Pereira é famoso por cobrir a política em Brasília.

4. Datena: Pode-se dizer que o jornalismo televisivo nacional tem sido lapidado por nomes de Ribeirão. Outro homem nascido na cidade que pertence a este circuito é José Luiz Datena, que nasceu em 19 de maio de 1957. Datena começou sua trajetória no rádio. Sua aptidão excepcional garantiu passagem pelas principais emissoras de televisão do Brasil e a conquista do prêmio Vladimir Herzog, um dos mais conceituados do jornalismo nacional.

5. Raí: Principal jogador do São Paulo Futebol Clube nos anos 90, Raí Souza Vieira de Oliveira, irmão do também ex-jogador Sócrates, nasceu na cidade do café. Iniciou sua carreira no Botafogo Futebol Clube, aos 15 anos de idade. Passou pela Ponte Preta por empréstimo durante o Campeonato Brasileiro de 1986 e no ano seguinte voltou ao Pantera durante o Campeonato Paulista. Neste mesmo ano foi convocado para a Seleção Brasileira e disputou a Copa América.

6. Sócrates: No top 10 dos melhores jogadores de futebol de todos os tempos no Brasil, Sócrates é natural de Belém no Pará, mas cresceu e passou a maior parte de sua vida em Ribeirão Preto. Sócrates é considerado por muitos o melhor jogador do Botafogo em Ribeirão e o melhor do Corinthians.

7. Diego Ribas: Famoso por sua trajetória no Santos ao lado de Robinho, o atleta faturou, em 2002, o Campeonato Brasileiro com a equipe. Desde cedo, Diego mostrou que tinha talento para o futebol. Aos seis anos, começou a treinar no infantil do Comercial em Ribeirão, sua cidade natal, sendo destaque em diversos campeonatos municipais e regionais que disputou. O bom desempenho chamou a atenção do Paulistinha de São Carlos, que convidou o garoto, então com nove anos, para participar de torneios na Argentina e no Chile.
 
8. Hélio Castroneves: Vencedor das 500 milhas em Indianápolis, Castroneves é o único piloto na ativa a conseguir este feito, o que o fez como um dos melhores pilotos automobilísticos de todos os tempos.

9. Paulo Gomes: Paulo de Mello Gomes, mais conhecido como Paulo Gomes, é ribeirãopretano e um ex-piloto de automobilismo brasileiro. O homem é detentor de quatro títulos da Stock Car Brasil, nos anos de 1979, 1983, 1984 e 1995. Além de ser o segundo maior vencedor da Stock Car, perdendo apenas para Ingo Hoffmann, que tem 12 campeonatos. Seu filho Marcos Gomes, também piloto, pode ser campeão desta temporada na Stock Car e trazer mais um troféu a Ribeirão.

10. Monica Iozzi: Já no entretenimento, formada em Artes Cênicas pela Unicamp em 2005, a mulher ganhou destaque ao participar do programa “Custe o Que Custar”, da Rede Bandeirantes e posteriormente em 2014 assinar contrato com a rede Globo. Monica é a atual apresentadora do programa global Vídeo Show.

11. Giovana Lanceloti: A jovem de 22 anos nasceu em Ribeirão Preto e foi criada em São João da Boa Vista, no interior de São Paulo. Aos 16 anos, saiu da cidade onde cresceu para morar na capital, com a intenção de estudar teatro. Depois de muitos testes reprovados a atriz foi convidada para interpretar a personagem Cecília Machado, em “Insensato Coração”. A atriz foi premiada diversas vezes por suas personagens.

12. Camila Queiroz: Nascida em Ribeirão, a atriz mais famosa e uma das mais bonitas do momento tem chamado a atenção de pessoas por onde anda. O destaque para a jovem de 21 anos veio com a interpretação da protagonista Angel, na novela “Verdades Secretas”.

13. Paulo Goulart: No teatro, em 9 de janeiro de 1933, nas terras ribeirãopretanas nasceu um dos maiores talentos que o Brasil já recebeu. Goulart deixou sua marca na televisão e no cinema. Em 1974, ganhou o troféu APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) e o Prêmio Molière de Melhor Ator, por sua atuação em Orquestra de Senhoritas, de Jean Anouilh, com direção de Luís Sérgio Person. O ator faleceu em 2014.

14. Débora Duboc: Com diversos prêmios no currículo, Débora foi protagonista de alguns filmes e peças teatrais. Atualmente é casada com o diretor Toni Ventura. O destaque vai para seu papel na novela “Passione”, em que interpretava Olga Junqueira.

15. Aline Fanju: Atuando em diversas histórias na televisão brasileira, Aline nasceu e morou em Ribeirão Preto até seus 17 anos de idade. Os destaques vão para a minissérie “JK” e as novelas “Paraíso Tropical” e “Viver a Vida".

16 e 17. João Bosco e Vinícius: Agora na música, dois dos principais artistas do Sertanejo nacional residem e possuem escritório em Ribeirão Preto. A dupla João Bosco e Vinícius é famosa por hits como “Chuva” e “Chora me liga”.

18. Elisa: Um ano depois de vencer um dos reality shows mais comentados do País, Elisa Fernandes conta que sua vida tem sido incrível em Paris na França. A jovem já teve seu livro de receitas lançado e viajou por todo Brasil.  Atualmente seu projeto é abrir seu próprio restaurante.

19. Santos Dumont: Muitos não sabem, mas a invenção do avião apenas foi possível por uma ajuda extra da Câmara Municipal de Ribeirão em que Santos Dumont recebeu um conto de réis, equivalente a a 1,4 quilogramas de ouro. Dumont então pode prosseguir em suas pesquisas, as quais, três anos depois, resultaram na invenção do avião.

20. Moacyr Franco: O humorista e cantor Moacyr Franco é um artista com várias funções. Vai bem como ator, cantor, compositor, autor e humorista. O homem é natural de Ituiutaba, cidade próxima do triângulo mineiro. Moacyr nasceu no dia 5 de outubro de 1936, e antes da fama era pintor de cartazes de cinema e carroceria de caminhões. Sua carreira teve inicio em Ribeirão Preto junto com outros jovens talentos como: Boni, Rogério Cardoso, Luiz Aguiar e Gilberto Garcia, ambos fizeram muito sucesso posteriormente.


Fonte: revide.com.br/

 
 
 Prefeitura de Ribeirão Preto doa galpão disputado por ONG ao Daerp
Administração alega que imóvel centenário nunca foi doado formalmente.
'Dança Vida' briga na Justiça para erguer centro cultural e teatro no local.

O secretário da Casa Civil de Ribeirão Preto (SP), Layr Luchesi Junior, confirmou na última semana que o galpão centenário que pertencia à Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), às margens da Avenida Bandeirantes, foi doado ao Departamento de Água e Esgoto (Daerp).
O prédio centenário, hoje desocupado, é o centro de uma polêmica envolvendo a Prefeitura e a Associação Cultural Dança Vida, que briga judicialmente pela posse da área. A presidente do instituto, Paula Vital Reis, alega que o imóvel com 13 mil metros quadrados foi cedido ao grupo há quatro anos para criação de um centro multicultural.

Luchesi Junior, por outro lado, nega a doação do galpão, destacando que o acordo firmando entre Paula e a ex-secretária da Cultura Adriana Silva, em 2011, nunca foi formalizado. Além disso, o secretário explica que, naquela época, apesar de deter a posse do terreno, a Prefeitura não era a proprietária legal.
"Faltou formalidade em todo o tratamento como Dança Vida. Não poderíamos doar ou conceder o terreno para nenhuma pessoa, para nenhum grupo, para se implantar nada. Eu não posso doar aquilo que eu não sou proprietário. Hoje, a Prefeitura tem uma situação diferente. Por isso, o projeto, naquele instante, foi arquivado", afirma.
Ainda de acordo com Luchesi Junior, a então secretária da Cultura não poderia ceder o terreno diretamente ao grupo. Isso porque, a cessão de qualquer área pública depende de aprovação de outras pastas, bem como da prefeita Dárcy Vera (PSD).
"O Dança Vida é sempre muito bem recebido, mas tudo o que acontece na Prefeitura tem que ter formalidade, passar por várias secretarias, para que a gente possa despachar e finalizar com a vontade política. O Daerp demonstrou interesse pelo local, já que ele precisa ampliar a sua parte administrativa. A Prefeitura já repassou esse terreno para o Daerp", diz.
O secretário afirma também que o outro galpão existente na mesma área, na zona oeste da cidade, já é utilizado pelo Banco de Alimentos e, por esse motivo, também não pode ser doado. Luchesi Junior diz que existem outros terrenos na cidade que podem ser utilizados pelo projeto Dança Vida.
"A gente jamais pode superar o interesse público para implantar qualquer outro tipo de projeto. Primeiro, é o interesse de quase 700 mil habitantes que Ribeirão Preto tem. Se o Dança Vida quiser, formalmente, pedir para implantar o seu projeto dentro de um desses terrenos, que ele o faça e nós receberemos com muita alegria", conclui.

Polêmica
A Associação Cultural Dança Vida ajuizou duas ações contra a Prefeitura de Ribeirão para tentar reaver o direito de utilização do antigo galpão de café.
Por meio de uma primeira ação popular protocolada no início deste ano, o grupo conseguiu uma liminar garantindo que a comercialização do espaço tivesse o ônus de ser patrimônio histórico, ou seja, com restrições para quaisquer modificações na estrutura.
Em outubro, um segundo processo por obrigação de fazer tem o objetivo de garantir que a associação volte a ter o direito de utilizar o espaço. Caso isso não aconteça, a entidade requer indenização de R$ 150 mil referente aos investimentos com o projeto de revitalização.
"Sem qualquer parâmetro de razoabilidade e constitucionalidade, a Prefeitura resolveu anular [a doação]. O que a gente busca é rever esse ato e, a partir disso, se houver a anulação, a gente conseguirá restabelecer o convênio e continuar o processo", diz a advogada do grupo, Camila Desinde.

Entenda o caso
Há quatro anos, integrantes do grupo Dança Vida tentam transformar um antigo galpão de café em centro cultural e teatro com capacidade para 500 lugares. Entretanto,o início das obras dependia da elaboração de um projeto de lei, por parte da Prefeitura, que ratificasse a cessão do espaço ao grupo.
A presidente da Associação, Paula Vital Reis, conta que já deu início ao projeto do "Centro Cultural Dança Vida Barracão de Café", com apoio de engenheiros, arquitetos e artistas voluntários. Ao todo, a restauração do prédio foi orçada em R$ 6 milhões. Até agora, de acordo com Paula, R$ 50 mil já foram gastos com projetos arquitetônico e estrutural.
"É o absurdo do absurdo, uma indignação completa. A Prefeitura rescindiu unilateralmente o convênio, dizendo que ia rever a ocupação dos espaços para melhor uso para a cidade. Eu não entendo qual seria melhor uso, do que um centro cultural, para formação de crianças, adolescentes, jovens e adultos", critica.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Windows 10 como usar a cor do Menu Iniciar na janela do Explorer
O Windows 10 permite combinar cores da janela do Windows Explorer com a do Menu Iniciar. O recurso funciona com a tonalidade escolhida pelo usuário e também com o papel de parede aplicado na área de trabalho do computador. 
A opção de usar o Explorer com a cor do Menu Iniciar pode deixar a interface do sistema mais harmônica. Para saber como personalizar o PC, confira as dicas a seguir. Vale dizer que a ferramenta chegou com uma atualização do Windows 10, em novembro de 2015. 

Passo 1. Após instalar o update da Microsoft, abra as configurações do sistema no Menu Iniciar;
Passo 2. Em seguida, clique na opção "Personalização";
Passo 3. Depois disso, escolha a aba "Cores";
Passo 4. Para quem deseja que o Windows pegue uma cor predominante do papel de parede da área de trabalho, deixe a primeira opção marcada. Caso contrário, desmarque o espaço. Em seguida, escolha uma cor na paleta que aparece;
Passo 5. Ative a opção “Exibir cores em Iniciar, barra de tarefas… barra de título”, localizada logo abaixo.

Pronto! A partir de agora, o Menu Iniciar e a barra de título do Windows Explorer terão as mesmas cores.
 
 
 Como resolver problemas com perfil temporário no Windows
O Windows pode carregar um perfil temporário ao acessar a sua conta de usuário. Quando isso acontece, a mensagem “você entrou com um perfil temporário” é exibida ao fazer login. Com isso, todos os arquivos pessoais e alterações realizadas na área de trabalho e Menu Iniciar são apagados ao desligar, reiniciar ou sair da conta.
O problema ocorre caso a pasta de perfil da conta seja excluída ou renomeada acidentalmente. Confira a dica e saiba como recriar a pasta de usuário e resolver o problema com o perfil temporário.

Passo 1. Faça logout e entre em uma conta de usuário diferente daquela que você deseja reparar. Se você não tiver nenhuma além dessa, você pode ativar temporariamente a conta “Administrador”. Confira a dica e saiba como fazer isso;
Passo 2. Após fazer login em outra conta de usuário ou na conta “Administrador”, abra o “Editor de Registros do Windows”. Para isso, pressione as teclas de atalho “WinKey + R” e entre com o comando “regedit” (sem as aspas);
Passo 3. Na coluna à esquerda, navegue até “HKEY_LOCAL_MACHINE SOFTWARE Microsoft Windows NT CurrentVersion” e expanda a chave “ProfileList”. Em seguida, apague a subchave cujo nome tem final “.bak”;
Passo 4. Para apagar uma chave, basta selecioná-la e pressionar a tecla “Delete” ou clicar com o botão direito do mouse e, no menu de contexto, clicar em “Excluir”. Em seguida, clique em “Sim” para confirmar;
Passo 5. Por fim, saia da conta que você usou e faça login na conta de usuário que você reparou.

Pronto! A pasta de perfil será recriada e você não terá mais problemas com o perfil temporário. Caso tenha usado a conta “Administrador”, você já pode desativá-la – confira o passo a passo.
 
 
 Não gostou do Windows 10 Cinco dicas deixam com a cara do Windows 7
O Windows 10 chegou com muitas melhorias no visual e nas funções. Mas mudanças nem sempre agradam a todos. Novidades, como Menu Iniciar e tela de bloqueio, não conquistaram muitos usuários. Se você é uma dessas pessoas, saiba que pode deixar o seu PC com a cara do Windows 7. Confira como transformar seu computador com alguns truques simples.

Menu Iniciar
Uma das principais mudanças no Windows 10 foi no Menu Iniciar. Mas, se você prefere o recurso no Windows 7, existem alguns aplicativos que transformam o sistema operacional. 
O Start10 é um exemplo. A ferramenta é paga, mas oferece 30 dias grátis com diversas opções de personalização. Ficou interessado? Veja como usar. Há ainda o Classic Shell, o serviço é gratuito e permite ainda escolher o menu do Windows 7 e de versões mais antigas, com uma ou duas colunas.

Login com uma conta off-line
A Microsoft monitora o uso do Windows para obter dados e sincronizar arquivos na nuvem por meio de uma conta online com e-mail e senha. Mas ainda é possível navegar no PC usando somente um nome de usuário e senhas locais, ou seja, armazenados só na máquina e completamente offline, mesmo assim você continuará a poder baixar apps da loja. Veja como.

Remover a tela de bloqueio
A tela bloqueada do Windows 10 lembra muito o Windows Phone. Se você não gostou, pode desabilitá-la. O procedimento requer alguma habilidade no editor de registros do Windows, mas, quando realizado, remove completamente a imagem de bloqueio com segurança, mostrando o login logo quando você ligar o computador. Confira como remover a tela de bloqueio no Windows 10.

Calendário e relógio
Outra grande mudança no visual está no calendário embutido na área de notificações do Windows. Agora, com uma janela bem maior e com fundo preto, ela é bem diferente do pequeno calendário de fundo cinza e relógio analógico presente no Windows 7. Assim como com a tela de bloqueio, o procedimento requer ajustes no editor de registros. Confira o passo a passo.

Desligue Cortana e Bing
A assistente pessoal Cortana é uma das principais novidades em termos de funcionalidade no Windows 10, além de ser um dos principais meios de obtenção de dados dos usuários. A boa notícia é que ela vem desabilitada no Windows em Português do Brasil, mas ainda resta o Bing na busca do sistema.
Se você quer procurar arquivos localmente, somente offline assim como no Windows 7, a dica é desabilitar o buscador da Microsoft para que o seu computador não se conecte à Internet e envie as palavras-chave digitadas para servidores externos. O truque é muito simples e só requer alguns cliques.
 
 
 Windows detectou mesmo endereço de IP Saiba o que fazer
Endereços de IP identificam computadores em uma rede e são distribuídos pelo roteador Wi-Fi. No entanto, nem sempre essa distribuição ocorre corretamente. Há casos em que um mesmo protocolo pode ser designado para mais de uma máquina, seja um computador ou um celular, gerando o que se chama de "conflito de IP".
Confira o que fazer quando o Windows detectar que o endereço de IP do seu PC já está sendo usado por outro usuário na rede. Uma das situações mais comuns de conflito se dá quando o computador está conectado via cabo ao roteador e o aparelho é reiniciado. Algumas vezes, após o restart, um IP já atribuído anteriormente pode ser concedido a outro dispositivo da rede, como um smartphone que conectou via Wi-Fi.

Reiniciar o roteador junto com o PC
Não há problemas se você der um reset no roteador, pois, na maioria das vezes, isso não acarreta problemas. Porém, para se prevenir, prefira sempre reiniciar também os computadores conectados à mesma rede na mesma ocasião, especialmente se estiverem conectados via cabo. Dessa maneira, o roteador poderá redistribuir IPs livremente, não importando se algum número já está sendo usado.

Configurar um IP dinâmico no roteador
Se você utiliza IP fixo, mas não quer mais usá-lo para evitar esse tipo de problema, é possível configurar a distribuição de protocolos dinâmicos facilmente por qualquer roteador sem fio. O procedimento varia de acordo com o modelo do roteador, mas requer sempre a ativação do servidor DHCP.
Ao encontrá-lo, basta escolher o número do primeiro e último IP da sequência, ou simplesmente dizer quantos usuários são permitidos pela rede.

Trocar o endereço IP
Em muitos casos, não é possível fugir do IP fixo. Quando conflitos ocorrerem, portanto, você deverá trocar seu endereço de IP manualmente para outro que não esteja em uso. 
Passo 1. Acesse a Central de Rede e Compartilhamento do Windows e abra a sua rede;
Passo 2. Acesse as propriedades;
Passo 3. Vá até “Protocolo IP versão 4” e clique em “Propriedades”;
Passo 4. Troque os últimos algarismos do IP para mudar de endereço.

Sinal de invasão
É raro, mas conflitos de IP também podem indicar que alguém está tentando invadir sua rede fingindo ser você, por meio do mesmo IP. Para desconfiar disso, você deve primeiro descartar outras possibilidades, como um roteador mal configurado ou usuários indisciplinados. Caso considere que, realmente, esteja correndo perigo, troque a senha do roteador imediatamente ou entre em contato com o administrador da rede.
 
 
 Sem Internet Seis apps do Windows 10 que funcionam offline no PC
Muitas pessoas que costumam usar serviços online já tiveram problemas com a conexão da Internet no celular ou no PC. Para isso, aplicativos começaram a receber recursos para funcionar offline, evitando que o internauta fique perdido na cidade sem um mapa, não consiga fazer uma tradução rápida ou fique entediado durante uma longa viagem em que não há Internet.
Confira os aplicativos do Windows 10 com opções offline e aproveite. As opções substituem programas como Google Maps, Google Tradutor e YouTube.

1) Windows Maps
Precisa encontrar um amigo ou tem hora marcada, mas não consegue acessar o Google Maps? O Windows 10 trouxe um aplicativo de mapas nativo que oferece o download de informações para usar sem Internet. Com o programa é possível pesquisar por endereços, traçar rotas e ter até direcionamento por voz. O Windows Maps é bastante útil para ficar seguro e não confiar apenas no 3G ou Wi-Fi.

2) Microsoft Translator
Uma alternativa interessante para quem está offline é o Microsoft Tradutor, que pode ser baixado gratuitamente. No app, além de poder traduzir para dezenas de idiomas usando texto, voz ou a webcam, o usuário pode fazer o download de pacotes de línguas offline. Essa função promete ser essencial para quem estuda e não pode correr riscos em épocas de provas, por exemplo.

3) Here Maps
Outro serviço bom para quem está perdido é o HERE Maps, famoso nos celulares da Nokia. Assim como o Windows Maps, o aplicativo oferece a possibilidade de baixar mapas para navegar offline. Além disso, o software traz um foco especial na sugestão de lugares interessantes ao redor do usuário.

4) Hyper for YouTube
Quem costuma viajar sabe como é ruim ficar sem sinal na estrada e não ter nada para fazer. Para ajudar os usuários, o Hyper For YouTube é um cliente para o site de vídeos do Google que promete te deixar ligado nos seus canais preferidos. Basta acessar os vídeos antes e baixá-los para assistir offline. O aplicativo tem suporte ao conteúdo em alta resolução e também a mini-janelas PIP (flutuantes).

5) Groove Music
O Groove Music, ou Microsoft Groove, é o novo player do Windows 10 com recursos para organizar a biblioteca musical. O primeiro é o Music Pass, um serviço de streaming como o Spotify e que oferece o download para reprodução offline. Já outra opção é a integração com o OneDrive, que faz com que sua biblioteca em nuvem possa ser baixada para os seus dispositivos mais facilmente.

6) Candy Crush Saga
O Candy Crush Saga ganhou um aplicativo para Windows 10 que dispensa a execução dentro do Facebook no navegador. A vantagem disso é que, assim como em celulares, o aplicativo não precisa que o PC esteja conectado à Internet para jogar. Outros jogos da Windows Store funcionam offline.
 
 
 Windows 10 Dez dicas para o Menu Iniciar
O Windows 10 trouxe o Menu Iniciar de volta com novas funcionalidades e personalizações. Além de abrir em tela cheia ou em versão menor, o menu oferece agora blocos dinâmicos (live tiles) para fixar aplicativos, atalhos para configurações e sistema de cores que combina com o Explorer.
Quer deixar o Menu Iniciar do novo sistema operacional da Microsoft do seu jeito? Confira a lista completa para personalizar a ferramenta.

1) Fixar blocos dinâmicos
Embora siga o padrão do Windows 7, o Menu Iniciar do novo sistema da Microsoft ganhou os blocos dinâmicos do Windows 8. Com eles, os usuários podem acompanhar a atualização dos apps modernos sem nem mesmos abri-los, o que é ótimo para redes sociais e programas de notícias. Para fixar um app, basta tocar no ícone do mesmo no menu ou na área de trabalho e escolher a opçao “Fixar na tela inicial”.

2) Aumentar o tamanho do menu
Se está faltando espaço no Menu Iniciar, é possível aumentar o espaço de duas formas. A primeira, é adicionando uma coluna de blocos dinâmicos adicional, permitindo que o usuário fixe até quatro live tiles médias em uma mesma linha. Além disso, é possível redimensionar o menu clicando em sua extremidade e arrastando.

3) Fixar atalhos para tudo: arquivos, pastas, configurações
Nem só de programas vive o Menu Iniciar. Se o usuário utiliza bastante uma configuração específica do PC ou quer ter acesso mais rápido a uma pasta, é possível fixá-los também. Para as Configurações, basta acessar a função e tocar sobre o ícone de alfinete. Já as pastas podem ser fixadas com um clique com o botão direito e a opção “Fixar no Início”. 

4) Criar grupos de blocos dinâmicos para organizar o menu
Os usuários que têm vários aplicativos podem organizá-los por grupos no Menu Iniciar. Para isso, basta arrastar um grupo de blocos dinâmicos até que eles fiquem juntos e, ao mesmo tempo, separados de outros grupos por um espaço em branco. Na parte vazia superior, é possível nomear o grupo ou arrastar todas as live tiles juntas.

5) Não gosta dos blocos? Desligue-os ou livre-se deles
Muitos usuários sentem-se confusos pelas animações dos blocos dinâmicos ou simplesmente não querem ver tantas janelas piscantes no Menu Iniciar. Diante disso, a primeira opção é desligar a animação deles, transformando-os em ícones estáveis. Além disso, é possível também retirar todos os blocos e fazer com que o Menu Iniciar adote um estilo clássico, como os do Windows Millenium e anteriores.

6) Mostrar os aplicativos mais usados e recentemente instalados
Para quem quer poupar tempo, o Windows 10 traz a opção de listar os aplicativos mais usados no topo esquerdo do Menu Iniciar. Para ativar a opção, o usuário precisa apenas acessar as Configurações do Sistema > Personalização > Iniciar e escolher a opção “Mostrar aplicativos mais usados”.

7) Ativar atalhos diretos para arquivos a partir do Menu Iniciar
Embora não seja possível fixar todo tipo de arquivo no Menu Iniciar, é possível definir que seus respectivos programas mostrem atalhos no espaço. A função funciona como as jump lists da barra de tarefas e mostra arquivos mais recentes e algumas ações a partir da seta ao lado do nome do aplicativo. Para ativar, basta em “Configurações do Sistema > Personalização > Iniciar” e escolher “Mostrar itens abertos recentemente…”.

8) Combinar as cores do Menu Iniciar com as janelas do Explorer
A primeira atualização do Windows 10 trouxe uma ótima novidade: a capacidade de combinar as cores do Menu Iniciar com as da janelas do Windows Explorer e Central de Notificações. Para fazer isso, basta escolher as cores que mais te agradam.

9) Retirar a transparência do Menu para acelerar o carregamento
Em computadores antigos, o Menu Iniciar pode levar um certo tempo até ser aberto, dado os efeitos de transparências e animações. Para deixá-lo mais leve, deixe o menu com cores sólidas. Outra boa saída pode ser desativar a animação dos blocos dinâmicos, citado na dica 5.

10) Sente saudade do Windows 8? Execute o menu em tela cheia
Se você gostava do Menu Iniciar do Windows 8, é possível executá-lo da mesma forma no novo sistema operacional em duas maneiras. A primeira é acessar "Configurações > Personalização > Iniciar" e ativar a função “Usar tela inteira de Iniciar”, conforme mostrado neste tutorial. Nessa função, apenas o menu será aberto maximizado. Se quiser fazer o mesmo com os aplicativos, basta ativar o Modo Tablet.
 
 
 Como fazer o Windows 10 parar de pedir a sua opinião sobre o sistema
O Windows 10 chegou com tudo e quer saber o que você acha dele. Pela primeira vez, a Microsoft passou a oferecer atualizações gratuitas para o seu sistema operacional (ao menos se você tinha uma cópia original de alguma versão anterior do sistema), o que demonstra uma nova política da companhia quanto à distribuição do produto. Independentemente das razões adotadas pela Microsoft para tal prática, o fato é que é sempre bom saber o que as pessoas acham de um novo produto. Para isso, a empresa de Redmond incluiu um novo sistema de retorno do usuário, que permite a você dar a sua opinião a respeito da novidade. É possível fechar a notificação quando ela aparece, mas cedo ou tarde ela volta para atormentar. Então, o melhor a ser feito é desativar de vez a tal função. Você pode definir uma frequência com a qual ele pode pedir a sua opinião ou desativar de vez as notificações de comentários. Ambas as opções são simples e não levam mais do que alguns instantes para serem concluídas. Confira.

Defina a frequência dos pedidos de feedback
Passo 1- Abra o Menu Iniciar, clique em “Configurações” e vá em “Privacidade”. 
Passo 2- Na nova janela, encontre o menu “Comentários e diagnóstico”, à esquerda da tela e clique sobre ele.
Passo 3- Nesta tela, clique sobre o menu em cascata “O Windows deve pedir meus comentários” e defina a frequência desejada por você. As opções são “Automaticamente”, “Sempre”, “Uma vez por dia”, “Uma vez por semana” ou “Nunca”. Caso não queira mais ser incomodado com isso, escolha “Nunca”.

Desativando as notificações de comentários
Você também pode desativar as notificações da central de comentários do Windows. O processo é simples e semelhante ao anterior.
Passo 1- Abra o Menu Iniciar e acesse a opção “Configurações”. Depois, clique em “Sistema”.
Passo 2- Nesta tela, acesse o menu “Notificações e ações” e role a página até encontrar a opção “Comentários do Windows”. Modifique a chave para a posição “Desativado” e pronto.
A partir de agora você não será mais incomodado com essas notificações do Windows 10 pedindo a sua opinião a respeito do sistema operacional.
 
 
 Cortana flutuará pelo Windows 10 todo a partir da próxima atualização, dizem fontes confiáveis
Microsoft continua com sua estratégia agressiva de popularização da Cortana. Nesta semana, a assistente virtual chegou oficialmente ao iOS e Android, mas não vai parar por aí. De acordo com informações obtidas pelo site The Verge através de pessoas familiarizadas com os planos da Microsoft, a Cortana pode ter uma presença muito maior do que a atual no Windows 10.
A ideia seria permitir a Cortana flutuar pelo sistema a partir da próxima grande atualização do Windows 10. Ela ficaria visível em diversas situações, como dentro de documentos, sempre de forma contextualizada com o que está sendo realizado no sistema.
Os mais veteranos provavelmente já estão pensando no antigo Clippy, o antigo assistente do Office que dava assistência aos usuários dando dicas e fornecendo ajuda. Apesar de simpático, o assistente na época teve péssima recepção. Ainda de acordo com as fontes do The Verge, a ideia é similar mas com funcionamento completamente diferente.
A Cortana funcionaria mais como uma poderosa ferramenta de busca do que uma assistente simplista. Caso esses planos se concretizem, a Cortana terá ainda mais liberadade no sistema, podendo, por exemplo, mutar as notificações rapidamente, caso ela ache isso importante de acordo com o que está sendo realizado, como a elaboração de um documento.
Falando em notificações, os planos da Microsoft também incluem grandes melhorias na Central de Ações do Windows 10, tornando a funcionalidade muito mais rica e funcional. É possível que versões futuras permitam que aplicativos terceiros sejam integrados na forma de widgets.
Os usuários do Windows 10 Mobile também devem receber novidades. Entre a lista de funções sendo desenvolvidas, está a de algo similar ao Now on Tap da Google, que abre a assistente trazendo funções contextualidas ao que está na tela.
Para os brasileiros, essas novidades devem se tornar mais relevantes em breve, visto que há diversos indícios que a Cortana em PT-BR está próxima de ser lançada.
 
 
 Windows 10 Hello deixa você fazer login com Kinect
Uma atualização de drivers do Windows 10 liberada nesta quinta-feira (10) permite usar o Kinect para fazer login no PC. O recurso utiliza o Windows Hello, ferramenta de autenticação do sistema operacional que usar reconhecimento de digital, facial e até de retina. Normalmente, o Hello requer hardware especial no computador, algo que pode ser raro de encontrar nos modelos mais baratos. Porém, com uma adaptação, é possível aproveitar o famoso sensor do Xbox One. Aprenda a configurar o Kinect no PC.
É importante lembrar que, para prosseguir, você precisará de um adaptador para conectar o Kinect na porta USB do seu computador. Ele vem com uma fonte de energia adicional necessária para ligar o sensor, além do adaptador em si, e pode ser encontrada por valores entre R$ 20 e R$ 40. O adaptador original da Microsoft não foi encontrado na loja oficial para o Brasil e custa €49,99 no exterior. 

Obtendo drivers de teste
Os drivers liberados pela Microsoft ainda são de teste, mas podem ser obtidos por qualquer usuário desde que a alteração correta no registro do Windows seja feita. Veja como.
Passo 1. Acesse a busca do Windows 10 e procure por “regedit” (sem aspas) para abrir o editor de registros do sistema;
Passo 2. No editor, vá até o caminho HKey_Local_Machine > Software > Microsoft;
Passo 3. Com a pasta “Microsoft selecionada”, vá até o menu Editar > Novo > Chave;
Passo 4. Uma nova pasta dentro de “Microsoft” será criada. Nomeie-a como “Driver Flighting”;
Passo 5. Com a pasta “Driver Flighting” selecionada, crie uma nova chave;
Passo 6. Nomeie-a “Partner”;
Passo 7. Mantenha a pasta “Partner” selecionada e, no menu “Edit”, crie um novo “Valor da Cadeira de Caracteres”;
Passo 8. No novo valor, digite o nome “TargetRing”;
Passo 9. Dê um duplo-clique no valor e digite “Drivers” nos seus dados. Clique “Ok” e feche o registro.

Atualizando o driver do Kinect
Passo 1. Usando o adaptador ligado a uma fonte de energia, conecte o Kinect a uma das portas USB do seu computador;
Passo 2. No Windows, busque por “Gerenciador de dispositivos” e tecle “Enter”;
Passo 3. Busque pelo dispositivo USB correspodente ao Kinect que você acabou de conectar e clique sobre ele com o botão direito. Selecione “Atualizar driver”. O driver de teste do Kinect para Windows será obtido e instalado automaticamente no computador.

Configurando o Windows Hello
Passo 1. Posicione o Kinect o mais central possível em relação ao computador, seja na base ou na parte de cima, se você tiver algum tipo de suporte. Mantenha-o também a uma distância mínima de 50 cm do seu rosto;
Passo 2. Acesse as configurações do Windows 10;
Passo 3. Vá até o menu “Contas”;
Passo 4. Clique em “Opções de entrada” para acessar o Windows Hello. Se tudo deu certo, o Kinect poderá ser selecionado para fazer login no computador.
 
 
 Microsoft prepara terreno para upgrade em massa do Windows 10
A Microsoft vem preparando os PCs com Windows 7 e Windows 8.1 para uma estratégia de upgrade mais agressiva para o Windows 10 que a empresa vai iniciar em breve, segundo o desenvolvedor de uma ferramenta que bloqueia tais upgrades.
“No final de semana de Ação de Graças (fim de novembro), comecei a receber relatos de que a configuração ‘Permitir Upgrade’ do Windows Update estava sendo revertida nos PCs de diversas pessoas, e continua se reconfigurando pelo menos uma vez ao dia caso sejam desabilitadas pelos usuários”, afirmou Josh Mayfield, o engenheiro de software que criou a GWX Control Panel – a ferramenta foi criada originalmente para fazer o applet “Get Windows 10” sumir após a Microsoft instalá-lo nos computadores de usuários dos Windows 7 e 8.1 em março de 2015, e então ativá-lo em junho. 
“Esse comportamento é novo e deixa o seu PC vulnerável a um comportamento indesejado de upgrade para o Windows 10”, afirma o especialista.
Mayfield vem acompanhando as diversas ações da Microsoft desde a metade do ano para manter seu GWX Control Panel atualizado com novos recursos para bloquear o aparecimento do upgrade nos PCs – e o início automático do processo de instalação.
A atualização mais recente do GWX Control Panel, que mudou para o número 1.6, adicionou o recurso de monitoramento em segundo plano para que os usuários não precisem ficar reiniciando o app para detectar mudanças na estratégia de upgrade da Microsoft. 
Mayfield liberou o GWX Control Panel 1.6 em 24 de novembro, mesma época em que começou a receber reclamações de usuários de que os seus PCs estavam sendo alterados de um status “não fazer upgrade para o Windows 10” para “fazer upgrade” – muitas vezes por dia em alguns casos.
Em uma entrevista na última sexta-feira, 4/12, Mayfield disse que a mudança de configuração de upgrade para o Windows 10 em PCs Windows 7 e 8.1 teria acontecido por do envio contínuo de updates pela Microsoft para aparelhos mais antigos. A empresa de Redmond reenviou repetidamente seu aplicativo original de upgrade para o Windows 10 para computadores, muitas vezes sem mudanças documentadas, mesmo se a máquina já tivesse o app, ou se o usuário tivesse conseguido desinstalá-lo anteriormente.
“A Microsoft distribuiu esse update diversas vezes. Ela não muda o nome da atualização, mas toda versão é nova, com novos arquivos binários”, afirma.

Windows Update
Além disso, aponta Mayfield, a Microsoft também liberou atualizações para o cliente Windows Update em PCs com Windows 7 e 8.1: o Windows Update foi atualizado na semana passada para as duas versões anteriores do sistema.
Os documentos dessas atualizações para o Windows Update não especificavam todas as mudanças, mas alegavam o seguinte: “Esse update permite o suporte para situações adicionais de update do Windows 7 para o Windows 10, e fornece uma experiência mais suave quando você precisa tentar fazer novamente o upgrade de sistema por conta de determinadas condições. Esse update também melhora a habilidade da Microsoft monitorar a qualidade da experiência de upgrade.”
 
 
 Ribeirão Preto deve começar 2016 com epidemia de dengue
Ribeirão Preto deve começar 2016 com epidemia de dengue, diz Saúde
Cidade já registrou 3,9 mil casos da doença, quatro vezes mais que em 2014.
Secretaria investiga oito suspeitas de zika vírus e terceira morte por dengue.

O secretário da Saúde de Ribeirão Preto (SP), Stenio Miranda, confirmou nessa quinta-feira (10) que oito casos suspeitos de zika vírus estão sendo investigados na cidade. Entretanto, segundo Miranda, o que mais preocupa a Prefeitura é o risco iminente de uma epidemia de dengue em 2016.
Ribeirão já estava incluída na lista de cidades em estado de alerta para epidemias de dengue, zika vírus e febre chikungunya em 2016, segundo levantamento do Ministério da Saúde divulgado em novembro.
Nesse mês, 196 casos da doença foram confirmados na cidade, segundo a Secretaria da Saúde. O número é 145% maior que o total registrado no mês anterior – 80 casos – e 1.860% maior que no mesmo período do ano passado, quando 10 moradores foram infectados.

Miranda afirmou que exames dos oito pacientes com suspeita de zika vírus, que assim como a dengue é transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti, estão sendo analisados pelo laboratório Adolfo Lutz em São Paulo. Nenhum desses moradores, porém, está em estado grave.

“A situação é de vigilância de casos. Como não há casos confirmados, não há pacientes com zika sendo atendidos. Mas, nós praticamos nesse momento a intensificação da vigilância. Todo profissional de saúde que atender um caso que se enquadre na definição de caso suspeito, essa pessoa deve ser notificada à vigilância”, afirmou.


Dengue
Em coletiva na tarde desta quinta-feira, Miranda mostrou que Ribeirão confirmou até os primeiros dias de dezembro 3.993 casos de dengue, quase dez vezes mais que o total registrado no ano passado inteiro, quando 400 pessoas foram infectadas.
A Secretaria também investiga uma morte suspeita por dengue em novembro, após duas confirmações este ano, uma em janeiro e outra em junho. A grande dificuldade em evitar uma nova epidemia, segundo Miranda, é acabar com os recipientes que servem de depósito para os ovos do mosquito.

“O método de controle do mosquito, eu não diria que é satisfatório porque, como a gente mesmo observa, nós continuamos a ter casos de dengue, podemos ter casos de chikungunya e de kica vírus também, mas é o único método eficiente que existe”, afirmou.

Segundo a diretora de Vigilância em Saúde de Ribeirão, Maria Luiza Santa Maria, 80% dos criadouros estão dentro das casas. O índice de breteau na cidade, que considera a relação entre o número de recipientes com larvas de aedes aegypti e o total de imóveis pesquisados, é de 2,61. No ano passado, o índice era de 1,92.

“Se a gente consegue fazer uma grande mobilização, em que todo mundo fizesse vistoria em sua residência e removesse os recipientes que acumulam água, nós conseguiríamos diminuir a infestação e a circulação viral”, disse Maria Luiza.

Chikungunya
Ribeirão registrou dois casos de chikungunya em 2015. O primeiro foi confirmado em julho e o segundo em setembro. Os dois pacientes viajaram para a Bahia em momentos diferentes e contraíram a doença no Estado, que junto com o Amapá concentra a maioria dos casos no Brasil.


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Terminais satélites serão entregues nesta sexta em Ribeirão Preto
Com o objetivo de devolver a população, uma estrutura moderna e eficaz para a utilização do transporte coletivo no município, a Prefeitura de Ribeirão Preto, por meio da Transerp - empresa que gerencia o trânsito e o transporte urbano- e o Consórcio PróUrbano, entregam nesta sexta-feira (11), os terminais satélites do terminal principal Dra. Evangelina de Carvalho Passig. Os anexos estão localizados na Rua José Bonifácio, junto à rua Lafaiete e na avenida Jerônimo Gonçalves, junto à rua Florêncio de Abreu.

As atividades dos anexos terão início neste sábado (12) e a previsão é que mais de 30 mil pessoas passem, diariamente, pelos dois anexos. No local, de 4 mil m², serão atendidas 33 linhas, com três plataformas, seis pontos de ônibus e capacidade para abrigar 13 ônibus simultaneamente. 

Os espaços contarão com lanchonete, refeitório e sanitários para motoristas e usuários, acessibilidade total para os portadores de necessidades especiais, além de terminais de autoatendimento para recarga dos cartões eletrônicos. Outra inovação é que no local haverá Painéis de Mensagens Variáveis (PMV) – informando os horários, em tempo real, de todas as linhas que passam pelos terminais, além de Circuito Fechado de Televisão (CFTV) com 14 câmeras de segurança.

Novo Terminal

O módulo principal do Terminal de ônibus urbano denominado Dra. Evangelina de Carvalho Passig e os anexos – integram o novo sistema de transporte coletivo de Ribeirão Preto e constam no contrato de concessão, cuja licitação foi vencida pelo Consórcio PróUrbano. Após 15 anos, o ribeirão-pretano usuário do transporte coletivo voltará a contar com um terminal de ônibus urbano e toda sua infraestrutura na região central da cidade.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 UGT Ribeirão Preto terá evento Noite Latina neste sábado
A banda Chic Hernandez & Batuqueira Band e o Leser MC se apresentam, neste sábado (12), no Memorial da Classe Operária (UGT) no evento "Noite Latina". Dois dos mais importantes nomes da música autoral juntos na mesma noite. De um lado uma mistura de ritmos caribenhos, afrobrasileiros e do brega do outro o hip hop com um suingue jamaicano.

Chic Hernandez & Batuqueira Band

A banda ribeirão-pretana Chic Hernandez & Batuqueira Band surgiu em outubro de 2009 a partir do encontro entre amigos que queriam se divertir com seus instrumentos, fazer fusão entre ritmos e dar vazão às músicas que vinham compondo. O nome do grupo é resultado dessa brincadeira, mas revela muito do som buscado por seus integrantes. A mescla de influências latinas, caribenhas e africanas cruzadas com sons brasileiros dá a cara do som do grupo, que tem composições que transitam pelo ijexá, rock, brega, funk, axé e afrobeat.

Leser MC

Leser é Elieser Pereira 33 anos ,nascido em Ribeirão Preto. Suas músicas tem a linguagem e diversidades do povo brasileiro, rimas que vão do entretenimento à responsabilidade social. Rapper gravou o primeiro álbum em 2009 com titulo "Meu Esporte" e em 2012 o Ep "Convicções", e do Ep saíram dois videoclipes das musicas "Valor" e "Convicções". Mc que apresenta as varias linguagens do rap e tem forte influência do reggae. Leser também é educador social e produtor cultural e suas músicas refletem a vivência em seu campo de atuação e a linguagem da rua.

A apresentação Leser será acompanhado por DJ Kizo, Teclado Andrézão Paulim e bass Cleiton Miranda.

Veja abaixo link de imagens das atrações:

Chic Hernandez: https://www.youtube.com/watch?v=glgaaQfxh5Y;

Leser MC: https://www.youtube.com/watch?v=fCmymkRLoko;

Serviço: Noite Latina

Chic Hernandez & Batuqueira Band e Leser MC

Onde: Memorial da Classe Operária UGT

Endereço: rua José Bonifácio, 59, Centro

Quando: 12 de dezembro (sábado)

Horário: 22h

Ingressos: Variando de R$ 5 à R$ 15
 
 
 Pombo correio tem treinamento de atleta em criadouro de Ribeirão Preto
Aves de linhagem específica se exercitam todas as manhãs e contam com alimentação completa e balanceada.

Ribeirão Preto, o eletricitário aposentado José Oliveira Jordão se dedica a criar e treinar pombos-correios há mais de 50 anos. As aves, de uma linhagem específica, foram utilizadas em tempos de guerra. Hoje em dia, são usadas em competições e treinadas como verdadeiras atletas.

Na chácara de Jordão há cerca de 300 pombos. Os filhotes começam o treinamento aos 3, 4 meses. Além de exercícios matinais, as aves contam com alimentação balanceada, uma mistura de ração, milho, sorgo, soja, alpiste, painço, lentilha, ervilha e amendoim.

Um pombo-correio tem autonomia para voar entre 800 e 900 km/dia a uma altura que oscila entre 15 e 20 metros.

A linhagem dos pombos-correios é resultado de vários cruzamentos, explica Jordão. Boa resistência, boa plumagem, boa orientação são levadas em consideração na formação da linhagem.

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Mais de 100 raios são registrados durante tempestade em Ribeirão Preto
116 descargas elétricas foram registradas até a manhã desta quarta-feira.
Apesar das incidências durante a chuva, nenhuma ocorrência foi registrada.

Uma tempestade de raios foi registrada em Ribeirão Preto (SP) entre a tarde de terça-feira (8) e a manhã desta quarta-feira (9). Segundo o Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foram registrados 116 raios no período.
Essa incidência de raios, maior que 100 em um dia, é considerada alta pelo Elat. Entretanto a quantidade está dentro da média, segundo os pesquisadores do Inpe.
Câmeras da EPTV instaladas em dois pontos de Ribeirão registraram o clarão provocado pelas descargas elétricas durante a noite, quando uma chuva atingiu a cidade.
Segundo o Elat, o horário com maior incidência de raios foi entre 17h e 22h40.
Apesar da grande quantidade de raios durante a chuva em Ribeirão, nenhuma ocorrência grave foi registrada pelo Corpo de Bombeiros na cidade.
Ranking
Ainda de acordo com o grupo de estudos do Inpe, Ribeirão ocupa o 453º lugar no ranking de cidades com maior incicência de raios no Estado de São Paulo. No Brasil, a cidade está em 2378º lugar.
Ribeirão Preto possui uma densidade de 7,27 descargas elétricas por quilômetro quadrado ao ano, segundo o Elat.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Fernando Henrique declara apoio ao impeachment
Fernando Henrique declara apoio ao impeachment: Razões são suficientes

Cúpula do partido define posição conjunta sobre processo contra Dilma

BRASÍLIA — Sob o comando do presidente de honra do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, os seis governadores do partido, o presidente nacional Aécio Neves (MG) e líderes das bancadas da Câmara e Senado definiram uma posição conjunta em apoio ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. A reunião foi realizada, segundo Aécio, para unificar o discurso e estratégias sobre o papel do PSDB “com serenidade” , apoiando os movimentos de rua, do Congresso, do Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que há razões jurídicas para aprovação do impeachment, mas é preciso discutir uma série de reformas num pós-impeachment, como as da previdência e do sistema eleitoral.

— As razões são suficientes (para aprovar o impeachment). Como foi dito pelo vice-presidente Michel Temer em seu livro, esse é um processo jurídico/político. A presidente desrespeitou reiteradamente a Lei de Responsabilidade Fiscal, tendo em vista a circulação de muito recurso lateral para programas sociais em ano eleitoral. É preciso se formar o clima político. Se esse clima político não se formar não há nada que derrube um presidente, que foi eleito. Mas o clima atual é que o Brasil está paralisado e um país como o Brasil não pode ficar parado, esperando que as coisas se resolvam por si só — disse Fernando Henrique.

Os líderes e o senador Aécio Neves garantiram que os governadores fecharam questão para apoiar o processo de impeachment. Estiveram presentes os governadores Geraldo Alckmin (SP), Marconi Perillo (GO), Simão Jatene (PA) Pedro Taques (MT), Beto Richa (PR) e Reinaldo Azambuja (MS).

— Há um sentimento no PSDB que o impeachment ganha força, e o esforço do partido é que esse debate se dê dentro do que propõe a peça assinada pelos juristas, com acusação de que a presidente Dilma cometeu crime de responsabilidade. Estaremos apoiando os movimentos de rua, mas com muita serenidade. O PSDB, com seus governadores e líderes, está coeso, convergente e sabendo qual será o seu papel no futuro. Foi uma reunião para afinar a orquestra — disse Aécio.

O governador Geraldo Alckmin, de São Paulo, falou em nome dos demais chefes dos executivos estaduais. Disse que a grande discussão é se o atual pedido de impeachment da presidente Dilma tem amparo constitucional, e no seu entendimento, tem.

— Não é um pedido golpista. Tanto é que o PT pediu impeachment dos presidentes Itamar Franco, Fernando Henrique e só não pediu de Lula porque era petista. O PT é o rei do impeachment — declarou Alckmin.

O governador Beto Richa disse que foi uma posição unânime dos governadores e a avaliação repassada pelos líderes é que aumentam a cada dias chances de aprovação do afastamento de Dilma. Ele disse não temer retaliações do governo federal.

PUBLICIDADE

— Sempre fui tratado a pão e água. Essa é uma decisão partidária — disse Richa.

Mas as preocupações dos brasileiros, disse Fernando Henrique, não podem parar só na aprovação do impeachment da presidente Dilma, que é preciso fazer reformas e que sem isso não adianta trocar um por outro.

— Não para nisso. E o que vamos fazer? É preciso mudar o comportamento ético, o sistema eleitoral que está falido, não funciona mais. Não é possível continuar com a atual desordem orçamentária. Há um ônus muito grande a ser resolvido também na Previdência — defendeu Fernando Henrique.

Questionado se , numa eventual impedimento de Dilma e posse do vice Michel Temer, se ele apresentar um programa de reformas, o PSDB integraria um governo de transição, FHC brincou:

— Aí você pergunta para o presidente do PSDB.

— Os governadores do PT vieram respaldar as bancadas a favor do impeachment. Todos os governadores estão agora alinhados . O após, fica para depois — confirmou o líder Cássio Cunha Lima.

O governador do Pará, Simão Jatene disse que o PSDB só pensará em apoiar um futuro governo de transição, se houver uma proposta de reformas profundas.

— Não pode ser um governo repaginado para nos levar lá na frente ao que enfrentamos hoje. Se for para manter o que está aí, certamente o PSDB não vai apoiar — disse Simão Jatene.

Sobre os movimentos de rua programados para o domingo, o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP) diz que não há expectativa de grandes multidões, porque é apenas um “esquenta” para uma outra grande manifestação que será agendada. Fernando Henrique disse que apoiará mas não sabe se estará na rua.

— Eu estou sempre na rua — brincou.

Sobre a ação que o PSDB vai entrar na Procuradoria Geral da República contra o uso de estrutura governamental para se defender do impeachment pela presidente Dilma, Fernando Henrique disse que é errada a prática, mas não acha um pecado mortal.

— Graves são outras coisas que a Operação Lava-jato está desvendando — disse Fernando Henrique.


Fonte: globo.globo.com/

 
 
 Governo diz estar engajado em atacar problemas apontados pela Moody's
A agência colocou nota do Brasil em revisão para possível novo corte. 
Cenário político e dificuldades no ajuste fiscal levaram à revisão.

O Ministério da Fazenda declarou por nota nesta quinta-feira (10) que "está engajado em atacar" os problemas apontados pela agência de classificação Moody's que levaram à revisão da nota de crédito para possível rebaixamento do país na véspera.

Estes problemas, afirma a Fazenda citando a agência, têm relação com "dificuldades oriundas do ambiente político e da capacidade do governo em implantar medidas para corrigir e executar políticas que levem a resultados fiscais consistentes com uma trajetória mais positiva de endividamento público".
Em nota, o governo também reconheceu os "crescentes desafios para conter a deterioração do custo e tamanho do endividamento público, para assegurar a consolidação fiscal e a consequente piora do ambiente econômico impedem a retomada do investimento e da atividade, criando riscos ainda maiores para a qualidade do crédito soberano".
"Nesse sentido, os encaminhamentos requerem sacrifícios e o governo está engajado em atacar esses problemas, revendo a natureza legal, regulamentar e administrativa das despesas que, quando reduzidas, contribuirão para reverter o déficit fiscal e estabilizar a trajetória da dívida", afirmou a Fazenda.
Ainda segundo o governo, uma vez dissipadas as incertezas quanto à trajetória fiscal, é esperado um aumento gradativo da confiança necessária à recuperação do investimento e ao crescimento econômico, com impactos positivos nos indicadores de emprego. A Fazenda também mencionou a necessidade de avançar em reformas como a do ICMS e do PIS/Cofins.

Levy compara a futebol
Mais cedo, em evento em São Paulo, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, já havia comentado a decisão da Moody's. Ele recorreu ao futebol para comentar o iminente rebaixamento do Brasil e perda de grau de investimento por uma segunda agência de classificação de risco.

“A questão do rebaixamento é reflexo da realidade. É que nem campeonato de futebol, se você não se reorganiza, você não consegue ter união e o resultado é sério”, disse. “Evidentemente depois você tem que trabalhar e tentar voltar. Sempre se é possível voltar para a divisão que acha que você pertence”, completou Levy, que participou de almoço anual de confraternização dos dirigentes de bancos (Febraban).

O ministro é torcedor do Botafogo - time que garantiu o retorno à Série A em 2016, após o rebaixamento que levou o clube a disputar este ano a Série B do campeonato brasileiro.

10/12/2015 20h05 - Atualizado em 10/12/2015 21h34
Governo diz estar engajado em atacar problemas apontados pela Moody's
A agência colocou nota do Brasil em revisão para possível novo corte. 
Cenário político e dificuldades no ajuste fiscal levaram à revisão.
Do G1, em São Paulo
FACEBOOK
O Ministério da Fazenda declarou por nota nesta quinta-feira (10) que "está engajado em atacar" os problemas apontados pela agência de classificação Moody's que levaram à revisão da nota de crédito para possível rebaixamento do país na véspera.
 

NOTA DO BRASIL
Grau de investimento ameaçado
o que é grau de investimento?
nota na moody's
s&p tira grau de investimento
nota na fitch
as notas do país
Estes problemas, afirma a Fazenda citando a agência, têm relação com "dificuldades oriundas do ambiente político e da capacidade do governo em implantar medidas para corrigir e executar políticas que levem a resultados fiscais consistentes com uma trajetória mais positiva de endividamento público".
Em nota, o governo também reconheceu os "crescentes desafios para conter a deterioração do custo e tamanho do endividamento público, para assegurar a consolidação fiscal e a consequente piora do ambiente econômico impedem a retomada do investimento e da atividade, criando riscos ainda maiores para a qualidade do crédito soberano".
"Nesse sentido, os encaminhamentos requerem sacrifícios e o governo está engajado em atacar esses problemas, revendo a natureza legal, regulamentar e administrativa das despesas que, quando reduzidas, contribuirão para reverter o déficit fiscal e estabilizar a trajetória da dívida", afirmou a Fazenda.
Ainda segundo o governo, uma vez dissipadas as incertezas quanto à trajetória fiscal, é esperado um aumento gradativo da confiança necessária à recuperação do investimento e ao crescimento econômico, com impactos positivos nos indicadores de emprego. A Fazenda também mencionou a necessidade de avançar em reformas como a do ICMS e do PIS/Cofins.

Levy compara a futebol
Mais cedo, em evento em São Paulo, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, já havia comentado a decisão da Moody's. Ele recorreu ao futebol para comentar o iminente rebaixamento do Brasil e perda de grau de investimento por uma segunda agência de classificação de risco.

“A questão do rebaixamento é reflexo da realidade. É que nem campeonato de futebol, se você não se reorganiza, você não consegue ter união e o resultado é sério”, disse. “Evidentemente depois você tem que trabalhar e tentar voltar. Sempre se é possível voltar para a divisão que acha que você pertence”, completou Levy, que participou de almoço anual de confraternização dos dirigentes de bancos (Febraban).

O ministro é torcedor do Botafogo - time que garantiu o retorno à Série A em 2016, após o rebaixamento que levou o clube a disputar este ano a Série B do campeonato brasileiro.
Rebaixamento
A Moody's informou na quarta-feira (9) que colocou a nota do Brasil, que está no último degrau do grau de investimento pela agência de risco, em revisão para possível novo corte. Isso significa que, se a nota do Brasil for mesmo cortada, o país perde o selo de bom pagador por esta agência. Com este anúncio, o Brasil fica mais próximo de perder o grau de investimento por uma segunda agência internacional de classificação de risco;

Em setembro, o Brasil perdeu o grau de investimento na classificação de crédito da Standard and Poor's (S&P). A nota do país foi rebaixada de "BBB-" para "BB+", com perspectiva negativa.

Empresas brasileiras também podem ser rebaixadas
Também nesta quarta, a Moody's anunciou o terceiro corte no ano da nota da Petrobras. O rating da petroleira foi rebaixado de "Ba2" para "Ba3" - 3 degraus abaixo do grau de investimento. A companhia já tinha perdido o selo de bom pagador pela agência em fevereiro.

Nesta quinta, a agência informou que as notas de empresas brasileiras também foram colocadas em revisão para possível rebaixamento.
A Moody's decidiu ainda cortar a nota da Vale de Baa2 para Baa3, último degrau dentro do grau de investimento pela agência. A perspectiva continua negativa, ou seja, com previsão para um possível novo rebaixamento.

Estados
A Moody's também colocou a nota de crédito dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Maranhão e Paraná, além da cidade de Belo Horizonte e do Rio de Janeiro, em revisão para um possível rebaixamento.
"A deterioração contínua da economia do Brasil tem e continuará tendo impacto direto sobre o ambiente operacional de estados e municípios brasileiros. Além disso, a situação fiscal de estados e municípios brasileiros está enfraquecida em 2015, que continuarão a ser pressionados pela diminuição das receitas fiscais e pela rigidez dos gastos no futuro próximo", apontou a agência em nota.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Levy compara nota do Brasil a rebaixamento no futebol
‘Sempre é possível voltar para a divisão que você acha que pertence’, diz.
Ministro minimizou consequências de possível novo corte na nota do país.

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, recorreu ao futebol nesta quinta-feira (10) para comentar o iminente rebaixamento do Brasil e perda de grau de investimento por uma segunda agência de classificação de risco.

“A questão do rebaixamento é reflexo da realidade. É que nem campeonato de futebol, se você não se reorganiza, você não consegue ter união e o resultado é sério”, disse. “Evidentemente depois você tem que trabalhar e tentar voltar. Sempre se é possível voltar para a divisão que acha que você pertence”, completou Levy, que participou de almoço anual de confraternização dos dirigentes de bancos (Febraban), em São Paulo.

O ministro é torcedor do Botafogo - time que garantiu o retorno à Série A em 2016, após o rebaixamento que levou o clube a disputar este ano a Série B do campeonato brasileiro.
Na véspera, a agência Moody's deixou o país mais perto de perder o selo de bom pagador ao colocar o rating "Baa3" em revisão para rebaixamento.
Questionado se a Fazenda já avalia como certa a perda do grau de investimento por uma segunda agência internacional, o ministro não respondeu, dizendo apenas que “o governo não está achando que é normal ter isso [rebaixamento]”.
Levy minimizou, porém, as consequências de um eventual novo corte da nota do Brasil, destacando que a maior parte da dívida brasileira é doméstica.
“Nossa dívida externa, que é aquela que tem o rating, é relativamente pequena. É uma proporção de 1 quinze avos das nossas reservas internacionais. Então, obviamente, não há risco de a gente não poder ou não querer pagar essa dívida”, disse.
O ministro reconheceu, entretanto, que a dívida doméstica do país vem crescendo a um ritmo “desconfortável”, o que “aponta para importância de fazer uma série de reformas para permitir o Brasil ter tranquilidade e voltar a crescer”.

Disciplina e imaginação
Em sua fala para os dirigentes de bancos, Levy classificou o ano de 2015 como "atípico" e procurou passar uma mensagem de otimismo, mesmo diante dos “muitos desafios” que se impõem para 2016 como a necessidade de uma reforma na Previdência.

Segundo o ministro, o país precisa tanto de disciplina como de imaginação para enfrentar os problemas. “Imaginação é ter ideias originais para alcançar objetivos. É um negócio que dói à beça”, disse.

“Como que a gente não pode se organizar? Como que a gente não pode estabelecer bases para em vez de estarmos discutindo downgrades, estarmos discutindo upgrades? Como que o Brasil não pode ser um país A?”, questionou.

Perguntado mais tarde, em entrevista, sobre o fracasso do governo no cumprimento das metas lançadas ao longo do ano e o impacto disso na confiança dos agentes econômicos, Levy disse que os indicadores têm sido afetados sobretudo por fatores de natureza política e que “as sementes do crescimento” já foram colocadas ao longo de 2015.

“Na medida que houver clareza, em que a gente não procure resolver as coisas com fantasia, mas estudar cenários, ver realmente o que precisa ser feito, se unir e superar evidentes divergências que possam haver, acho que a gente consegue superar os desafios de agora e estar crescendo”, completou.

Pagamento de pedaladas
Levy disse ainda que o governo deverá apresentar nos próximos dias um plano para o pagamento das chamadas pedaladas fiscais. Na véspera, o Tribunal de Contas da União (TCU) fixou o prazo de 30 dias para que o governo apresente um cronograma de pagamento de valores devidos a bancos públicos.
"O Congresso já deu um espaço fiscal para a gente tratar dessas situações. Estamos organizando as coisas dentro das melhores práticas", disse.
Atraso no ajuste afeta inflação, diz Tombini
Também presente no evento, o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, disse que o atraso no ajuste e reequilíbrio das contas públicas contribuiu para postergar a convergência da inflação rumo ao centro da meta.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Conceito tecnológico inovador chega a Ribeirão Preto
Empresa oferece impressões 3D no município

Ribeirão Preto ganhou um novo conceito de inovação para todos os moradores da cidade. A dOne 3D store traz à cidade impressões realistas nas três dimensões possíveis. Com esta tecnologia, clientes podem através de projetos, imprimir ferramentas ou até miniaturas reais de sua própria imagem.

Para que haja a impressão de algum objeto em três dimensões é necessário antes de tudo realizar a Modelagem. Os Modelos para impressões 3D podem ser criados através de um software de modelagem em 3D ou através de uma digitalização em 3 dimensões. Um software de modelagem tridimensional é utilizado para desenhar o que será impresso. Como alternativa, se pode baixar um modelo já pronto. O computador envia as instruções para a impressora, que aquece a matéria-prima e começa a desenvolver o modelo em uma pilha muito fina de camadas.

De acordo com o Diretor Comercial da empresa, Ricardo Nisioka Kimuraaqui, a dOne 3D Store tem por missão associar o ribeirãopretano a tecnologias 3D. “Vamos fazer isso disponibilizando as nossas máquinas para os clientes usarem, vendendo diversos tipos de impressão. Já existem impressões de comida, de titânio, de plásticos termoresistentes, solúveis em água, cerâmica e a lista tem aumentado a cada dia, pois sempre surgem novas tecnologias e materiais”, explica.

Além da inovação, aos que têm autoestima elevada, é possível até mesmo imprimir uma escultura em miniatura de qualquer coisa. Tudo varia com o gosto da pessoa. “Temos equipamentos profissionais e industriais, que nos possibilitam imprimir com materiais biocompatíveis que podem ser usados em cirurgias e peças inteiramente coloridas, como no caso das miniaturas de cerca 15 centímetros de altura em alta precisão. Digo 'cerca de', pois tudo dependerá das preferências do cliente. Este serviço começa valer a partir do final de janeiro”, conta.

A loja está localizada na avenida Av. Nove de Julho, 1278 - Jardim Sumaré. 

Fonte: revide.com.br/
 
 
 Educação municipal de Ribeirão Preto é de alto desenvolvimento
Educação municipal de Ribeirão Preto é de alto desenvolvimento, segundo índice

A educação municipal de Ribeirão Preto está em destaque, novamente, graças ao bom trabalho desenvolvido na rede municipal de ensino. O Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), elaborado pelo Sistema Firjan, da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro, deu nota 0.932 para área, numa pontuação que vai de 0 a 1.

Com a nota, a educação municipal de Ribeirão Preto é avaliada pelo IFDM como de Alto Desenvolvimento. Vale ressaltar que essa pontuação é a maior alcançada pelo setor desde 2005, quando a nota foi 0.8508.

De acordo com o secretário da Educação, Ângelo Invernizzi Lopes, o aumento no índice da Educação deve-se aos investimentos feitos pela Prefeitura de Ribeirão Preto nos últimos anos na rede municipal de ensino, como a abertura de 22 novas escolas e creches municipais, geração de 10 mil novas vagas, contratação de mais de 1.600 professores concursados, todos com formação em nível superior. O bom desempenho dos alunos da rede municipal de ensino no Ideb também impactou positivamente no cômputo do índice.

“Continuamos tralhando pela melhoria da qualidade e pela ampliação da capacidade de atendimento da rede municipal de ensino”, afirma o secretário.


Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto

 
 
 Como filtrar os arquivos por tamanho no Windows 10
Descobrir os arquivos mais pesados e removê-los é a forma mais eficaz de liberar espaço no Windows 10. Para isso, há diversos aplicativos com a função de analisar o disco rígido do PC. No entanto, o sistema operacional da Microsoft permite filtrar arquivos por tamanho sem instalar programas.
Para quem procura uma maneira rápida e instantânea de encontrar os arquivos grandes, a busca nativa do Windows Explorer é a melhor opção. Veja como usar o recurso para localizar arquivos do computador de acordo com o tamanho.
Passo 1. Abra a pasta em que você quer realizar a busca. Para pesquisar em todo o computador, abra “Este Computador”, na lateral esquerda do Windows Explorer. Em seguida, clique sobre a barra de buscas, no canto superior direito da janela;
Passo 2. Acesse a guia “Ferramentas de Pesquisa”, clique em “Tamanho” e, por fim, clique em “Gigante (>128 MB)”. Em seguida, é só aguardar até que a busca seja finalizada;
Passo 3. Os maiores arquivos serão listados em ordem decrescente. Depois disso, você poderá descobrir quais são os mais pesados e apagá-los, caso seja necessário liberar espaço em disco.
Pronto! Aproveite a dica para filtrar arquivos do Windows por tamanho e saber quais ocupam mais espaço no HD.
 
 
 Microsoft confirma updates cumulativos do Windows 10 Mobile sem interferência de operadoras
A Microsoft anunciou neste fim de semana a build 10586.29 do Windows 10 Mobile, que nada mais é do que o primeiro "update cumulativo" do sistema. Com isso, vários usuários começaram a se perguntar sobre a necessidade de esperar pela aprovação de suas respectivas operadoras para que recebam este tipo de atualização quando disponíveis publicamente, algo que se tornou bastante polêmico devido à demora para a liberação do update Lumia Denim, que começou a ser disponibilizado no final de 2014 e levou mais de seis meses até atingir todos os modelos.
Ao que parece os usuários não precisarão se preocupar com este tipo de coisa a partir do momento em que atualizarem para o Windows 10 Mobile, pois Gabriel Aul foi novamente ao Twitter para informar que a Microsoft irá "tomar as rédeas" do sistema de atualização, fazendo com que estes "updates cumulativos" possam ser entregues diretamente via Windows Update, evitando assim que eles passem pelas operadoras e demorem meses para chegar aos usuários.
Infelizmente não foi comentado se grandes atualizações como a dita Redstone também serão liberadas diretamente pela companhia de Redmond para os aparelhos, restando aguardar para vermos se os usuários precisarão fazer uma certa pressão em suas operadoras ou se todos terão a atualização liberada no mesmo momento, assim como temos nos dispositivos com iOS, por exemplo. Isto, inclusive, foi um ponto muito comentado pela Microsoft desde que anunciou a restruturação de sua plataforma, buscando assim disponibilizar uma "alternativa barata" para quem não quer ou pode comprar smartphones da Apple e não quer abrir mão de estabilidade e garantia de atualizações.
Ainda não há qualquer data concreta sobre a chegada do Windows 10 Mobile aos usuários brasileiros, sendo especulado que alguns aparelhos recebam a nova edição da plataforma ainda este ano, restando aos demais aguardarem pelos próximos "lotes". Até que a própria Microsoft libere um comunicado sobre o assunto, entretanto, não há como confirmarmos como e quando os smartphones vendidos em nosso país serão atualizados para o Windows 10 Mobile.
 
 
 Microsoft reforça ideia de aplicativos universais para Windows 10
Na sexta-feira, 4, durante uma reunião com acionistas da Microsoft, Satya Nadella, então CEO da empresa, reafirmou o compromisso dela com os aplicativos universais. O Ex-CEO da Microsoft, Steve Ballmer, no entanto, criticou a lacuna de apps preenchida pelo Windows 10 Mobile e denunciou a atual estratégia da companhia em tentar unificar todos os aplicativos. Segundo Ballmer, "isso não vai funcionar".
A crítica principal de Ballmer é com a ideia de portar aplicativos do Android para o Windows, por exemplo. Ele acredita que somente desenvolvendo diretamente para a plataforma da Microsoft que os apps rodariam melhor, e não trazendo uma solução de outra plataforma.
Satya Nadella já tinha falado anteriormente sobre a preocupação da empresa em tornar os aplicativos universais e voltou a falar sobre isso na reunião. O GeekWire relata que, aparentemente, isso foi que levou Ballmer a fazer sua crítica. Nadella reiterou, portanto, que o objetivo da empresa é oferecer uma plataforma unificada para computadores pessoais, smartphones, Xbox One e HoloLens, onde todos podem compartilhar aplicativos em comum na loja.
Essa abordagem também dá aos desenvolvedores um belo incentivo para trabalhar com o Windows 10, uma vez que permitirá que os aplicativos sejam escritos para mais de um dispositivo específico.
Nadella, porém, também comentou que a Microsoft já havia tentado uma abordagem diferente para atrair os desenvolvedores para a plataforma móvel da sua empresa, embora não tenha dado certo. Ele também pediu um tempo para que a empresa pudesse colher todos os benefícios do trabalho duro.
Por fim, a estratégia móvel atual adotada pela Microsoft mostra que, de fato, a empresa tem uma certa incerteza sobre o futuro, com um CEO preocupado em alavancar resultados e um ex-CEO com voz ativa contra todas as ideias. Mas é como Nadella já falou: somente o tempo determinará o quão forte é essa estratégia da Microsoft.
 
 
 Windows 10 Dez dicas para o Menu Iniciar
O Windows 10 trouxe o Menu Iniciar de volta com novas funcionalidades e personalizações. Além de abrir em tela cheia ou em versão menor, o menu oferece agora blocos dinâmicos (live tiles) para fixar aplicativos, atalhos para configurações e sistema de cores que combina com o Explorer.
Quer deixar o Menu Iniciar do novo sistema operacional da Microsoft do seu jeito? Confira a lista completa para personalizar a ferramenta.
1) Fixar blocos dinâmicos
Embora siga o padrão do Windows 7, o Menu Iniciar do novo sistema da Microsoft ganhou os blocos dinâmicos do Windows 8. Com eles, os usuários podem acompanhar a atualização dos apps modernos sem nem mesmos abri-los, o que é ótimo para redes sociais e programas de notícias. Para fixar um app, basta tocar no ícone do mesmo no menu ou na área de trabalho e escolher a opçao “Fixar na tela inicial”.
2) Aumentar o tamanho do menu
Se está faltando espaço no Menu Iniciar, é possível aumentar o espaço de duas formas. A primeira, é adicionando uma coluna de blocos dinâmicos adicional, permitindo que o usuário fixe até quatro live tiles médias em uma mesma linha. Além disso, é possível redimensionar o menu clicando em sua extremidade e arrastando.
3) Fixar atalhos para tudo: arquivos, pastas, configurações
Nem só de programas vive o Menu Iniciar. Se o usuário utiliza bastante uma configuração específica do PC ou quer ter acesso mais rápido a uma pasta, é possível fixá-los também. Para as Configurações, basta acessar a função e tocar sobre o ícone de alfinete. Já as pastas podem ser fixadas com um clique com o botão direito e a opção “Fixar no Início”. 
4) Criar grupos de blocos dinâmicos para organizar o menu
Os usuários que têm vários aplicativos podem organizá-los por grupos no Menu Iniciar. Para isso, basta arrastar um grupo de blocos dinâmicos até que eles fiquem juntos e, ao mesmo tempo, separados de outros grupos por um espaço em branco. Na parte vazia superior, é possível nomear o grupo ou arrastar todas as live tiles juntas.
5) Não gosta dos blocos? Desligue-os ou livre-se deles
Muitos usuários sentem-se confusos pelas animações dos blocos dinâmicos ou simplesmente não querem ver tantas janelas piscantes no Menu Iniciar. Diante disso, a primeira opção é desligar a animação deles, transformando-os em ícones estáveis. Além disso, é possível também retirar todos os blocos e fazer com que o Menu Iniciar adote um estilo clássico, como os do Windows Millenium e anteriores.
6) Mostrar os aplicativos mais usados e recentemente instalados
Para quem quer poupar tempo, o Windows 10 traz a opção de listar os aplicativos mais usados no topo esquerdo do Menu Iniciar. Para ativar a opção, o usuário precisa apenas acessar as Configurações do Sistema > Personalização > Iniciar e escolher a opção “Mostrar aplicativos mais usados”.
7) Ativar atalhos diretos para arquivos a partir do Menu Iniciar
Embora não seja possível fixar todo tipo de arquivo no Menu Iniciar, é possível definir que seus respectivos programas mostrem atalhos no espaço. A função funciona como as jump lists da barra de tarefas e mostra arquivos mais recentes e algumas ações a partir da seta ao lado do nome do aplicativo. Para ativar, basta em “Configurações do Sistema > Personalização > Iniciar” e escolher “Mostrar itens abertos recentemente…”.
8) Combinar as cores do Menu Iniciar com as janelas do Explorer
A primeira atualização do Windows 10 trouxe uma ótima novidade: a capacidade de combinar as cores do Menu Iniciar com as da janelas do Windows Explorer e Central de Notificações. Para fazer isso, basta escolher as cores que mais te agradam.
9) Retirar a transparência do Menu para acelerar o carregamento
Em computadores antigos, o Menu Iniciar pode levar um certo tempo até ser aberto, dado os efeitos de transparências e animações. Para deixá-lo mais leve, deixe o menu com cores sólidas. Outra boa saída pode ser desativar a animação dos blocos dinâmicos, citado na dica 5.
10) Sente saudade do Windows 8? Execute o menu em tela cheia
Se você gostava do Menu Iniciar do Windows 8, é possível executá-lo da mesma forma no novo sistema operacional em duas maneiras. A primeira é acessar "Configurações > Personalização > Iniciar" e ativar a função “Usar tela inteira de Iniciar”, conforme mostrado neste tutorial. Nessa função, apenas o menu será aberto maximizado. Se quiser fazer o mesmo com os aplicativos, basta ativar o Modo Tablet.
 
 
 Windows 10 Como incluir 4 colunas de blocos dinâmicos no Menu Iniciar
O Windows 10 ganhou uma atualização que permite aumentar o número de blocos dinâmicos no Menu Iniciar. Agora, os usuários poderão utilizar até quatro colunas de live tiles médias para fixar aplicativos na área de trabalho tanto no modo desktop como na interface para tablets.
Confira o passo a passo para aumentar o número de ícones e aplicativos no Menu Iniciar e aproveite a novidade para melhorar sua produção no novo sistema operacional da Microsoft. 
Passo 1. Toque em "Configurações" no Menu Iniciar;
Passo 2. Toque em "Personalização";
Passo 3. Escolha a opção “Iniciar”;
Passo 4. Ative a opção “Mostrar mais blocos”.
Pronto. Quando você abrir o Menu Iniciar novamente, haverá mais espaço no lado direito dos blocos dinâmicos. Basta fixar mais live tiles na área ou então arrastá-la.
 
 
 Windows 10 Testamos o Update 1 veja o que muda e se vale atualizar
A Windows 10 ganhou o primeiro dos grandes updates de software prometidos pela Microsoft em novembro. Sem nome específico, o pacote com a atualização traz mudanças na interface do sistema operacional, novas ferramentas de personalização, aplicativos inéditos e promete ser até 30% mais rápido do que o Windows 7 na mesma máquina. Mas, será que o sistema renovado cumpre todo o prometido? 
Baixamos, instalamos e testamos as novidades em um computador doméstico para ajudar você a decidir se vale a pena instalar ou não na sua máquina.
Instalação
Para o alívio de muitos usuários, a instalação do Update 1 é bem menos “traumática” do que a mudança do Windows 7 e 8.x para a versão 10. Não é preciso reservar lugar na fila, esperar muito tempo, nem configurar conta Microsoft ou dar outro passo mais complicado que um clique. Basta abrir o Windows Update e começar e baixar os pacotes lançados pela Microsoft até então. 
Antes de começar a atualização, porém, tenha em mente que ela não é das mais rápidas e, em nossos testes, chegou a durar cerca de uma hora e meia. Portanto, evite atualizar seu PC durante o trabalho ou antes de uma tarefa importante.
Interface e personalização
A Microsoft decidiu eliminar algumas incoerências entre a Interface do Windows 10 e a de sistemas antigos. A partir de agora, ao clicar com o botão direito na barra de tarefas ou no Menu Iniciar, um novo menu contexto aparecerá com interface mais amigável ao toque, com fundo mais escuro.
Ainda no Menu Iniciar, o Windows 10 ganhou duas novidadades. A primeira é a possibilidade de adicionar uma quarta coluna de blocos dinâmicos ou usar dois blocos largos lado a lado. Já a outra são os novos menus contextos das Live Tiles, que são mais intuitivos para redimensionamento e agora permitem que o usuário execute tarefas sem abrir o aplicativo, como no 3D Touch do iPhone 6S.
Para quem gosta de personalizar, o Windows 10 agora reproduz a cor escolhida pelos usuários também na barra de título do Explorador de Arquivos. Anteriormente, o espaço ficava apenas em branco.
A Microsoft liberou também que o usuário troque o papel de parede do Windows na tela de login por um fundo colorido. Já os donos da versão 10 Pro poderão ativar o Spotlight para trocar o wallpaper da tela de bloqueio diariamente. Por fim, alguns ícones do sistema foram modificados.
Usabilidade
No modo desktop, a Microsoft incluiu uma ótima mudança no Snap View, que divide aplicativos lado a lado. Agora, ao redimensionar um, o outro também será redimensionado e seu tamanho ficará do jeito que o usuário quiser. Anteriormente, as janelas acabavam separadas.
Já o modo tablet trouxe algumas características do Windows 8 de volta. Agora, é possível fechar um app com um movimento para baixo. Além isso, ao exibir dois apps ao mesmo tempo e abrir um terceiro, esse flutuará no meio da tela até que o usuário decida para qual canto ele vai.
Novos aplicativos e funcionalidades
Com o Update 1, donos de notebooks com pouca memória poderão optar por instalar novos apps em HDs externos ou cartões microSD, como já fazem no celular. O Windows 10 agora alerta se há algum problema com o USB conectado ao PC. Além disso, o usuário pode definir sempre a última impressora usada como a padrão.
Para quem costuma esquecer o notebook por aí ou tem medo de ser assaltado, a Microsoft adicionou a função “Localizar meu Dispositivo” ao sistema. O recurso funciona de forma semelhante ao Find My iPhone da Apple e salva localizações periodicamente para que usuário possa encontrar o computador.
A Microsoft incluiu, na surdina, três novos apps com a marca Skype , sendo cada um com uma funcionalidade do mensageiro principal: Telefone (ligações), Mensagens (texto) e Video do Skype (videochamadas). O uso deles ainda não é claro, mas o trio estará no Windows 10 Mobile, o que pode indicar que a Microsoft trabalha em ferramentas como a Continuidade do Mac.
O Sway agora vem incluído no sistema, mesmo para quem optou por não baixá-lo anteriormente. Fora isso, os apps do e-mail, Xbox, calendário, Microsoft Fotos, Microsoft Groove e outros receberam pequenas melhorias, sem grande destaque.
Microsoft Edge renovado
Dos apps do sistema, o Microsoft Edge foi o que recebeu mais novidades - aquelas prometidas hás tempos. Para começar, agora ele exibe os previews das abas abertas quando o usuário posiciona o mouse sobre elas. Além disso, todos os favoritos, senhas e listas de leituras podem ser sincronizado com outros dispositivos conectados à mesma conta, incluindo celulares.
O navegador agora também é capaz de transmitir vídeos do YouTube e outros sites para aparelhos com DLNA e Miracast , como o Chromecast funciona. Para os usuários com a Cortana ativada, também será capaz de perguntar coisas à assistente em arquivos PDF.
Cortana mais smart
Para quem usa o Windows em inglês, a Cortana agora permite que o usuário faça uma nota com uma caneta ou os dedos na tela. Além disso, ela é capaz de rastrear ingressos comprados pelo usuário e informar trajetos para o local de evento para garantir que a pessoa chegará a tempo. Por fim, a assistente emite alertas de chamadas perdidas no Windows Phone.
Afinal, vale a pena instalar?
Se você daqueles usuários sedentos por novidades, a primeira atualização do Windows 10 pode decepcionar. O Update trouxe apenas ferramentas para polir o funcionamento do sistema e aumentar o poder do usuário no que diz respeito à personalização. Funcionalidades mais elaboradas ficaram para os próximos meses.
Por essa razão, usuários mais desconfiados não perderão muita coisa em aguardar alguns dias até tiverem certeza que o update está funcionando normalmente. Nos testes do TechTudo, tudo correu de forma bem tranquila, mas é impossível garantir isso para um sistema tão diverso como o Windows. 
Em resumo, o Update 1 é recomendado para quem deseja melhorar ainda mais a sua experiência no PC.
 
 
 Windows 10 Como rastrear e localizar seu PC em caso de roubo
O Windows 10 tem uma ferramenta valiosa para garantir a segurança e a privacidade do usuário: o rastreamento de computadores e tablets com o sistema. O recurso grava a última localização do dispositivo assim que o aparelho se conecta à Internet, para que você possa localizá-lo em caso de perda ou roubo.
O serviço já funciona de forma parecida no iPhone, Android e Windows Phone. Se você quer ficar mais seguro, confira no tutorial como buscar e localizar seus dispositivos com o sistema de rastreamento da Microsoft.
Etapa 1. Ativar o rastreamento
Passo 1. Abra as configurações do Windows;
Passo 2. Escolha a opção “Atualização e Segurança”;
Passo 3. Escolha a seção “Localizar meu Dispositivo” na parte esquerda da tela;
Passo 4. Toque sobre o botão "Alterar" indicado na tela;
Passo 5. Toque sobre a chave para ativar o recurso;
Pronto! Agora o Windows vai guardar localização do seu dispositivo periodicamente para que você saiba onde localizá-lo;
Etapa 2. Procurar pelo seu dispositivo
Passo 1. Abra o navegador e acesse a página “account.microsoft.com/devices”;
Passo 2. Na página que aparece, toque sobre a opção “Entrar”;
Passo 3. Faça login com seu e-mail e senha utilizados no Windows 10 do dispositivo perdido ou roubado;
Passo 4. O Windows 10 exibirá uma lista com todos os dispositivos conectados à sua conta. Localize o seu computador e observe que a página fornece uma prévia da última localização dele;
Passo 5. Se quiser ter mais informações sobre a localização do dispositivo, toque sobre o link “Localizar Meu Dispositivo”. Uma página será aberta com o mapa e a localização onde o computador foi detectado pela última vez.
Pronto! Agora você sabe como localizar um PC com Windows 10 roubado ou perdido. Por enquanto, a Microsoft ainda não permite o bloqueio à distância nem formatação do PC, como ocorre nos celulares.
 
 
 Como resolver erro 0XC00007B no Windows 10
Se você já tentou abrir um programa no Windows e recebeu o erro 0XC00007B, saiba que não está sozinho. Essa falha, na verdade, é comum no sistema da Microsoft e pode ocorrer de forma frequente em praticamente qualquer versão, do Windows 7 ao Windows 10. 
As possíveis causas costumam envolver arquivos DLL corrompidos, que podem deixar apps sem acesso às bibliotecas corretas do Windows. Confira 10 maneiras de solucionar o problema no PC e volte a abrir todos os programas sem dor de cabeça.
Execute como administrador
Alguns programas podem ser impedidos de acessar as DLLs corretas do Windows simplesmente porque o usuário não tem autorização para isso, o que acarreta no alerta 0XC00007B. Para verificar se a causa é essa, basta clicar com o botão direito sobre o atalho do programa e selecionar “Executar como administrador”.
Reinicie o computador
Se você acabou de instalar um programa e não consegue abri-lo, experimente reiniciar o PC para resolver a falha. Alguns aplicativos precisam de um reset completo para ganhar acesso às DLLs, e inclusive avisam sobre esse requerimento ao final do processo de instalação, mas muitos usuários ignoram.
Reinstale o programa
O erro 0XC00007B, na maioria dos casos, pode ser resolvido com a reinstalação completa do programa que apresenta a falha. Como a causa deve estar em duas DLLs, o instalador de pacote original poderá fazer sua reposição na pasta correta, permitindo que ele seja aberto normalmente em uma segunda instalação.
Reinstale o .NET
O .NET é o framework no qual se baseia boa parte dos programas feitos para Windows, e uma versão desatualizada pode impedir que apps sejam abertos no computador. Para resolver uma falha, quando não é possível instalar um programa de novo, basta acessar a página oficial da Microsoft e baixar a versão mais recente do .NET para o PC usando o instalador web.
Execute o Windows Update
Muitos bugs podem ser evitados, incluindo o erro 0XC00007B, se o computador estiver com as atualizações do Windows Update em dia. Em qualquer versão do Windows, acesse o recurso por meio das configurações ou Painel de Controle, e instale os downloads mais importantes recomendados pela Microsoft. Em seguida, reinicie o computador e tente abrir o programa em questão novamente para ver se o problema foi resolvido.
Atualize o programa manualmente
Alguns programas vêm com um executável de atualização manual, que permitem baixar novas versões e, consequentemente, substituir DLLs defeituosas. Acesse a pasta “Arquivos de Programas” e procure por um arquivo como “Update.exe” ou similar e rode-o manualmente para buscar por soluções.
Reinstale o DirectX
Assim como o .NET, o DirectX é um conjunto de APIs que serve para criar programas e, por isso, sua atualização pode resolver alguns defeitos. Há duas maneiras de instalar a versão mais recente do recurso, seja por meio do Windows Update ou de forma manual.
Atualize o Visual C++
O Visual C++ é a linguagem utilizada mais amplamente para criação de programas compatíveis com o Windows, e ela está presente no sistema por meio de bibliotecas que devem ser atualizadas constantemente. Para garantir que você está com tudo em dia, nada melhor que baixar o Visual Studio mais recente para se certificar de que isso não está afetando o funcionamento de um dos programas.
Cheque seu disco
Outra possível causa de mal funcionamento no Windows é o próprio disco do PC. Se ele estiver apresentando falhas, poderá corromper arquivos de DLL aleatoriamente e causar o erro 0XC00007B e muitos outros. Uma das formas de verificar esse disco é usar o comando chkdsk, acionado no Prompt de Comando executado como administrador.
Substitua DLLs manualmente
Em último caso, é possível arriscar e tentar uma solução substituindo arquivos de DLL manualmente. É importante salientar que o procedimento, feito sem cuidado, pode comprometer o funcionamento do Windows inteiro. Portanto, se decidir prosseguir, crie primeiro um ponto de restauração no sistema e obtenha online as DLLs mfc100.dll, mfc100u.dll, msvcr100.dll, msvcp100.dll e msvcr100_clr0400.dll, substituindo-as em seguida na subpasta de Arquivos de Programas.
 
 
 Windows 10 terá update opcional mas será baixado automaticamente
Após relatos de usuários de instalação do  Windows 10 sem autorização em seus PCs, a Microsoft confirmou nesta sexta-feira (30) que vai tratar o upgrade como "recomendado". Com a mudança, anunciada no site oficial da empresa, a partir de 2016, o novo sistema operacional será baixado automaticamente. Quem não gostar poderá fazer o downgrade em até 31 dias. 
Uma janela de “update opcional” para o Windows 10 deve aparecer em breve nos computadores com Windows 7, Windows 8 e 8.1, via Windows Update. No ano que vem, o status vai mudar para “update recomendado” e o download automático vai depender das configurações de instalação do PC. 
“Antes de o upgrade mudar o sistema operacional, você será perguntado se deseja continuar. É claro que se escolher fazer a atualização e não gostar da sua nova versão do Windows, terá 31 dias para voltar para a versão anterior”, explica a Microsoft.
Outra novidade interessante é que os usuários que têm Windows pirata nos seus computadores podem ganhar uma chance de validá-los. A empresa vai testar, primeiro nos Estados Unidos, uma opção única de comprar o Windows pela Windows Store. Caso dê certo, o programa pode ser expandido para outros países.
Conquistando o público
A adoção do Windows 10 já é bem grande, com mais de 110 milhões de aparelhos com o sistema no mundo, segundo dados da Microsoft. As avaliações também vêm sendo positivas. Em publicação no blog oficial do Windows, a Microsoft cita o Brasil como um dos países em que a preferência pela nova versão do sistema é alta, assim como na China, na França e nos Estados Unidos.
 
 
 Como fixar aplicativos do Chrome na barra de tarefas do Windows 10
Fixar atalhos para os aplicativos do Chrome na barra de tarefas do Windows pode ajudar o usuário economizar tempo sempre que precisar abrir um app - especialmente se ele o utiliza com frequência. Entretanto, esse recurso não vem ativado na última versão do sistema da Microsoft. Quem usa o Windows 10, precisa habilitar a função manualmente através das configurações do navegador. Veja como.  
Passo 1. Acesse os aplicativos do Chrome. Para isso, clique em “Apps”, no canto esquerdo da barra de favoritos, ou digite “chrome://apps” (sem aspas) na barra de endereços do navegador;
Passo 2. Agora, clique com o botão direito do mouse sobre o aplicativo que você quer fixar na barra de tarefas do Windows e marque a opção “Abrir como janela”;
Passo 3. Por fim, clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do aplicativo na barra de tarefas do Windows e clique em “Fixar este programa na barra de tarefas”.
Pronto. Repita o procedimento sempre que quiser adicionar um novo aplicativo para acesso rápido.
 
 
 Sucuri de 5 metros atravessa via em área urbana de Ribeirão Preto
PMs faziam ronda quando se depararam com animal no Ribeirão Verde.
Réptil é comum na região e habita de pequenos lagos a grandes rios.

Uma sucuri-verde adulta foi flagrada pela Polícia Militar na madrugada desta terça-feira (8) enquanto atravessava a Estrada das Palmeiras, no bairro Ribeirão Verde, zona norte de Ribeirão Preto (SP). A cobra com 5 metros de comprimento foi filmada pelos policiais durante a travessia em área urbana.
Os policiais faziam uma ronda quando se depararam com o animal no asfalto. Segundo os PMs, a sucuri não foi capturada e continuou o trajeto calmamente.
De acordo com o diretor do Bosque Zoológico de Ribeirão Preto Alexandre Carvalho Gouvêa, a serpente que aparece nas imagens é uma sucuri-verde (Eunectes murinus), que habita desde pequenos lagos até grandes rios, como o Pardo, na região de Ribeirão Preto.
Ainda segundo Gouvêa, o animal é típico da região e encontros-surpresa como este tendem a ficar cada vez mais comuns por cauda da ocupação de áreas verdes. “Como a cidade está crescendo cada vez mais e invadindo áreas preservadas nos seus arredores, se torna cada vez mais comum os encontros com esses animais, pois saem dos leitos de água à procura de alimento”, explicou.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Suspeita de zika vírus em Ribeirão Preto é investigada pela USP
Virologista confirma ter recebido notificação sobre uma paciente de 33 anos.
Mulher, que não está grávida, foi atendida em UBDS com febre e conjuntivite.

A Secretaria da Saúde de Ribeirão Preto (SP) confirmou na manhã desta terça-feira (8) que investiga uma suspeita de zika vírus na cidade. Uma notificação foi recebida pelo virologista Benedito Antonio Lopes da Fonseca, da Faculdade de Medicina da USP, que analisa os casos.
Transmitida pelo mesmo mosquito da dengue e da febre chikungunya, a doença está associada à elevação da incidência de microcefalia de recém-nascidos no Nordeste e com a síndrome de Guillain-Barré, doença neurológica que paralisa parte do corpo.
A Secretaria da Saúde confirmou que investiga casos suspeitos de zika vírus, mas informou que não há nenhuma confirmação. Ainda de acordo com o departamento, buscas estão sendo feitas para ver se há a circulação do vírus em Ribeirão.
Paciente
Segundo o virologista da USP, o caso suspeito é de uma mulher de 33 anos, que não está grávida, atendida com febre, vermelhidão no corpo e conjuntivite na Unidade Básica Distrital de Saúde (UBDS) Central, em Ribeirão.
O médico infectologista aguarda a chegada do material da paciente para fazer os testes e afirma que o resultado dos exames deve sair até sexta-feira (11).
Casos suspeitos
O virologista, que é professor de infectologia da USP, e tem um laboratório voltado para detecção de vírus como dengue e chikungunya, estima já ter avaliado em torno de 20 casos suspeitos de zika vírus na cidade este ano, mas que nenhum deles foi confirmado.
A situação da paciente mais recente, no entanto, ainda depende de uma avaliação. "É uma suspeita de zika em uma mulher que não está grávida, mas pode ser dengue", diz Fonseca.
Microcefalia
Além desta suspeita de zika vírus, segundo Fonseca, há dois casos de microcefalia a serem analisados, mas que dependem da análise de anticorpos e que ainda não são relacionados ao vírus.

"Quando chega a uma situação em que o bebê nasce com microcefalia, essa infecção ocorreu há seis meses até quase nove meses atrás. Então a gente não tem o vírus ali presente. A gente tem que fazer uma investigação através da procura de anticorpos específicos contra o vírus no sangue da mãe e do bebê", afirma.
Uma eventual confirmação da doença no município despertaria um alerta de risco à saúde pública. A única prevenção, segundo ele, é evitar a proliferação do Aedes aegypti, transmissor da doença.
"Saberíamos que zika está circulando em Ribeirão, a transmissão poderia ocorrer de uma pessoa pra outra através da picada do mosquito e teríamos uma epidemia. Aí sim teríamos que ficar preocupados e fazer um trabalho com as pacientes que ficarem grávidas", afirma.
Questionada pelo G1, a Secretaria da Saúde não confirmou os casos de microcefalia em bebês de Ribeirão Preto.
A secretaria informou também que realiza arrastões e visitas constantes em pontos estratégicos para acabar com os criadouros do mosquito e que faz nebulização para bloquear casos suspeitos e confirmados.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Palace promove em Ribeirão Preto exposição gratuita de presépios
Peças feitas com materiais como bagaço da cana estão à mostra até dia 21.
Entrada é gratuita; obras expostas podem ser compradas por até R$ 400.

O Centro Cultural Palace recebe até 21 de dezembro uma exposição gratuita de presépios e reproduções da Sagrada Família em Ribeirão Preto (SP). Ao todo, 50 peças confeccionadas por 16 artesãos podem ser conferidas de segunda a sábado.
Feitos à base de materiais como tinta acrílica, cabaça, tecido, bambu, barro, PVC, sapê; gesso, bagaço da cana, entre outros, os trabalhos que remetem ao nascimento do menino Jesus são resultado de diferentes técnicas e estilos, tais como colagem e pintura marmorizada.

As peças em exposição podem ser adquiridas pelos visitantes por preços que variam de R$ 15 a R$ 400.
Para realizar a mostra, o centro cultural recebeu produções por dois meses. Segundo a coordenadora do Palace, Meire Teixeira, o objetivo é colocar em evidência o trabalho desenvolvido por artesãos locais.
“A ideia é valorizar o nosso artista. A gente trabalha com a inclusão deles”, afirma.

Serviço
Exposição "Presépios e Sagrada Família"
Local: Centro Cultural Palace (Rua Álvares Cabral, 322, Centro - Ribeirão Preto/SP).
Horários: de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h; aos sábados, das 10h às 12h.
Entrada: gratuita


Fonte: g1.globo.com
 
 
 USP realiza workshop sobre saúde mental em Ribeirão Preto
Palestras acontecem nesta quarta-feira, 9, às 14h; Inscrições são gratuitas

Nesta quarta-feira, 9, às 14h, acontece o quarto Workshop Saúde e Direitos Humanos, com o tema "Estigma e Saúde Mental: uma abordagem sobre direitos humanos, transtorno mental, uso de drogas psicoativas e discriminação".

Para participar, os interessados devem se inscrever gratuitamente pelo site da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP). O evento vai ser realizado no Auditório I da EERP, Campus da USP em Ribeirão Preto.

Além das discussões como os profissionais e as organizações, o evento vai abordar o estigma e a saúde mental com base nos direitos humanos e a descriminação às pessoas com transtornos mentais e aos usuários de drogas.

O workshop está sendo realizado pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em Enfermagem, Saúde Global, Direito e Desenvolvimento (GEPESADES) da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP.

Na programação, uma videoconferência está marcada para a abertura do evento, com o professor Akwatu Khenti, da Universidade de Toronto, Canadá, que falará sobre compreender o papel de atitudes e comportamentos estigmatizantes no cuidado com a saúde e seu potencial de desestigmatização.

A enfermeira do Centro de Saúde Escola, Teresa Cristina Rosa, com a professora do Departamento de Enfermagem Psiquiátrica e Ciências Humanas da EERP, Kelly Vedana, e a enfermeira do Hospital Santa Tereza, Rúbia Benedicto, vão participar da mesa redonda sobre profissionais de saúde e o estigma direcionado às pessoas com transtornos mentais e usuários de drogas.

A programação conta ainda com o lançamento do livro Saúde Mental e Direitos Humanos, da professora Carla Ventura, do Departamento de Enfermagem Psiquiátrica e Ciências Humanas da EERP.
 

Fonte: revide.com.br
 
 
 Inflação oficial é a maior para novembro desde 2002
Inflação oficial é a maior para novembro desde 2002, diz IBGE
IPCA ficou em 1,01% em novembro depois de avançar 0,82% em outubro.
No acumulado em 12 meses, índice passa de 10% e é o maior em 12 anos.

A inflação oficial do país, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficou em 1,01% em novembro, depois de chegar a 0,82% no mês anterior, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É a maior taxa para novembro desde 2002, quando atingiu 3,02%.

Entre os grupos analisados pelo IBGE, o maior impacto partiu do de gastos com alimentos e bebidas, que ficaram 1,83% mais caros de outubro para novembro.
No ano, de janeiro a novembro, a inflação acumula alta de 9,62% - a maior para esse período desde 2002. Naquele ano, o IPCA havia ficado em 10,22%. Em 12 meses, o indicador está em 10,48%, bem acima do teto da meta de inflação do Banco Central, de 6,5% ano ano. Essa variação também é a mais intensa desde novembro de 2003, quando atingiu 11,02%.

Entre os itens pesquisados para o cálculo da inflação, o que mais pesou no bolso do consumidor foi o aumento de preços dos combustíveis. O valor do litro da gasolina subiu 3,21% em novembro, ainda reflexo do reajuste de 6% autorizado pela Petrobras desde setembro.
“A taxa desse ano carrega vários reajustes de itens importantes no orçamento, que são as contas que pesam muito no bolso das famílias, energia, água e esgoto, que até ficaram represadas muitos anos, com preços abaixo da inflação”, disse.

Na sequência, entre os maiores impactos intelefonia celular (2,13%) e fixa (1,00%), artigos de higiene pessoal (1,22%), roupas infantis (1,19%) e femininas (1,17%), plano de saúde (1,06%), cabeleireiro (0,70%) e empregado doméstico (0,45%).

Com o aumento do preço da gasolina, os outros combustíveis acabaram tendo seus valores reajustados também. Enquanto o custo do litro do etanol aumentou 9,31%, o do óleo diesel subiu 1,76%.

Mesmo com a pressão do aumento desses gastos, o grupo de despesas relativos a transportes, do qual fazem parte, viu sua taxa desacelerar, de 1,72% em outubro para 1,08% em novembro.
Nos alimentos, os itens comprados par
a consumo dentro de casa subiram 2,46% e as refeições fora de casa ficaram quase 10% mais caras. Entre os destaques de alta estão a batata-inglesa (27,46%), o tomate (24,65%), o açúcar cristal (15,11%) e o refinado (13,15%).

Além da comida e do combustível, a conta de luz também subiu 0,98%, contribuindo para o ligeiro aumento do grupo de gastos com habitação, cuja alta passou de 0,75% para 0,76%. Também ficaram maiores os preços de artigos de limpeza (1,5%), condomínio (1,35%) e botijão de gás (0,81%).

Por regiões
Entre todas as capitais analisadas pelo IBGE, a inflação foi mais pesada em Goiânia (1,44%), reflexo da alta dos alimentos consumidos em casa. O menor índice foi registrado em Brasília (0,66%) devido, principalmente, à queda de 0,55% nos alimentos consumidos fora de casa.


Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Chuva provoca pontos de alagamento na zona sul de Ribeirão Preto
Barragem de contenção de córrego no Jardim Botânico transbordou.
Em duas horas, choveu o equivalente a 23% da média para dezembro.

A chuva que atingiu Ribeirão Preto (SP) na manhã desta segunda-feira (7) provocou pontos de alagamento na zona sul da cidade. Apesar do acúmulo de água nas vias, nenhum dano foi registrado pela Defesa Civil.

Em duas horas, choveu 63 milímetros, equivalente a 23% da média prevista para o mês de dezembro, segundo a Somar meteorologia.
O grande volume de água em pouco tempo fez com que a barragem de contenção de um córrego transbordasse na Avenida Carlos Consoni, no Jardim Botânico. A água é escoada para outros dois córregos, como o Retiro Saudoso e o ribeirão Preto.
Buraco
No bairro City Ribeirão, parte do asfalto foi arrancada com a força da chuva na Avenida Áurea Aparecida Bragheto Machado. Buracos foram abertos na via e os motoristas precisaram redobrar atenção no local.
Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Ribeirão Preto, uma equipe da Secretaria de Infraestrutura deve ser enviada à avenida até terça-feira (8) para fazer os reparos no asfalto da via

Fonte: g1.globo.com
 
 
 IPEM SP realiza plantão de taxímetro em Ribeirão Preto nesta terça
Os taxistas de Ribeirão Preto já podem consultar no site do IPEM-SP (www.ipem.sp.gov.br) as datas dos plantões de taxímetro. A próxima ação no município será realizada nesta terça-feira (8), a partir das 9h, sendo o ponto de partida na avenida Maurílio Biagi, 2.940, no bairro City Ribeirão, zona sul da cidade.

No caso dos plantões de regularização de taxímetro, somente os taxistas que precisam validar o instrumento após mudança de veículo, troca ou reparo do equipamento devem comparecer. O IPEM-SP também realiza, periodicamente, a verificação anual – ação de participação obrigatória a todas as categorias de táxi.

Os taxistas autuados por trafegar com o taxímetro irregular têm dez dias para apresentar defesa ao órgão. As multas podem variar de R$ 500 a R$ 5 mil, dobrando na reincidência.

Para agendar o atendimento é necessário acessar o site do IPEM-SP e emitir a GRU (Guia de Recolhimento da União) para o pagamento da taxa de verificação. Sem o agendamento online e a taxa quitada, o atendimento não é realizado.

Na data da verificação, o taxista ou responsável pelo veículo deve apresentar os seguintes documentos:

- alvará de estacionamento fornecido pela prefeitura;

- certificado de propriedade do veículo;

- certificado de verificação do IPEM-SP, referente ao último exercício;

- GRU quitada;

- comprovante de endereço;

- guia de serviço fornecida por oficina credenciada pelo IPEM-SP

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (16) 3916-2338 ou pessoalmente na Sede da Delegacia de Ação Regional do IPEM-SP em Ribeirão Preto.

Fique de olho

Para identificar se o taxímetro foi verificado pelo IPEM-SP, o consumidor deve observar a existência do lacre amarelo, que impede o acesso à regulagem do aparelho, e do selo do Inmetro com a frase “verificado até 2016”. Caso o lacre esteja rompido, o consumidor não deve aceitar a corrida, pois o aparelho pode apresentar medição incorreta. Em alguns casos poderão ser encontrados com a etiqueta "verificado até 2015", pois, o instrumento pode ser que ainda não tenha sido verificado, devido ao cronograma conforme o alvará.

O valor da bandeira é estabelecido pela prefeitura de cada município, mas é importante estar atento ao horário em que as bandeiras ‘um’ e ‘dois’ podem ser utilizadas, para não pagar mais caro pela corrida.

O consumidor que notar irregularidades ou tiver dúvidas pode realizar denúncia na Ouvidoria do IPEM-SP por meio do telefone 0800-013-0522 ou pelo e-mail ouvidoria@ipem.sp.gov.br.

Fontes: 
- ribeiraopretoonline.com.br 
- Assessoria de Imprensa do IPEM-SP
 
 
 Feira do Livro de Ribeirão Preto fará homenagem a Colômbia em 2016
A prefeita Dárcy Vera (PSD), acompanhada dos secretários municipais, Layr Luchesi Júnior, Ângelo Invernizzi e Érica Amendola, assistente do secretário da Cultura, recebeu nessa segunda-feira (7), em seu gabinete, no Palácio Rio Branco, a presidente e o vice-presidente da Fundação Feira do Livro, Adriana Silva e Edgard de Castro, que vieram apresentar material institucional da Feira Nacional do Livro para 2016.

O evento, que tem como tema “Viva o escritor, salve, salve o leitor: O Fascinante Mundo do romance, do conto, da crônica e da poesia”, já tem período definido: de 11 a 19 de junho.

Na edição de 2016, o país homenageado será a Colômbia, considerado o país da Biblioteca. A escritora homenageada será a premiada Lygia Fagundes Telles, atual membro da Academia Brasileira de Letras e da Academia das Ciências de Lisboa. Na categoria Infanto-juvenil, a autora homenageada será Maria Clara Machado, escritora e dramaturga de sucesso entre as crianças e adolescentes. O filósofo, escritor e educador Mário Sérgio Cortella será homenageado na categoria autor educação. João Naves, empresário e fundador do grupo Rodonaves, será o Patrono da 16ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto e a premiada escritora e educadora Rita Mourão, atual integrante da Academia Ribeirãopretana de Letras, será homenageada na categoria autor local.

Fontes:
- ribeiraopretoonline.com.br 
- Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Briga para o trânsito do Centro de Ribeirão Preto
Homem teria se queixado que trio estava obstruindo a calçada

Uma discussão fez o trânsito parar por volta das 15h40 deste domingo (6) na esquina das ruas Visconde de Inhaúma e São Sebastião, no Centro de Ribeirão Preto.

Segundo testemunhas, um homem que vestia uma camiseta verde se queixou que três pessoas estavam andando muito devagar e, com isso, obstruindo a calçada. Ele teria insultado os pedestres e sido insultado de volta.

Nervoso, o homem teria pego uma vasilha de plástico em uma caçamba e arremessado o objeto contra o trio. A vasilha teria batido nas costas de uma jovem, que estava acompanhada por dois rapazes.

Em seguida, ainda de acordo com as pessoas que passavam pelo local, os garotos trocaram mais xingamentos com o homem, que se armou com pedaços de madeira e partiu para cima deles. Os meninos também teriam pego cabos de vassoura e paus na caçamba e, assim, a pancadaria teve início.

As agressões só acabaram quando os vendedores das lojas do entorno intervieram e apartaram a briga. O homem de verde fugiu e um dos rapazes sofreu ferimentos leves no pulso.

Fonte: jornalacidade.com.br
 
 
 USP de Ribeirão Preto desenvolve kit para detecção do zika vírus
Hospital das Clínicas de Ribeirão passou a investigar sintomas de infecção em um paciente

O Centro de Pesquisa em Virologia da USP de Ribeirão Preto está desenvolvendo um kit para agilizar a detecção do zika vírus. Atualmente, para saber se houve infecção o tempo de espera pode chegar a até duas semanas.

Nesta segunda-feira (7), o Hospital das Clínicas passou a investigar uma paciente que está com sintomas da doença. Ela não estaria grávida.

O zika passou a ser preocupação nacional após a constatação de que a infeção pela doença durante a gestão acarreta em microcefalia nos bebês, que nascem com má formação do cérebro, podendo acarretar em problemas motores e mentais.

Em entrevista ao A Cidade, o professor da USP Benedito Lopes da Fonseca, que coordena as pesquisas, afirma que há tratativas de uma parceria com a prefeitura de Ribeirão Preto para o kit que detecta o zika seja distribuído na rede municipal de saúde.

“É uma iniciativa pioneira, até, em âmbito internacional, pois ainda há poucas pesquisas sobre o tema”, afirma Benedito.

Ontem, o governo do Estado de São Paulo anunciou que destinará R$ 50 milhões para um fundo específico para combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, do zika e da febre chikungunya.

A ação vai envolver 11 secretarias de governo, além de 30 mil homens da Polícia Militar e da Defesa Civil.
Até agora, o estado tem dois casos confirmados de infecção pelo zika: um em São José do Rio Preto e outro em Sumaré. Ambos furam curados.


Fonte: jornalacidade.com.br
 
 
 Prefeitura descumpre Lei de Responsabilidade Fiscal
Prefeitura descumpre Lei de Responsabilidade Fiscal, diz MP
É a interpretação de promotor Sebastião da Silveira ante dívida de R$ 122,9 milhões do município

Para o promotor de Justiça Sebastião Sérgio da Silveira, a Prefeitura de Ribeirão Preto está descumprindo a Lei de Responsabilidade Fiscal devido ao acúmulo de dívidas com fornecedores e falta de planejamento orçamentário.

Já o Executivo alega que a situação é agravada pelo acordo firmado pelo ex-prefeito Welson Gasparini (PSDB), com a ciência de Sebastião, para pagar a dívida da Cohab, retendo R$ 1,5 milhão mensais.

Ontem, o A Cidade revelou que o Palácio Rio Branco tem R$ 122,9 milhões de pagamentos com data vencida com fornecedores. A Estre, responsável pela coleta de lixo do município, puxa a fila com R$ 41,9 milhões. “Isso é preocupante. Se algo não for feito, a prefeitura ficará inviabilizada no curto prazo”, diz o promotor, que em setembro do ano passado abriu inquérito para apurar as dívidas do Executivo.

As investigações serão encerradas, segundo ele, até o final de dezembro, e a propositura de uma Ação Civil Pública por improbidade administrativa contra a prefeita Dárcy Vera (PSD) é uma possibilidade.
Para Sebastião, a prefeitura está “superestimando a receita”, apesar da crise financeira do país. No orçamento de 2016, que começa a ser votado pela Câmara hoje (leia mais na D4), o Executivo previu um aumento de 8,8% nas receitas da administração direta em relação a este ano.

Na peça orçamentária, constam R$ 101,6 milhões de dívidas com fornecedores. O levantamento, fechado em 31 de agosto pela Secretaria da Fazenda, é R$ 21,3 milhões menor do que o atual, conforme dados oficiais obtidos pelo A Cidade via Lei de Acesso à Informação.

Para o especialista em gestão pública Marco Aurélio Damião, “deveria ser estimada uma projeção realista dessa dívida para o final do ano”. Já a prefeitura afirma que seguiu todos os preceitos da lei Lei Federal nº 4.320/64.

O vereador Genivaldo Gomes (PSD), presidente da Comissão de Finanças, diz que muitas variáveis interferem no orçamento. “Realizar o planejamento da administração pública é diferente da iniciativa privada porque são muitos fatores que influem. Mas vamos nos adequando conforme as circunstâncias”.

Prefeitura deve a 4 órgãos públicos

A prefeitura tem R$ 31 milhões em pagamentos com data vencida a quatro órgãos públicos: Sassom, IPM, Coderp e Daerp. Os três primeiros ocupam posições de destaque no ranking (ver acima), e a autarquia tem para receber R$ 446,9 mil.

O advogado Gustavo Bugalho, membro da comissão de licitações e contratos públicos da OAB, alerta para a possibilidade do não pagamento proposital do Executivo aos órgãos públicos. “Pode ser, em tese, uma maneira de conseguir fazer caixa, o que configuraria uma pedalada. Além disso, os atrasos comprometem a saúde financeira dessas entidades”. Segundo a prefeitura, esses quatro órgãos não devem para seus fornecedores. O Daerp tem até contas de setembro de 2014 para receber. Os valores não incluem a dívida de longo prazo com a autarquia (que representam cerca de R$ 53 milhões). 

Executivo culpa acordo de Gasparini

Em nota, a prefeitura afirmou que, mensalmente, tem retido R$ 1,5 milhões do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) devido ao acordo firmado pelo ex-prefeito Welson Gasparini para quitar a dívida da Cohab.

“Este valor é uma receita do município que foi dada como garantia, o que tem feito falta aos cofres públicos para pagamento aos fornecedores”, diz a nota. Ao ano, o município recebe cerca de R$ 57 milhões do FPM - cerca de 30% ficam retidos para pagar a dívida da Cohab.

Sobre o inquérito que apura descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal, o Executivo  diz que “o promotor [Sebastião Sérgio da Silveira] tinha conhecimento do acordo feito na época pelo ex-prefeito Welson Gasparini e sabia que isso poderia comprometer os orçamentos futuros”. 

A prefeitura lembrou que possui R$ 1 bilhão inscritos em dívida ativa de “recursos e taxas ainda não pagos pelos contribuintes, valor este muito superior ao que precisa ser quitado” das dívidas com fornecedores, e que “trabalha diariamente para receber a maior quantia possível” para evitar pendências para 2016. 

A nota não cita quanto dessa dívida será recuperada até o final do mês e qual o montante de repasses atrasados pelos governos estadual e federal.



Fonte: jornalacidade.com.br
 
 
 Cartórios agora emitem CPF de graça para bebês
Medida entrou em vigor na semana passada em todo o Estado de São Paulo e é gratuita

Desde a última semana cartórios de todo o estado passaram a emitir o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) nas certidões de nascimento de bebês. A novidade é uma iniciativa da Receita Federal com a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP).

O serviço é gratuito e tem a intenção de prevenir fraudes e problemas causados por homônimos. Também pretende facilitar o acesso da população mais carente a obtenção de benefícios sociais oferecidos pela união, como o Bolsa Família.

“Com o CPF da criança em mãos existe a vantagem de poder ser inserida em qualquer programa social, em planos médicos e até abrir uma conta poupança”, disse o oficial substituto do 3º Registro Civil das Pessoas Naturais de Ribeirão Preto, Ricardo Rodini Luiz.

Desde o dia 1º de dezembro, quando começou a valer a medida, dez crianças já saíram do 3º cartório com o número do CPF. “Só fizemos dez, porque se o cadastro dos pais não estiver totalmente correto na Receita Federal não conseguimos gerar o número”, explica Luiz. De acordo com o oficial é necessário que todos os dados do responsável – como nome, filiação, nacionalidade – estejam regularizados no Ministério da Fazenda.

O serviço já é oferecido nos 836 Cartórios de Registro Civil de São Paulo. Em Ribeirão, além dos cartórios, é possível emitir a certidão de nascimento com o número do CPF já nas maternidades, através dos postos avançados dos cartórios. O serviço também não tem custo algum.

“Se for tirar nos Correios custa R$ 7 e no cartório toda documentação é gratuita”, afirma Luiz. “É interessante porque ela já sai com um número que vai acompanhar a vida toda”, ressalta o Oficial.
A previsão da Receita é de que o serviço esteja disponível em todos os cartórios do país até o final do primeiro semestre de 2016. (Colaborou Jessica Ribeiro).  


Fonte: jornalacidade.com.br
 
 
 Após liberação barulho na rua Barão do Amazonas desagrada comerciantes
Caixas de ferro com fiação aterrada trepidam com tráfego de veículos


A Transerp, empresa que gerencia o trânsito e o transporte urbano de Ribeirão Preto, liberou no último sábado (5) o trecho da rua Barão do Amazonas, entre as ruas General Osório e Duque de Caxias. Porém, o barulho das caixas de ferros aterradas está incomodando comerciantes e moradores do local.

O trecho estava interditado desde 19 de outubro, para a substituição do asfalto por pavimentação de concreto. O prazo estipulado pela Transerp, de 20 dias, não foi cumprido.

A operadora de caixa Helena Botelho não se conforma com o barulho. “Ninguém aguenta. É o dia inteiro isso. Ouvi dizer que aos moradores do prédio ao lado querem mudar. Saio do trabalho com dor de cabeça”, conta.

E até quem não tinha percebido, ao ouvir, se incomodou com o barulho de carros e ônibus ao passarem nestas caixas, foi o caso da babá Rosilene de Lima. “Voltei hoje a pegar ônibus nesse ponto. Achei que era barulho dos carros, mas observando entendi a reclamação do pessoal. Acho que deviam tomar alguma previdência, para acabar com esse som”, diz.

Com a liberação, as linhas de ônibus com ponto de parada provisório instalado na Rua Marcondes Salgado, esquina com Rua General Osório, voltaramm ao seu ponto de origem, na rua Barão do Amazonas, em frente a Praça Carlos Gomes.

Outro lado
A assessoria de imprensa da prefeitura informou, por e-mail, que são caixas da CPFL e uma equipe da prefeitura em parceira com a CPFL está estudando para verificar como diminuir os barulhos.

Fonte: jornalacidade.com.br
 
 
 Cohab de Ribeirão Preto intensifica campanha para combater a inadimplência
O presidente da Cohab-RP, Silvio Martins, reitera que a campanha de negociação junto aos mutuários inadimplentes (com prestações e parcelamentos da casa própria em atraso) prossegue até o dia 22 de dezembro. O objetivo é regularizar a situação e evitar a retomada dos imóveis, conforme previsto em cláusula contratual. Essa negociação oferece desconto de 50% dos juros de mora sobre os pagamentos efetuados à vista.

A inadimplência total chega a R$ 26 milhões, ou seja, o equivalente a 17,2% do total de mutuários ativos. Desse total, R$ 8.430.431,21 correspondem a inadimplência em Ribeirão Preto, 16,5% dos mutuários ativos. “A maioria dos devedores já tem ações ajuizadas de Reintegração de Posse, mas estamos dispostos a negociar com todos, estudar caso a caso e, ainda, oferecer condições de parcelamento para evitar a retomada do imóvel”, reitera o presidente da Cohab-RP.

A campanha foi lançada no último dia 28 de setembro e está sendo intensificada nos últimos dias em razão do pagamento do 13º salário. “Essa é a oportunidade dos mutuários com débitos acertarem sua situação. Desta forma estarão fazendo bom uso do 13º”, destaca Silvio Martins.

O atendimento é de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 16h, na sede da empresa, na avenida 13 de Maio nº 157.  Na região de Fernandópolis, a negociação pode ser feita no escritório regional da empresa naquela cidade.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Cinco bairros de Ribeirão Preto recebem consultório de rua nesta semana de 7 a 11 de Dezembro
A Secretaria da Saúde divulgou na última sexta-feira (4), o cronograma do Dr. Móvel para o período de 7 a 11 de dezembro. A comunidade do Jóquei Clube será a primeira a receber os serviços de saúde, nesta segunda-feira (7), das 8h às 12h e das 14h às 16h. O equipamento ficará estacionado no final da Rua Peru.

Nesta terça-feira (8), será a vez dos moradores do Salgado Filho I receberem os serviços, das 8h às 12h. Os atendimentos serão na rua Anhembi, 401. Na quarta-feira (9), o Dr. Móvel estará no Jardim Marchesi, na avenida dos Andradas, 850, das 8h às 12h e das 14h às 16h.

Na quinta-feira (10), das 8h às 12h, o ônibus estará estacionado no Salgado Filho II, na rua Arealva s/n. Na sexta-feira (11), o Dr. Móvel atenderá os moradores dos Campos Elíseos, das 8h às 12h, na Praça Rômulo Morandi.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Impasse entre Prefeitura de Ribeirão Preto e firma paralisa recapeamento
Spel Engenharia diz que custos subiram, mas Prefeitura se negou a atualizar.
Executivo notificou empresa pela 2ª vez e diz que reajuste está fora do prazo.

Um impasse entre a Prefeitura e a Spel Engenharia paralisou obras de R$ 15 milhões financiadas pelo Estado para recapeamento de ruas em Ribeirão Preto (SP).
Realizado por meio de parceria com a Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP), o asfaltamento começou em março deste ano para renovar o pavimento em oito bairros, mas desde o início de novembro está suspenso em meio a uma discordância em relação aos preços praticados no contrato.
De um lado, a empresa alega que os custos subiram ao menos 30% em relação ao contrato e que não houve acordo com a administração municipal ao tentar realinhar os custos.

De outro, o Executivo notificou a firma na última quarta-feira (2) pela segunda vez argumentando que a Spel somente cumpriu 19% do contrato. Além disso, diz que o realinhamento de preços está fora do prazo e só pode ser feito após um ano de contrato.
Em nota, a Agência de Desenvolvimento Paulista informou já ter liberado 20% dos recursos do convênio e que o realinhamento de preços é uma questão a ser tratada entre município e empresa contratada.
Custos subiram
Inicialmente orçado em R$ 15 milhões, o recape financiado pela Agência de Desenvolvimento Paulista é um dos três projetos desse tipo conduzidos pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e contempla 76 quilômetros de ruas nos Campos Elíseos, Ipiranga, Parque das Andorinhas, Parque Ribeirão, Planalto Verde, Sumarezinho, Vila Tibério e Vila Virgínia.
A licitação realizada no final do ano passado teve como vencedora a Spel. Na época, segundo a firma, o metro cúbico da obra estava cotado a R$ 484,59, mas, com o aumento nos custos dos materiais, a própria Prefeitura atualizou o valor para R$ 681,55 em fevereiro, alega a empreiteira.
Depois disso, no entanto, a empresa cita que sofreu com mais elevações nos combustíveis e na energia elétrica e tentou, sem sucesso, realinhar os valores contratados com a Prefeitura. Dois pedidos foram negados e um terceiro, encaminhado no final de outubro, ainda não teve resposta, informou a assessoria de imprensa da Spel.
Alegando não ter condições de continuar com a repavimentação, a empresa suspendeu suas atividades há um mês, à espera de uma atualização nos pagamentos.
"Mesmo com dois pedidos de realinhamento negados, viemos cumprindo fielmente o pactuado com o Município, até que no início de novembro de 2015, impossibilitada de arcar com alto custo do material utilizado na execução dos serviços, a empresa se viu obrigada a paralisar a obra", comunicou.
Prefeitura notificou
A Secretaria Municipal de Infraestrutura confirma que o realinhamento dos preços é possível, mas que só poderia ser feito a partir de março do ano que vem. "A readequação do contrato é judicialmente legítima, desde que seja realizada após um ano de vigência do contrato", informou, por meio de sua assessoria de imprensa.

Em publicação do Diário Oficial de quarta-feira, a Prefeitura notificou a empresa a apresentar em cinco dias justificativas por escrito sobre a suspensão, sob pena de ser multada ou ter o contrato encerrado.
Segundo a Infraestrutura, apenas 19% dos serviços acordados foram concluídos.
"A empresa paralisou os serviços sem apresentar justificativas. Informamos que esta é a segunda Notificação acerca do mesmo problema. Finalmente, caso não proceda à entrega dos referidos itens, a empresa estará sujeita à aplicação das sanções constantes no Edital e das penalidades previstas na Lei Federal nº 8.666/93", publicou a administração municipal.

Desenvolve SP
A Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP) informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não interfere na discussão dos preços entre Prefeitura e Spel. De fevereiro a agosto deste ano, 20% do montante foi liberado para as obras de recape e asfaltamento na cidade.
"A escolha da empresa que executa as obras é realizada diretamente pela gestão municipal por meio de licitação, portanto, o realinhamento de preços trata-se de um processo entre licitante (prefeitura) e licitado (empresa contratada)", comunicou.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Camila Queiroz tira fotos com fãs durante evento em sua cidade natal
Em Ribeirão Preto, atriz fez caras e bocas enquanto posava ao lado dos admiradores na tarde deste domingo, 6.

Neste domingo, 6, a atriz Camila Queiroz participou de um evento de beleza em sua cidade natal - Ribeirão Preto, no interior de São Paulo - e foi recebida de maneira muito calorosa por seus conterrâneos.

Com as pernas de fora e os cabelos soltos, a gata fez caras e bocas enquanto tirava fotos com os fãs. Durante o encontro com os admiradores, ela falou sobre como mantém os fios lindos.

“O meu segredo para ter o cabelo sempre com movimento e volume é manter o corte sempre em dia. Eu também evito pentear muito os cabelos, porque eu acho que quebra muito os fios. Evito usar chapinha ou secador e nunca durmo com os cabelos molhados”.
Após o fim de "Verdades Secretas", Camila não ficará muito tempo longe das telinhas. Ela já está gravando "Êta mundo bom", próxima trama das 18h da Globo.

Fonte: ego.globo.com/
 
 
 Concerto em Ribeirão Preto mescla jazz e canções de Natal no Pedro II
Apresentação terá participação do saxofonista italiano Silvio Zalambani.
Repertório inclui peças da Ucrânia e da Inglaterra; ingressos custam R$ 20.

Mais de cem músicos dividirão o palco do Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto (SP), no dia 9 de dezembro para o especial "Alma de Natal - The Christmas Jazz!".
Com uma mescla de canções natalinas e peças adaptadas para o jazz, o concerto terá participação da Orquestra Jovem Acadêmica e do Coro da Academia Livre de Música e Artes (Alma), além do Coro da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto e Jazz Quartet.
Os maestros Reginaldo Nascimento e Lucas Galon se revezarão na regência. Com duração de aproximadamente uma hora, a apresentação marcada para as 20h ainda terá participação do saxofonista italiano Silvio Zalambani.
O repertório vai desde a canção natalina ucraniana Shedrik a Greensleeves, peça tradicional do século 16.

Confira a programação do concerto:
Introdução
Shedrik - Canção natalina ucraniana (arranjo de Bogdan Dragan)
Solos: Eduarda Tiemi Ito (violino); Janaína Lemos, Tâmisa Lanzarin, Esther Maria Ihlenfeldt R. Santos (vozes)
Noite Azul - Cyro Pereira (arranjo de Lucas Galon)
Solo: Brenda Grigol Gomes
The Tiger - Sherry Poterfield (arranjo de Lucas Galon)
Canção Alegre de Natal - Francois Gevaert (arranjo de Bogdan Dragan)
The Christmas Jazz, com Silvio Zalambani
Com Carinho - Silvio Zalambani
Greensleeves - Canção tradicional do século 16 (arranjo de Lucas Galon)
Adeste Fidelis - Canção tradicional do século 17 (arranjo de Lucas Galon)
Hark the Herald Angels Sing! - Felix Mendelssohn (arranjo de Lucas Galon)
Joy to the World - Canção tradicional inglesa
Finale
Boas Festas - Canção natalina brasileira (arranjo de Bogdan Dragan)
Solo: Dalton Micael R. Herrera
Glória in Excelcis Deo - Canção tradicional francesa (arranjo de Bogdan Dragan)
Noite Feliz - Franz Grüber (participação das crianças da ALMA)
Serviço - Alma de Natal – The Christmas Jazz
Data: 9 de dezembro (quarta-feira)
Hora: 20h
Local: Theatro Pedro II
Endereço: Rua Álvares Cabral, 370, Centro - Ribeirão Preto/SP
Ingressos: R$ 20 (inteira); R$ 10 (meia-entrada)


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Galho cai em praça de Ribeirão Preto e deixa imóveis sem eletricidade
Parte de figueira desabou sobre táxi e fiação elétrica na Rua Duque de Caxias.
Árvore está infestada por cupins e queda de galhos é frequente, diz taxista.

Cerca de 2,1 mil imóveis ficaram sem energia elétrica na tarde deste sábado (5) no Centro de Ribeirão Preto (SP) após o galho de uma figueira com aproximadamente 10 metros de altura cair sobre um táxi e sobre a fiação na Rua Duque de Caxias. Apesar do susto e dos prejuízos, ninguém se feriu.
O taxista Sebastião Franco contou estacionou o veículo em frente ao ponto, na Praça XV de Novembro, e minutos depois o galho despencou. O vidro traseiro, o porta-malas e o teto do táxi ficaram destruídos. Parte da fiação também foi atingida.
“Eu encostei o carro, entrei no ponto dos taxistas e o galho caiu do nada, sem vento, sem nada. Quase pegou em uma senhora. Foi coisa de milímetros. Até pegou uns arranhãozinho (sic) no braço”, afirmou Franco, destacando que a mulher não precisou ser socorrida.

Ainda de acordo com o taxista, é comum a queda de galhos na praça, principalmente durante ventanias e tempestades. Franco reclamou que a figueira, assim como outras árvores plantadas na praça, está infestada por cupins.
“Ninguém toma providência, direto cai galho aqui. Já cansamos de avisar, falar dessas árvores, mas não adianta falar nada, é sempre a mesma coisa. Não é a primeira vez que cai galho”, disse.
Uma equipe do Corpo de Bombeiros interditou o local e serrou o galho. A assessoria da Prefeitura de Ribeirão Preto informou que encaminhará a reclamação do taxista à Secretaria de Meio Ambiente.
Energia elétrica
Em nota, a CPFL Paulista informou que o fornecimento de energia foi interrompido para 2,1 mil imóveis da região central, entre 13h14 e 13h57, enquanto os bombeiros realizavam a poda do galho. Ainda segundo a concessionária, o serviço já foi restabelecido.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Jovem invade pista de aeroporto em Ribeirão Preto e impede decolagem
Adolescente relatou à Polícia Civil que pretendia tirar fotos dos aviões.
Daesp e Passaredo negam prejuízos ao terminal aéreo e atraso no voo.

Um adolescente invadiu a pista do Aeroporto Leite Lopes, em Ribeirão Preto (SP), e impediu a decolagem de um voo da empresa Passaredo no fim da tarde desta sexta-feira (4). Segundo registro da Polícia Civil, o menor relatou em depoimento que pretendia tirar fotos dos aviões decolando. Ninguém se feriu.
Em nota, o Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) informou que o fato não prejudicou o funcionamento do aeroporto. A assessoria da Passaredo Linhas Aéreas também negou que a invasão tenha atrasado o voo.
Ainda de acordo com a polícia, um vigilante percebeu que o jovem de 17 anos caminhava pela pista por volta de 17h25, no momento em que a aeronave modelo ATR 72/600, prefixo PPPTN, com capacidade para 70 pessoas, se preparava para decolar.
O procedimento foi interrompido e o menor retirado do local. Em seguida, o caso foi comunicado à Polícia Federal, uma vez que a pista é considerada área restrita e de segurança. A ocorrência foi registrada como atentado contra a segurança de transporte marítimo, fluvial ou aéreo.
O adolescente prestou depoimento na Central de Flagrantes e foi entregue aos responsáveis, após a assinatura de um termo de responsabilidade. Consta no boletim de ocorrência que a família reside no bairro Parque Avelino Palma, ao lado do aeroporto.
Sem prejuízos
Em nota, o Daesp esclareceu apenas que acionou a base da Polícia Militar dentro do aeroporto, assim que o invasor foi identificado. Os policiais retiraram o jovem do local. Ainda segundo o Daesp, o fato não prejudicou a operação do Leite Lopes.
A assessoria da Passaredo não informou o destino do voo, nem quantos passageiros estavam na aeronave, apenas que, mesmo após o procedimento ser interrimpido, não houve atraso na decolagem.


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Campanha de Natal arrecada donativos para instituições beneficentes de Ribeirão Preto
Com o objetivo de proporcionar um Natal com mais conforto e promover a solidariedade entre os colaboradores e a população, a Prever Campos Elíseos Assistência Familiar lançou uma campanha de Natal para arrecadar donativos para o Instituto Desportivo Educacional Drible de Ouro e para a Família Missionária Basta Querer, ambas de Ribeirão Preto.

Com ponto de coleta na sede da empresa, na Av. da Saudade, 630, bairro Campos Elíseos, a campanha está recebendo, até o dia 19 de dezembro, brinquedos, roupas, calçados,  novos ou usados em bom estado de conservação, e alimentos não perecíveis.

“A boa aceitação da campanha está sendo uma grata constatação. Conhecemos de perto o trabalho das duas instituições e sabemos que os donativos serão destinados às pessoas com reais necessidades. Trata-se de mais respeito ao ser humano”, reforça José Ricardo Dias, gerente do Grupo Prever.

O Instituto Desportivo Educacional Drible de Ouro beneficia cerca de 50 crianças e jovens da Favela do Brejo, no bairro Simioni, com os conhecimentos e técnicas do futebol. A Família Missionária Basta Querer começou com um programa de rádio, há dez anos, e hoje distribui sopas em comunidades carentes e também prega a palavra de Deus.

Mais informações sobre a campanha na Prever Campos Elíseos ou pelo telefone (16) 3434-1000.

Fonte: Conceito Comunicação
 
 
 Obra de Romero Britto pode ser vista em exposição em Ribeirão Preto
Trabalho do artista plástico fica exposto até quinta-feira (10) em escritório.
Imagens divertidas e coloridas têm milhares de fãs; entrada é gratuita.

A obra do artista plástico pernambucano Romero Britto pode ser vista pela primeira vez em uma exposição em Ribeirão Preto (SP). A mostra com entrada gratuita acontece até quinta-feira (10), no Escritório Brasil Salomão e Matthes Advocacia.
Radicado nos Estados Unidos, Britto é um dos artistas brasileiros mais conhecidos no mundo. Influenciado pela estética cubista, ele mesclou ao seu traço o entusiasmo da cultura pop.
As cores marcantes e as imagens divertidas conquistaram milhares de fãs, entre eles famosos como Madonna, Arnold Schwarzenegger e Bill Clinton, embora seu trabalho desperte amor e ódio entre os admiradores de arte.
Serviço
Exposição Romero Britto
Local: Escritório Brasil Salomão e Matthes Advocacia (Avenida Presidente Keneddy, 1255, Nova Ribeirania).
Visitação: até quinta-feira (10), das 8h às 18h.
Entrada gratuita.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Câmara de Ribeirão Preto estuda tornar Lei Cidade Limpa menos rígida
Texto inclui exceções para instalação de outdoors e placas perto de APPs.
Após audiência, comissão quer fazer correções e encaminhar para votação.

Um projeto em discussão na Câmara objetiva abrir exceções para amenizar os efeitos da Lei Cidade Limpa, instituída em 2012 para regularizar a publicidade nas ruas e nos estabelecimentos comerciais de Ribeirão Preto (SP).
O texto, que foi alvo de uma audiência pública no Legislativo nesta sexta-feira (4), inclui regras menos rígidas para colocação de placas próximas a áreas de preservação permanente (APPs) e para instalação de outdoors em imóveis.
A redação ainda pode sofrer alterações antes de ser encaminhada ao plenário e não tem previsão de ser votada pela Câmara.

Em 2014, um projeto do Executivo que também tinha o intuito de flexibilizar as regras do texto foi rejeitado pela Câmara após a realização de uma audiência às pressas, que gerou críticas.

Mudanças
Assinado por vários vereadores, o projeto tem como principal objetivo incluir exceções nos artigos e incisos que restringem a colocação de anúncios.
Uma delas permite a colocação de placas às margens das vias que compõem o Quadrilátero Central, entre as avenidas Jerônimo Gonçalves, Francisco Junqueira, Independência e Nove de Julho.

Em outro trecho, a redação diminui de 60 para 30 metros a distância mínima para anúncios em relação a áreas de preservação ambiental (APAs), áreas de preservação permanente (APPs) e áreas de proteção máxima, além de excetuar da restrição a propriedades privadas como avenidas e ruas já incorporadas e pavimentadas no perímetro urbano.

Ao artigo 17-A, que regulamenta a colocação de outdoors e megalights na cidade, o projeto dá fim à regra que permitia sua instalação somente em imóveis privados. Também abre a permissão para que essas placas tenham luminosidade interna, com LED, e que ultrapassem seis metros de altura caso estejam em terrenos declinados.

Antes, além da roçada, os imóveis tinham que ter calçadas, exigência retirada na nova lei.
O projeto ainda estabelece que cada empresa exibidora reserve 5% dos painéis para propagandas de interesse social, "a critério da Supervisão de Proteção à Paisagem Urbana (SPPU), da Secretaria Municipal da Fazenda."

Além disso, acrescenta à relação de anúncios especiais aqueles com "finalidade da promoção econômica e produtiva", como feiras, workshops e eventos esportivos. Atualmente, já se encaixam nesse quesito propagandas de finalidade cultural, educativa, eleitoral e imobiliária.


Alterações
De acordo com o vereador Cícero Gomes da Silva (PMDB), presidente da comissão de Legislação, Justiça e Redação, a audiência de sexta-feira com participação de representantes do setor de publicidade visual resultou em poucas alterações sugeridas no projeto a ser encaminhado para votação.

Uma delas, segundo ele, deve gerar a retirada do item que permitiria outdoors nas avenidas. "[Houve] uma dúbia interpretação de ter anúncios nas avenidas e nós cortamos de uma vez por todas", afirmou.

Também presente, o vereador Marcos Papa, que recentemente foi relator de uma comissão especial de estudos (CEE) sobre o descumprimento da Lei Cidade Limpa, considera as mudanças um retrocesso e defende maior participação popular em uma nova audiência. "É temerário mudar a lei da noite pro dia assim", disse.


Entenda o caso
A Lei Cidade Limpa entrou em vigor em 10 de julho de 2012 e começou com adesão de apenas 1% dos comerciantes.

Com execução considerada difícil pelos comerciantes, o programa de limpeza visual resultou em 3.691 notificações de irregularidades e em um total de R$ 2.489.332,98 em multas aplicadas, segundo informações apuradas pela EPTV com a Secretaria Municipal da Fazenda.

Em abril de 2014, a Prefeitura encaminhou à Câmara um projeto que reduziria de 60 para 30 metros a distância mínima para instalação de anúncios em relação a parques e áreas de preservação ambiental e permitiria propaganda visual vinculada a eventos previstos no calendário oficial do município.

As alterações chegaram a ser aprovadas pelos vereadores mesmo sem terem sido submetidas a uma audiência, procedimento obrigatório segundo artigo 48 da própria Lei Cidade Limpa.
A administração municipal, então, reconheceu o equívoco e solicitou a retirada do projeto, mas o regimento interno só permitia que a votação fosse adiada. Para tentar regularizar o encaminhamento do projeto, uma audiência foi realizada às pressas, mas foi questionada pelo Conselho Municipal de Urbanismo (Comur) e pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), pela falta de antecedência e de informações.
A Câmara, por fim, acabou anulando o projeto em maio do ano passado.

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Animefest chega à Ribeirão Preto
Dublador do Capitão Planeta e PC Siqueira marcam presença no evento que acontece neste domingo, 6, na Unaerp

Ribeirão Preto recebe o 12º Animefest realizado na cidade. O evento conta com diversas atrações e muita interatividade no circuito dos Animes. Baseado principalmente na cultura japonesa, as pessoas poderão comparecer para o dia cultural neste domingo, 6. A festa oriental ocorre no Campus da Unaerp.

Entre as principais atrações desta temporada, o Animefest recebe Ricardo Schnetzer, que é um dos dubladores brasileiros mais importantes, tendo em seu curriculum personagens mais que clássicos da dublagem: Capitão Planeta, Hank de Caverna do Dragão, e ainda os atores Al Pacino, Nicolas Cage, Tom Cruise e Ricard Gere.

Outra celebridade on-line também comparecerá à Unaerp neste domingo. PC Siqueira é um dos vlogueiros mais conhecidos da Internet. Com o seu Canal "Maspoxavida", criado em 2010, ele ganhou atenção, sendo contratado posteriormente pela MTV Brasil em 2011 para atuar como VJ da emissora. Além do "Maispoxavida", PC também criou os canais "Rolê Gourmet" e "Videogames e Dinossauros" no Youtube.

Vários concursos ocorrem na programação. Os mais esperados são o Circuito Cosplay e o Desfile Cosplay. Leia mais aqui.

Atrações temáticas, campeonato de games, diversos tipos de alimentação poderão ser consumidos no Animefest, além dos tradicionais estandes para todos os gostos.

Os ingressos variam R$ 15,00 a R$ 30,00. A meia entrada é dísponivel para estudante ou professores e quem levar 1kg de alimento. Vendas sujeitas à lotação máxima do evento.

Serviço

12º Animefest
Quando: 6 de domingo das 11h às 19h.
Onde: Unaerp: Av. Costábile Romano, 2201 – Ribeirânia
Informações: http://www.ribeiraopretoanimefest.com.br/#!ingressos/c23as


Fonte: revide.com.br
 
 
 Ribeirão Preto terá audiência pública sobre lei de regularização de construções nesta sexta
Com o objetivo de garantir a participação da sociedade civil no debate da Lei Complementar de Regularização Administrativa de Construções Irregulares Concluídas, a Prefeitura de Ribeirão Preto realizará uma audiência pública, nesta sexta-feira (4), das 18h30 às 20h30, na Câmara Municipal de Ribeirão Preto.

O objetivo é informar e esclarecer a sociedade sobre os principais aspectos da regularização de construções e propositura de medidas para a regularização de construções e também de medidas de compensação urbanística e ambiental em favor da Prefeitura. A intenção é que a população contribua com o aprimoramento do conteúdo do texto, que será encaminhado para avaliação do poder Legislativo.

Para Marcos Furquim, secretário substituto da Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão Pública, a audiência viabiliza a troca de informações com o administrador, assegurando que os direitos previstos sejam respeitados.

“No processo, a população tem oportunidade de manifestar suas opiniões, apresentar questões relacionadas ao coletivo, reivindicar, sugerir, solicitar, e também ouvir as informações que os gestores públicos, legisladores e Ministério Público têm a apresentar. A Audiência Pública é um mecanismo que garante o debate entre a população e administração municipal e, por isso, é importante que todos participem”, destacou Furquim.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto
 
 
 Shoppings de Ribeirão Preto tem horário especial de atendimento em dezembro
Os shoppings de Ribeirão Preto terão horário especial de atendimento neste mês de dezembro. Confira o que eles preparam para este fim de ano.

RibeirãoShopping inicia horário especial de final de ano a partir desta sexta

Para melhor atender seus clientes, o RibeirãoShopping inicia nesta sexta-feira (4) um esquema de horários especiais de funcionamento para os períodos de Natal e Ano Novo:

De 4 a 23 de dezembro: das 10h às 23h (de segunda à domingo);

Dia 24 de dezembro (véspera de Natal): das 9h às 18h;

Dia 25 de dezembro (Natal): as lojas estarão fechadas; o funcionamento das áreas de alimentação e lazer é facultativo;

De 26 a 30 de dezembro: horário normal de funcionamento: de quarta a sábado, das 10h às 22h, e domingo, das 14h às 20h;

Dia 31 de dezembro: das 10h às 18h;

Dia 1º de janeiro: as lojas estarão fechadas; o funcionamento das áreas de alimentação e lazer é facultativo.

Horário de funcionamento do Novo Shopping no mês de dezembro

Informamos o horário especial de funcionamento do Novo Shopping, a partir do dia 14 de dezembro.

Horários Especiais: domingos

Nos dias 6, 13, 20 e 27/12, as lojas abrem das 12h às 20h. Já as áreas de alimentação, lazer e serviços, funcionam das 10h às 22h.

Semanas: 7 a 12 de dezembro

As áreas de alimentação, lazer, serviços e lojas funcionam das 10h às 22h.

14 a 19 de dezembro e de 21 a 23 de dezembro

As áreas de alimentação, lazer, serviços e as lojas abrem das 10h às 23h.

Vésperas: 24 e 31 de dezembro

As áreas de alimentação, lazer, serviços e as lojas abrem das 10h às 18h

Natal e Ano Novo: 25 de dezembro e 1° de janeiro

As áreas de alimentação, lazer e serviços terão abertura facultativa. Já as lojas estarão fechadas.

Shopping Santa Úrsula informa os horários especiais de funcionamento durante o mês de dezembro

De 1º a 23 de dezembro, o Shopping Santa Úrsula abre em horário especial de Natal. Lojas funcionam das 10h às 22, todos os dias, incluindo domingo. As áreas de alimentação e lazer funcionam em horário normal das 11h às 22 horas. Já no dia 24, véspera de Natal, o horário será das 10h às 18h (lojas) e das 11h às 16h (áreas de alimentação e lazer).

No dia 25 de dezembro e 1º de janeiro, as lojas estarão fechadas e áreas de alimentação e lazer terão abertura facultativa. Na semana que antecede o Ano Novo, de 26 a 30 de dezembro, o funcionamento do Shopping Santa Úrsula será normal, das 10h às 22h (lojas), exceto domingo, cujo funcionamento das lojas é das 14h às 20 horas e área de alimentação e lazer das 11h às 22h (todos os dias). Na véspera de ano novo, dia 31, o centro de compras abrirá das 10h às 16h (lojas) e das 11h às 16h (áreas de alimentação e lazer).

Horários de funcionamento do Shopping Santa Úrsula

De 1º a 23 de dezembro, as lojas abrem das 10h às 22h. Já as áreas de alimentação e lazer funcionam das 11h às 22h.

No dia 24 de dezembro, as lojas abrem das 10h às 18h. Já as áreas de alimentação e lazer funcionam das 11h às 16h.

Nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro, as lojas terão fechamento obrigatório. Já as áreas de alimentação e lazer terão abertura facultativa.

De 26 a 30 de dezembro, as lojas abrem das 10h às 22h, de segunda a sábado, e das 14h às 20h no domingo. Já as áreas de alimentação e lazer funcionam das 11h às 22h, todos os dias.

No dia 31 de dezembro, as lojas abrem das 10h às 16h. Já as áreas de alimentação e lazer funcionam das 11h às 16h.

Fonte: Ribeirão Preto Online
 
 
 Dilma buscará apoio de bases sociais e governadores contra impeachment
Ministro Jaques Wagner citou estratégias após se reunir com Dilma.
Além disso, PT já moveu ações contra decisão de Cunha no Supremo.

Um dia após a abertura do processo de impeachment, a presidente Dilma Rousseff começou, já nesta quinta-feira (3), a se articular com aliados para evitar o afastamento do cargo. O Palácio do Planalto e o PT decidiram usar frentes políticas e jurídicas diferentes para tentar barrar o impeachment.

Uma das táticas do governo será buscar o apoio dos movimentos sociais e conversar com ogovernadores. O PT, partido da presidente Dilma, deu início ao processo de encaminhar ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedidos para que a abertura do impeachment seja anulada, sob a argumentação de que Cunha cometeu abuso de poder. O pedido protocolado nesta quinta, no entanto, foi rejeitado pelo ministro Gilmar Mendes.

Na manhã de quinta-feira, Dilma se reuniu com o vice-presidente Michel Temer e com os ministros Jaques Wagner, Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo), José Eduardo Cardozo (Justiça) e Edinho Silva (Comunicação Social). À tarde, ela convocou 23 dos 31 ministros do governo para uma reunião no Palácio do Planalto.

Após esse encontro, Wagner, um dos principais conselheiros políticos da presidente, falou que Dilma tem "muita pressa" para resolver a questão do impeachment. Segundo ele, o encontro serviu para “socializar a compreensão de todos sobre esse episódio e mobilizar todos os ministros, os partidos e as bases sociais.”

“Pedimos a todos os ministros que verbalizem, o máximo possível, o nosso ponto de vista, o nosso entendimento”, disse. Segundo o ministro, o governo entende que não há base jurídica que fundamente o pedido de impeachment da presidente Dilma.
Outra estratégia que será adotada pelo Planalto é marcar encontros, já a partir da próxima semana, entre a presidente Dilma e governadores, começando pelos que a apoiam. Segundo Wagner, os nove governadores do Nordeste assinaram nesta quinta uma nota defendendo a legitimidade do mandato da petista.

“Mas, depois, nós também queremos convidar os outros governadores, aqueles que são de alinhamento contrário ao governo”, enfatizou o chefe da Casa Civil.
Homem de confiança do ex-presidente Lula e conselheiro de Dilma, Wagner disse também que será o responsável por coordenar um grupo de ministros que deverá monitorar “cotidianamente” os desdobramentos do processo de impeachment.
Segundo ele, o governo ainda não calcula quantos votos terá no plenário contrários ao impeachment, porém, a vitória do governo na sessão do Congresso Nacional desta quarta mostra que é possível chegar “a mais de 300 votos” – o Executivo conseguiu aprovar, com 314 votos favoráveis a 99 contra, a proposta de revisão da meta fiscal deste ano.

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Homem é resgatado no córrego ribeirão Preto com ferimentos de faca
Um homem foi resgatado no córrego ribeirão Preto, no entroncamento da avenida Via Norte com a rua Aliados, com ferimentos de faca no pescoço e na cabeça no bairro Campos Elíseos, zona norte da cidade, nessa quinta-feira (3).

Um ciclista ouviu os gritos de socorro da vítima e acionou o Corpo de Bombeiros, que resgatou o homem, que não teve a identidade revelada. Ele estava amarrado em uma lona e foi jogado no córrego.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a vítima foi levada à Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas (HC-UE) do município em estado grave.

Fonte: Ribeirão Preto Online
 
 
 Vereadores aprovam contrato para continuidade de serviços de tratamento de esgoto em Ribeirão Preto
A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Ribeirão Preto, realizada nessa quinta-feira (3), começou com a aprovação do projeto que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Bem-estar animal . Depois, foi aprovado que altera a denominação de programas de saúde.

Sem parecer da Comissão de Justiça, não foi votado o projeto que dispõem sobre a cobrança da taxa de resíduos dos serviços da saúde. Logo após, foi aprovado o projeto da Comissão de Constituição Justiça e Redação, referenda, para todos os efeitos legais, termo aditivo ao contrato de serviços públicos precedidos de obra pública.

Por fim, foram aprovados três projetos de homenagens, que denominam logradouro público ou próprio municipal em nomes de "Izidoro Martin Yove", "Raul Zanetti" e "Capitão PM Pedro Antônio Diniz”.

Fonte: Câmara Municipal de Ribeirão Preto
 
 
 Calçadão de Ribeirão Preto fica pronto até março, diz secretário de Obras
Prefeitura suspendeu reforma nesta segunda para festas de fim de ano.
Obras orçadas em R$ 9 milhões deveriam ter ficado prontas em 2013.

A Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) suspendeu nesta segunda-feira (30) as obras do calçadão do Centro, atrasadas há três anos, para evitar mais transtornos a comerciantes e consumidores nas compras de fim de ano.

A reforma, orçada em mais de R$ 9 milhões, gera transtornos na região pelo quarto Natal consecutivo.
De acordo com o secretário municipal de Obras, Abranche Fuad Abdo, as obras serão retomadas em janeiro e, a partir de então, a Prefeitura deve concluí-las em, no máximo, três meses.

Esse é o tempo necessário, segundo ele, para que todas as ligações subterrâneas de telefonia e internet sejam concluídas, para que postes antigos sejam retirados e para que o mobiliário seja instalado no local.
"A gente imagina que no máximo em 90 dias a partir de janeiro, para que se possa ser entregue definitivamente com os postes retirados e o mobiliário colocado. Mas volto a ressaltar: dependemos da colaboração dos lojistas e moradores para que façam adequações internas para que recebam os sinais de TV e internet", disse.
Quase pronto, diz secretário
Segundo o secretário, o calçadão por onde milhares de pessoas devem circular nos próximos dias está com 95% de seu piso colocado e com a rede subterrânea de eletricidade pronta. "Pode ter alguma rampa, alguma esquina que não esteja completa ainda. Na situação real temos praticamente o piso 95% colocado", afirmou.

Além de culpar as chuvas, as interrupções ocasionadas por eventos do calendário municipal como a Feira Nacional do Livro e imprevistos de infraestrutura no decorrer das obras nos últimos anos, o secretário criticou motoristas que transitam e causam danos em locais interditados.
"Sentimos falta de uma maior vigilância na região, porque várias vezes flagramos veículos passando em cima de tampas provisórias, caindo dentro do buraco, locais que estavam demarcados e não foram respeitados. Isso realmente aconteceu."
Com relação às precárias condições de circulação de pedestres pelo Centro e aos riscos de acidentes, Fuad Abdo informou ter advertido a empresa contratada, mas também culpou pedestres que, segundo ele, teriam desrespeitado as interdições.
"Por várias vezes notificamos a empresa dessa condição de circulação na obra. Por outro lado, os pedestres também às vezes não respeitavam a sinalização, rompiam as fitas e tiravam os cavaletes."
O caso
Iniciados em abril de 2012, os trabalhos na região central deveriam ter sido finalizados no segundo semestre de 2013. O atraso, segundo a Prefeitura, ocorreu devido a problemas com a empresa responsável pelo serviço e a questões meteorológicas.
O impasse desencadeou inúmeras reclamações de comerciantes, que relatam que a dificuldade para caminhar pela área e os riscos de queda afastam os clientes.
No ano passado, as obras foram paralisadas em dezembro para não prejudicar o movimento do comércio no Natal e Ano Novo. Na ocasião, a Prefeitura informou que a previsão era de que a revitalização fosse concluída em fevereiro de 2015, o que não ocorreu devido a uma alteração no projeto.
Em fevereiro deste ano, a Prefeitura anunciou que o projeto ficaria R$ 1 milhão mais caro devido à inclusão de itens de iluminação e que as obras seriam adiadas em cinco meses, também por causa das chuvas.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Nova atualização cumulativa é liberada para o Windows 10
A Microsoft disponibilizou nessa madrugada mais uma atualização cumulativa para o Windows 10 em desktops de todo o mundo, sendo esta identificada pelo código KB3116908. Não foi liberado qualquer changelog detalhado sobre o update, demonstrando que se trata apenas de correções de estabilidade e outros tipos de melhoria para a experiência geral de uso, fazendo com que o sistema consiga trabalhar de forma mais fluida e rápida.
Ainda que não tenha sido liberada uma lista oficial com as alterações realizadas, foi possível percebermos que a plataforma passou da build 10586.11 para a compilação de número 10586.17, o que reforça a ideia de que apenas correções de bugs foram feitas. Para baixá-la, basta ir até o menu de configurações e acessar o submenu "atualização e segurança", clicando então sobre o botão responsável por buscar novos updates.
Vale lembrar que após o download será necessária uma reinicialização em seu dispositivo para que a instalação seja concluída, logo é recomendado que você termine tudo o que estiver fazendo e salve todos os seus projetos em andamento antes de prosseguir, sendo possível ainda agendar uma data para que a atualização seja instalada caso desejado.
Como a Microsoft liberou o primeiro grande update para o Windows 10 recentemente, é comum que algumas atualizações subsequentes sejam disponibilizadas para corrigir pequenas "pontas soltas" relatadas pelos usuários por meio dos canais de feedback, logo é possível que ainda mais compilações sejam liberadas pela companhia nas próximas semanas, buscando assim tornar o sistema o mais estável possível.
 
 
 Windows 10 está presente em 10% dos PCs no mundo
O Windows 10 já está sendo utilizado em cerca de 10% dos PCs do mundo. A informação é da Statistica, que ainda afirma que desde 2009 foram vendidos mais de dois bilhões de PCs, o que significa que o Windows 10 está presente em cerca de 200 milhões de dispositivos. A resposta do consumidor e das empresas ao mais recente sistema operacional da Microsoft, lançado no final de julho deste ano, foi amplamente positiva, com as empresas adotando o software num ritmo mais rápido do que o Windows 7 e 8. Para Jeremy Korst, gerente geral de marketing de produto do Windows, a Microsoft está "vendo o renascimento do PC" e os dados confirmam essa teoria. O objetivo de Redmond é fazer com que o Windows 10 esteja presente em mais de 1 bilhão de dispositivos até 2019, incluindo computadores, tablets, smartphones e a Internet das Coisas (IoT).
Um dos principais fatores da grande adesão do Windows 10 nesses primeiros meses após o lançamento é a disponibilização gratuita do sistema para usuários do Windows 7 ou 8. Apesar disso, o novo sistema da Microsoft tem um longo caminho até alcançar seu objetivo. O Windows 7 ainda é o sistema operacional mais usado no mundo, com 54% do mercado, enquanto que o Windows 8.1 vem em segundo lugar com 11%. Em contrapartida, o Windows 10 já superou o Mac OS X, sistema operacional para desktops da Apple, que possui 7% do mercado.
 
 
 Como mudar o nome do computador no Windows 10
O nome do computador é definido durante a instalação do Windows 10, mas é possível alterá-lo a qualquer momento. A personalização serve para identificar o PC em uma conexão. Dessa forma, o administrador da rede pode conceder o acesso e ter mais controle sobre quem está utilizando a Internet. 
Há duas formas de mudar o nome do computador no Windows 10: existe a opção de usar o  Painel de Controle ou ir pelas Configurações. Confira o passo a passo a seguir.
Alterando o nome do computador pelas Configurações do Sistema.
Passo 1. Acesse o Menu Iniciar. Em seguida, clique em “Configurações”;
Passo 2. Selecione “Sistema” e, na barra esquerda, clique em “Sobre”;
Passo 3. Clique em “Renomear o computador”. Uma tela será exibida para informar a conta atual, assim como um campo para digitar a nova identificação. Depois de adicionar, basta clicar em “Avançar” e reiniciar o PC.
Alterando o nome do computador pelo Painel de Controle.
Passo 1. Acesse o Painel de Controle do Windows 10. É possível fazer isso pesquisando na tela inicial ou pressionando o atalho “WinKey + X”, clicando em “Painel de Controle”;
Passo 2. No Painel de Controle, clique em “Sistema e Segurança”. Depois disso, encontre o terceiro item, chamado “Sistema” e clique em “Ver o nome deste computador”;
Passo 3. No campo com informações do nome do computador, haverá o link “Alterar configurações”, clique sobre ele;
Passo 4. Uma caixa será aberta, clique em “Alterar…”, digite o novo nome e clique em “OK”.
Pronto! Ao utilizar qualquer uma das formas, o seu computador passará a ser identificado pelo novo nome.
 
 
 Como ativar o Windows 10 Pro
O Windows 10 Pro é um sistema operacional criado pela Microsoft para PC, tablets e laptops. Além das funções e aplicativos integrados no Windows 10 Home Edition, esta versão tem por alvo profissionais e usuários de pequenas e médias empresas, que precisam de ferramentas e funções de administração e de segurança específicas. 
Embora o Windows Pro 10 seja um sistema operacional pago, existem ativadores que propõem ativá-lo gratuitamente. O uso desses ativadores é ilegal e também pode comprometer seu computador. Se você não quiser comprar a licença do sistema operacional da Microsoft, existem outros sistemas operacionais derivados do Linux que você pode instalar em seu computador. 
Como obter o número de licença do Windows 10 Pro
Como o Windows Pro 10 é um sistema operacional pago, a única maneira de obter legalmente a sua chave de ativação é comprando a sua licença ou a atualização de uma versão Pro anterior (Windows 7 Profissional, Windows 7 Ultimate, Windows 8.1 Pro, Windows 8.1 Pro Student o Windows 8.1 Pro WMC). O CCM não fornece nenhum "serial" de licença de softwares, pois isso provocaria o fechamento de sua plataforma web, além de ações juduciais contra o site. O CCM se opõe a qualquer forma de pirataria de softwares e encoraja seus usuários a segui-lo e respeitar os Termos de Uso do site. 
Alternativas gratuitas semelhante ao Windows 10 Pro
Se você não quiser comprar a licença do Windows 10 Pro, você pode atualizar gratuitamente o Windows 10 com a condição de ter instalado o Windows 8.1, o Windows 8 ou o Windows 7. Você também pode usar o Linux. 
Como instalar o sistema operacional Windows 10
Para começar, verifique se o seu sistema está atualizado. Vá em C:WindowsSystemSoftwareDistributionDownload ("C" é a unidade onde o sistema operacional está instalado) e exclua todo o conteúdo desta pasta, clique em Iniciar, digite Windows Update no campo Pesquisar e confirme. Em seguida, abra o Prompt de comando como administrador (para isso, pressione as teclas "Ctrl" + "X"), digite wuauclt.exe /updatenow e pressione a tecla Enter. Vá no Windows Update e verifique se o processo de instalação do Windows 10 foi iniciado. Para terminar, reinicie o seu PC para começar a atualização do Windows 10.
 
 
 Windows 10 como usar a cor do Menu Iniciar na janela do Explorer
O Windows 10 permite combinar cores da janela do Windows Explorer com a do Menu Iniciar. O recurso funciona com a tonalidade escolhida pelo usuário e também com o papel de parede aplicado na área de trabalho do computador. 
A opção de usar o Explorer com a cor do Menu Iniciar pode deixar a interface do sistema mais harmônica. Para saber como personalizar o PC, confira as dicas a seguir. Vale dizer que a ferramenta chegou com uma atualização do Windows 10, em novembro de 2015. 
Passo 1. Após instalar o update da Microsoft, abra as configurações do sistema no Menu Iniciar;
Passo 2. Em seguida, clique na opção "Personalização";
Passo 3. Depois disso, escolha a aba "Cores";
Passo 4. Para quem deseja que o Windows pegue uma cor predominante do papel de parede da área de trabalho, deixe a primeira opção marcada. Caso contrário, desmarque o espaço. Em seguida, escolha uma cor na paleta que aparece;
Passo 5. Ative a opção “Exibir cores em Iniciar, barra de tarefas… barra de título”, localizada logo abaixo.
Pronto! A partir de agora, o Menu Iniciar e a barra de título do Windows Explorer terão as mesmas cores.
 
 
 Como mudar a resolução de tela do Windows 10
O Windows 10, por padrão, vem configurado para usar a resolução nativa do monitor – aquela que melhor se adapta ao tamanho da sua tela. Entretanto, se preferir, o usuário pode escolher uma configuração personalizada de forma rápida e simples. Com isso é possível aumentar o tamanho dos itens da tela - ideal pra quem tem problemas de visão. Veja como ajustar manualmente a resolução do computador com a última versão do sistema da Microsoft.
Passo 1. Clique com o botão direito do mouse sobre o papel de parede e, no menu de contexto, clique em “Configurações de exibição”;
Passo 2. Role a página de ajustes de vídeo até o fim e clique em “Configurações de vídeo avançadas”;
Passo 3. Em “Resolução”, selecione a opção desejada e clique em “Aplicar”;
Passo 4. Por fim, caso tenha chegado ao resultado esperado e queira usar a resolução escolhida, clique em “Manter alterações”.
Pronto! Com essa dica simples, você poderá definir uma resolução de tela personalizada em computadores com Windows 10.
 
 
 Buscando unificação próxima build do Windows 10 Mobile pode contar com numeração 10586 17
A Microsoft liberou a build 10586.11 do Windows 10 Mobile para membros do programa Insiders há pouco mais de duas semanas, trazendo uma quantidade incrível de correções e fazendo com que o sistema possa ser utilizado tranquilamente em dispositivos de uso diário. Ainda assim, alguns usuários encontraram uma série de problemas nesta compilação, fazendo com que fosse necessário retornar ao Windows Phone 8.1 até que uma nova build fosse liberada.
Segundo informado por um funcionário da Microsoft, esta espera pode acabar ainda nesta semana ou no início da próxima, já que durante um evento na Itália o executivo afirmou que uma nova edição seria liberada para os Insiders "nos primeiros dias de dezembro". Agora, surgem informações de que poderemos ter a mesma numeração 10586.17 nos dispositivos móveis a partir da próxima atualização, sendo esta a mesma que está em desktops de todo o mundo após o último update cumulativo para o Windows 10.
De acordo com o que foi revelado pelo portal russo Onetile, esta build já está em fase final de testes internos na Microsoft, podendo ser liberada muito em breve para os Insiders por meio do ciclo rápido de desenvolvimento. Vale lembrar que esta é provavelmente a última compilação antes da disponibilização pública do Windows 10 Mobile, sendo esperado assim um sistema verdadeiramente estável e minimamente otimizado para dispositivos específicos. Dizemos isto pois diversos usuários de modelos como o Lumia 930 estão relatando uma queda acentuada na qualidade da câmera ao atualizarem para o Windows 10 Mobile, algo que afeta até mesmo a captação de áudio dos microfones, fazendo com que muitos prefiram continuar no Windows Phone 8.1 até que o problema seja solucionado.
Além disso, há também a possibilidade desta ser a primeira compilação da plataforma a contar com a Cortana em PT-BR, permitindo assim que usuários brasileiros possam enfim usufruir de todas as funções presentes na prática assistente pessoal controlada por voz.
Como ainda não foi liberado nenhum pronunciamento oficial por parte da Microsoft, não há como confirmarmos que esta será de fato a versão a ser liberada para os Insiders, nem quanto tempo ainda teremos que esperar até que ela esteja disponível para download e quais serão as mudanças adicionadas. Considerando que a empresa confirmou o lançamento público do sistema para o "início de dezembro" em modelos selecionados, entretanto, não deve ser necessário aguardarmos muito para que mais detalhes sobre o assunto sejam revelados.
 
 
 Windows 10 Dez dicas para usar o app de e-mail do sistema
O Windows 10 tem um novo aplicativo de e-mail gratuito e cheio de recursos para quem deseja organizar suas mensagens. Com o programa, que já vem instalado no sistema, é possível juntar diferentes contas em um só lugar, receber notificações na área de trabalho e até configurar respostas automáticas de férias.
Confira dez dicas sobre o aplicativo renovado do novo sistema operacional da Microsoft e veja tudo o que a ferramenta pode fazer para te ajudar no dia a dia.
1) Reúna todas as suas contas em um só lugar
Uma das grandes vantagens do cliente de e-mail do Windows 10 é que o usuário não vai precisar mais acessar separadamente suas contas de e-mail no navegador. Para adicionar um novo endereço, basta acessar o menu Configurações > Contas > Adicionar conta. O app da Microsoft possui suporte ao Outlook.com, Gmail, Yahoo Mail, iCloud (Apple), Exchange e outros serviços via POP ou IMAP.
2) Deixe o aplicativo do seu jeito
A Microsoft investiu bastante na aparência do aplicativo de e-mail e dá ao usuário diversas opções de personalização. Em Configurações > Personalização, é possível alterar o esquema de cores, definir tema claro e escuro e escolher um papel de parede padrão ou nas fotos do PC. Fora isso, a aba lateral esquerda também pode ser minimizada para economizar espaço na tela.
3) Adicione uma assinatura ao seu e-mail
Se você usa um e-mail para trabalho ou estudos, uma assinatura pode dar um tom mais profissional às suas mensagens e facilitar o contato do destinatário. Para adicionar, basta ir até Configurações > Opções e selecionar a conta que você deseja adicionar a assinatura. Ao criar um novo e-mail, o conteúdo será adicionado automaticamente na mensagem.
4) Veja apenas mensagens não lidas ou importantes
Está com a caixa de entrada cheia de e-mails? O aplicativo do Windows 10 permite que o usuário filtre a exibição. Para isso, toque sobre o menu “Tudo”  indicado e selecione se quer ver apenas as mensagens não lidas ou aquelas sinalizadas com bandeiras. Os e-mails que não se encaixam nos critérios serão ocultados.
5) Configure o texto do e-mail antes de enviá-lo
Assim como na versão web dos serviços de e-mail, o aplicativo do Windows 10 também traz um editor para as mensagens. É possível definir o texto como negrito, itálico e sublinhado, fazer listas com marcadores e numeração, mudar cor, fonte, recuo de parágrafo, usar modelos pré-definidos, entre outros.
6) Personalize ações rápidas para economizar tempo na caixa de entrada
No aplicativo da Microsoft, é possível adicionar dois botões na caixa de entrada para tomar decisões sem precisar abrir a mensagem. Em Configurações > Opções, é possível optar por marcar e-mail como lido, sinalizar, arquivar, excluir e mover mensagem. Se o usuário tiver um tablet ou PC com toque, é possível usar gestos para fazer as ações escolhidas.
7) Vai sair de férias? Crie respostas automáticas
Se não puder acessar sua caixa de entrada por algum motivo, é possível adicionar uma resposta automática no aplicativo de e-mail. Com essa função, você pode informar automaticamente sobre a sua ausência ou sugerir que o remetente procure um colega, por exemplo. Para isso, acesse Configurações > Opções > Respostas Automáticas.
8) Decida quando receber ou não uma notificação
O aplicativo de e-mail é integrado com a Central de Notificações do Windows 10, o que pode virar um incômodo. No entanto, é possível decidir em “Configurações > Opções” quais contas podem exibir notificações e também emitir sons e alertas visuais para novas mensagens. Assim, o usuário pode ser alertado apenas com e-mails do trabalho e deixar contas com e-mails de redes sociais e propagandas de fora.
9) Fixe atalhos no Menu Iniciar
Outra boa integração para o Windows 10 é a possibilidade de fixar atalhos no Menu Iniciar no sistema. Se quiser, o usuário pode colocar um bloco para a caixa de entrada ou qualquer pasta de uma conta para pular diretamente para os rascunhos ou itens enviados, por exemplo. Assim, é possível poupar tempo para visualizar conteúdo específico.
10) Compromisso novo? Pule direto para o aplicativo de calendário
O Windows 10 também lançou um atalho direto para a o calendário do sistema. Para acessá-lo, basta tocar no botão indicado para abrir a agenda e, então, adicionar um novo compromisso. Assim, é possível ser alertado quando o evento estiver próximo.
 
 
 Perdeu o Internet Explorer no Windows Saiba como instalar
O Internet Explorer vem instalado em todas as versões do Windows, mas o usuário pode facilmente desativá-lo. Se você fez isso e, por algum motivo, precisa novamente do navegador, confira a dica e saiba como instalar a versão mais recente do browser.
O processo é um pouco diferente do usual. Primeiro, usuário precisa reativar o navegador, nas configurações do PC, e só depois verificar se há atualizações disponíveis no Windows Update. Confira o passo a passo.
Passo 1. Abra o “Painel de Controle” do Windows. Para isso, clique com o botão direito do mouse sobre o botão Iniciar e, no menu que aparece, clique em “Painel de controle”;
Passo 2. Na janela principal do Painel de Controle, clique em “Programas”;
Passo 3. Em seguida, clique em “Ativar ou desativar recursos do Windows”;
Passo 4. Procure pelo “Internet Explorer 11″ e marque a caixa de seleção à esquerda do nome. Feito isso, pressione “OK”;
Passo 5. Por fim, aguarde alguns minutos até que o processo de reinstalação termine. Quando concluir, será necessário reiniciar o computador;
Passo 6. Após reativar o navegador, faça uma verificação por atualizações no Windows Update para saber se o Internet Explorer está atualizado e, caso não esteja, instale a versão mais recente do navegador. 
Pronto. Com essa dica, você poderá reinstalar o Internet Explorer do Windows e voltar a usar o clássico navegador da Microsoft.
 
 
 Como desinstalar o Internet Explorer do Windows 10
O Internet Explorer, embora ainda não tenha sido descontinuado, já apresenta sinais de que sua aposentadoria chegará em breve. Em sua última atualização, o IE não trouxe nenhuma novidade e perdeu o posto de navegador padrão para o Microsoft Edge no Windows 10.
Se você não usa mais o Internet Explorer, confira a dica e saiba como desinstalá-lo da última versão do sistema da Microsoft. Dessa forma, além de liberar espaço no HD, você acabará com a confusão de ter dois navegadores instalados no sistema.
Passo 1. Abra o antigo “Painel de Controle” do Windows. Para isso, clique com o botão direito do mouse sobre o botão Iniciar e, no menu que aparece, clique em “Painel de controle”;
Passo 2. Na janela principal do Painel de Controle, clique em “Programas”;
Passo 3. Em seguida, clique em “Ativar ou desativar recursos do Windows”;
Passo 4. Procure por “Internet Explorer 11″ na lista e desmarque-o;
Passo 5. Um alerta informa que alguns recursos do Windows dependem do navegador e eles podem parar de funcionar. Clique em “Sim” para continuar;
Passo 6. Voltando à janela anterior, clique em “OK” e aguarde alguns minutos até que o processo termine. Quando concluir, será necessário reiniciar o computador.
Pronto! Com essa dica, você poderá desinstalar o Internet Explorer do Windows 10 e liberar espaço no HD do seu computador.
 
 
 Saiba porque o mosquito Aedes aegypti transmite tantas doenças
Por que o mosquito Aedes aegypti transmite tantas doenças?

Resistente e adaptável, espécie está no centro da atual epidemia de zika, além de ser vetor de contágio da dengue, das febres chikungunya e amarela e outras enfermidades mais raras.

No mundo, ele é chamado de mosquito da febre amarela. No Brasil, é conhecido como mosquito da dengue – e, mais recentemente, também da zika e da chikungunya.

Considerado uma das espécies de mosquito mais difundidas no planeta pela Agência Europeia para Prevenção e Controle de Doenças (ECDC, na sigla em inglês), o Aedes aegypti – nome que significa "odioso do Egito" – é combatido no país desde o início do século passado.

A partir de meados dos anos 1990, com a classificação da dengue como doença endêmica, passou a estar anualmente em evidência. Isso ocorre principalmente com a chegada do verão, quando a maior intensidade de chuvas favorece sua reprodução.
Agora, um novo sinal de alerta vem da epidemia de zika, uma doença com sintomas semelhantes aos da dengue, em curso desde o meio do ano.
Foi confirmado pelo governo federal que o zika vírus está ligado a uma má-formação no cérebro de bebês, a microcefalia, que já teve neste ano ao menos 1.248 casos registrados em 311 municípios em 14 Estados, a maioria deles no Nordeste.

O Aedes aegypti também esteve no centro de um surto de febre chikungunya ocorrido no país no ano passado, quando este vírus chegou ao Brasil e se espalhou com a ajuda do mosquito.
E, apesar de a febre amarela ter sido considerada erradicada de áreas urbanas brasileiras em 1942, casos de contaminação foram confirmados em cidades de Goiás e no Amapá em 2014.
"O Aedes aegypti está ligado ainda a males mais raros, do grupo flavivírus", afirma Felipe Pizza, infectologista do hospital Albert Einstein.
"Entre os agentes de contaminação, esse mosquito é o que tem a capacidade de transmitir a maior variedade de doenças."
Eficiência
Alguns fatores contribuem para tornar o Aedes aegypti um agente tão eficiente para a transmissão desses vírus. Entre eles estão, segundo especialistas ouvidos pela BBC Brasil, sua capacidade de se adaptar e sua proximidade do homem.
Surgido na África em locais silvestres, o mosquito chegou às Américas em navios ainda na época da colonização. Ao longo dos anos, encontrou no ambiente urbano um espaço ideal para sua proliferação.
"Ele se especializou em dividir o espaço com o homem", afirma Fabiano Carvalho, entomologista e pesquisador da Fiocruz Minas.
"O mosquito prefere água limpa para colocar seus ovos, e qualquer objeto ou local serve de criadouro. Mesmo numa casca de laranja ou numa tampinha de garrafa, se houver um mínimo de água parada, seus ovos se desenvolvem."
Mas a falta de água limpa não impede que o Aedes aegypti se reproduza. Estudos científicos já mostraram que, nesse caso, a fêmea pode depositar seus ovos em água com maior presença de matéria orgânica.
Os ovos também podem permanecer inertes em locais secos por até um ano, e, ao entrar em contato com a água, desenvolvem-se rapidamente – num período de sete dias, em média.
"Outros vetores não têm essa capacidade de resistir ao ambiente", afirma Pizza, do Albert Einstein. "Por isso ele está presente quase no mundo todo, a não ser em lugares onde é muito frio."

Flexibilidade
Um aspecto que também favorece a reprodução é o fato de a fêmea colocar em média cem ovos de cada vez, mas não fazer isso em um único local. Em vez disso, ela os distribui por diferentes pontos.
"Quando tentamos exterminá-lo, é muito grande a chance de um destes locais passar despercebido", diz Carvalho.
Também se trata de um mosquito flexível em seus hábitos de alimentação.
O Aedes aegypti é, geralmente, diurno: prefere sair em busca de sangue pela manhã ou no fim da tarde, evitando os momentos mais quentes do dia.
 
"Mas ele é oportunista. Se não tiver conseguido se alimentar de dia, vai picar de noite. Isso não ocorre com o pernilongo, por exemplo, que é noturno e só vai estar quando o sol começa a se pôr", afirma a bióloga Denise Valle, pesquisadora do laboratório de biologia molecular de flavivírus do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz).
Além disso, o mosquito costuma ter como alvos mamíferos, especialmente humanos. Como explica o agência europeia, mesmo na presença de outros animais ele "se alimenta preferencialmente de pessoas".
Simbiose
Por ser um mosquito urbano que fica em contato constante com o homem, ser muito adaptável e ter um apetite especial por sangue humano, o inseto se tornou um eficiente vetor para a transmissão de doenças.
"Todo ser vivo busca uma forma de se proliferar, e com os vírus não é diferente. Nestes casos, eles podem ser transmitidos por outros vetores, mas que não são tão efetivos", afirma Erico Arruda, presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia. "Eles (vírus) conseguiram no Aedes aegypti e na forma como este mosquito evoluiu uma relação de simbiose muito boa."
Para ser capaz de infectar uma pessoa, o vírus precisa estar presente na saliva do inseto.

Valle, do IOC/FioCruz, explica que, no caso da dengue, por exemplo, após o Aedes aegypti picar alguém que esteja infectado, o vírus leva cerca de dez dias para estar presente em sua saliva.
"São poucos os mosquitos que vivem mais de dez dias. Mas, quanto menos energia ele precisa gastar para se alimentar e colocar ovos, mais tempo ele vive", diz Valle.

"Assim, o aglomerado urbano, com muitos locais de criadouro e muitos alvos para picar, faz com que o mosquito viva mais, favorecendo o processo de infecção."
A bióloga destaca ainda que se trata de um mosquito especialmente arisco: "Quando vai picar, se a pessoa se mexe, ele tenta escapar e picar outra pessoa. Se estiver infectado com algum vírus, vai transmiti-lo para várias pessoas".

Controle
Exterminá-lo também é difícil. Segundo o Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos, o Aedes aegypti é "muito resistente", o que faz com que "sua população volte ao seu estado original rapidamente após intervenções naturais ou humanas".
No Brasil, ele chegou a ser erradicado duas vezes no século passado. Na década de 1950, o epidemiologista brasileiro Oswaldo Cruz comandou uma campanha intensa contra ele no combate à febre amarela. Em 1958, a Organização Mundial da Saúde declarou o país livre do Aedes aegypti.
Mas, como o mesmo não havia ocorrido em países vizinhos, o mosquito voltou a ser detectado no fim dos anos 1960. Foi erradicado novamente em 1973 – e retornou mais uma vez três anos mais tarde. "Hoje não falamos mais em erradicação. Sabemos que isso não é possível", diz Valle, do IOC/Fiocruz.
"O país é muito grande e tem muitas entradas para o mosquito. Também há muito mais gente vivendo em cidades, e a circulação de pessoas pelo mundo com a globalização aumentou muito. Os recursos humanos e financeiros para exterminá-lo seriam enormes."
Uma forma comum de combater o mosquito, a de dispersar uma nuvem de inseticida – técnica popularmente conhecida como "fumacê" –, não é muito eficiente, pois o componente químico tem de entrar em um espiráculo localizado embaixo da asa. Portanto, o inseto precisa estar voando, algo difícil tratando-se de uma espécie que fica na maior parte do tempo em repouso.

"Na maior parte das vezes, isso é jogar dinheiro fora e gera mosquitos mais resistentes. Hoje, levamos de 20 a 30 anos para desenvolver um inseticida e, em dois anos, ele perde sua eficácia por causa do uso abusivo", afirma Valle. "E os químicos usados no controle de larvas não estão disponíveis para a população."

Carvalho, da Fiocruz Minas, ressalta ainda que 80% dos criadouros são encontrados em residências, e que realizar a prevenção e exterminar focos do Aedes aegypti não é fácil.

"Quando temos uma epidemia, é mais simples conseguir o apoio da população, mas, fora deste período, é mais complexo sensibilizar as pessoas para a questão", afirma o entomologista. "Por tudo isso, acho muito complicado falar em erradicação. Talvez a melhor palavra seja controle."

Uma abordagem nova vem sendo testada na Bahia e em São Paulo. Machos transgênicos do Aedes aegypti são liberados na natureza e, no cruzamento com fêmeas comuns, geram larvas que morrem antes de atingir a fase adulta, o que, com o tempo, reduz a população do mosquito numa determinada área.
Responsável por testes realizados desde maio em Piracicaba, no interior paulista, a empresa Oxitec informou que os resultados estão sendo analisados por sua equipe técnica e que ainda não há uma previsão de quando serão divulgados.


Fonte:g1.globo.com/
 
 
 Transmissão do zika vírus deve piorar no verão
Transmissão do zika vírus deve piorar no verão, diz ministro da Saúde
Contágio pode chegar aos 26 estados e a países vizinhos, afirma Castro.
Estratégia é combater o Aedes aegypti, que também transmite a dengue.

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, afirmou nesta quarta-feira (2) que a expectativa dos epidemiologistas da pasta é que o zika vírus “se espalhe para outros estados” brasileiros e que o número de casos deve se multiplicar com a chegada do verão. A estação marca o pico de proliferação do mosquito Aedes aegypti, vetor da doença.

A declaração foi dada em uma cerimônia da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), que entregou um certificado de eliminação da rubéola no Brasil ao ministro. Além do zika vírus, o mosquito também transmite a dengue e a febre chikungunya.
"Há um crescimento vertiginoso da população de mosquitos na época do verão. Principalmente, do mês de fevereiro em diante. Fevereiro e março são os meses que a população do mosquito cresce exponencialmente. Então o momento agora é um momento basal”, disse Castro.

De acordo com o último balanço do Ministério da Saúde, divulgado em novembro, o zika vírus já foi identificado no Distrito Federal e em 14 estados: Roraima, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Mato Grosso e Paraná.
"A expectativa é de que o vírus se espalhe para os outros estados e se espalhe até para os outros países” afirmou o ministro. “Por isso, a gente precisa fazer uma ação muito efetiva para combater ao máximo o mosquito”, completou.

O ministro disse ainda que o combate ao mosquito deve ser intensificado até o próximo dia 21, data que marca o início oficial do verão. “O momento, agora, é de menor número da população dos mosquitos. Então é agora que nós temos que agir. Sobretudo, agora no mês de dezembro e no mês de janeiro, destruindo todo o potencial dos criadouros de mosquito."

Alerta a grávidas
O ministro da Saúde também reforçou nesta quarta a recomendação para que mulheres grávidas tomem cuidado extra com o Aedes aegypti. "As gestantes precisam se cuidar muito, colocar telas em todas as casas", declarou.

Na terça (1°), a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Opas emitiram um alerta mundial sobre a epidemia de zika vírus. No comunicado, a OMS reconheceu, pela primeira vez em documento oficial, que existe uma relação entre o zika e os casos de microcefalia.
Além disso, as organizações pedem que os países-membros da Opas estabeleçam capacidade de diagnóstico da doença e que reforcem o atendimento pré-natal e neurológico para um eventual aumento no número de casos.
Segundo a OMS, no Nordeste brasileiro, os casos de microcefalia cresceram 20 vezes na comparação dos anos de 2014 e 2015. Em novembro deste ano, o Ministério da Saúde declarou estado de emergência em saúde pública no Brasil por causa do aumento dos casos de microcefalia na região, especialmente no estado de Pernambuco.

Microcefalia
A microcefalia é uma condição rara em que o bebê nasce com um crânio de um tamanho menor do que o normal – com perímetro inferior ou igual a 33 centímetros. A condição normal é de que o crânio tenha um perímetro de pelo menos 34 centímetros. Essas medidas, no entanto, valem apenas para bebês nascidos após nove meses de gestação, e não são referência para prematuros.
Na maior parte dos casos, a microcefalia é causada por infecções adquiridas pelas gestantes, especialmente no primeiro trimestre de gravidez – que é quando o cérebro do bebê está sendo formado.
Outros possíveis causadores da microcefalia são o consumo excessivo de álcool e drogas ao longo da gestação e o desenvolvimento de síndromes genéticas, como a síndrome de Down.

Rubéola
No evento desta quarta-feira, a Opas entregou um certificado de eliminação da rubéola e da síndrome da rubéola congênita no Brasil ao ministro da Saúde. Em abril deste ano, a OMS e a Opas já haviam anunciado que a doença estava erradicada nos países das Américas.

O Brasil não registra casos de rubéola desde 2008 e de rubéola congênita desde 2009, mas foi o último país da região a eliminar a doença.
A rubéola é uma doença infectocontagiosa transmitida pelas vias respiratórias, que provoca dores e manchas avermelhadas pelo corpo. A forma mais grave da doença é a síndrome congênita, passada da grávida para o feto e que pode provocar más-formações, problemas de visão e surdez na criança.
Por isso, segundo os médicos, quem ainda não tomou a vacina contra a rubéola deve se vacinar. Para mulheres que pretendem engravidar, o ideal é que a imunização seja tomada com, pelo menos, três meses de antecedência em relação à fecundação.

Número de casos notificados com suspeita de microcefalia por estado até segunda (30):
Pernambuco - 646
Paraíba - 248
Rio Grande do Norte - 79
Sergipe - 77
Alagoas - 59
Bahia - 37
Piauí - 36
Ceará - 25
Rio de Janeiro - 13
Tocantins - 12
Maranhão - 12
Goiás - 2
Mato Grosso do Sul - 1
Distrito Federal - 1

Fonte: g1.globo.com
 
 
 Cunha reúne líderes nesta quinta para definir processo de impeachment
Presidente da Câmara anunciou na quarta abertura de processo contra Dilma.
Após reunião, decisão de abrir processo será lida no plenário da Casa.

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), marcou para 11h30 desta quinta-feira (3) reunião com os líderes dos partidos da Casa para definir o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, anunciado na quarta-feira.

A abertura do processo foi feita com base no pedido dos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior, que apresentaram documento em outubro alegando que a chefe do Executivo descumpriu a Lei de Responsabilidade Fiscal ao ter editado decretos liberando crédito extraordinário, em 2015, sem o aval do Congresso Nacional.

"Marquei reunião às 11h30 para falar da questão [do impeachment] como um todo", disse Cunha ao deixar a Câmara nesta quarta-feira. Também estão previstas para esta quinta as leituras em plenário da decisão de Cunha de abrir o processo e da íntegra do pedido apresentado pelos juristas, que possui mais de 2 mil páginas. A partir desse momento, ficará criada a comissão especial que analisará o caso.

Com essas medidas, é iniciado formalmente no Congresso o processo para afastar a chefe do Executivo do cargo.

Entenda abaixo cada passo do rito do processo:
Leitura
Após o acolhimento do pedido, Eduardo Cunha deverá ler a denúncia no plenário da Câmara, em sessão imediatamente seguinte, e enviar o documento a uma Comissão Especial.
Comissão Especial
A Comissão Especial se reunirá 48 horas depois de criada para eleger seu presidente e relator. Em 10 dias, emitirá parecer sobre requisitos formais da denúncia, se ela deve ser ou não ser objeto de deliberação. Dentro desse período, o colegiado poderá realizar diligências que julgar necessárias ao esclarecimento da denúncia.

A Comissão será composta por deputados federais de todos os partidos. Cada legenda terá número de deputados proporcional ao tamanho de sua bancada na Câmara que poderão se manifestar sobre a denúncia.

Notificação da presidente
A Câmara deverá enviar uma notificação à presidente Dilma Rousseff para que ela, "querendo", se manifeste numa defesa escrita no prazo de 10 sessões ordinárias, realizadas no plenário com presença mínima de 51 deputados.

Análise pela Comissão Especial
Vencido o prazo, com ou sem manifestação da presidente, a Comissão Especial terá mais cinco sessões para elaborar o parecer. Este parecer deverá concluir pelo deferimento ou indeferimento do pedido de autorização para abertura de processo.

Votação no Plenário da Câmara
Após a análise pela Comissão Especial, o parecer é enviado ao Plenário da Câmara no prazo de duas sessões. O documento será discutido e a votação, em turno único, deverá ser nominal – cada deputado é chamado pelo nome para dizer "sim" ou "não" ao afastamento.

São necessários 2/3 da Câmara, ou 342 deputados, para que seja aprovado o parecer. Se não houver esse mínimo de votos, o processo de impeachment é arquivado.

Defesa
Se o pedido for aprovado, Dilma Rousseff será notificada para contestar as acusações em 20 dias. Depois desse prazo, a Comissão Especial poderá tomar depoimentos de testemunhas, ouvir os autores do pedido de impeachment e a própria presidente.

A Comissão Especial terá então que proferir em 10 dias um novo parecer sobre a procedência ou improcedência do pedido. Publicado o parecer, o processo entra na pauta da Câmara e será submetido a duas discussões, com intervalo de 48 horas entre uma e outra.

São necessários 2/3 da Câmara, ou 342 deputados, para que seja aprovado o parecer. Se não houver esse mínimo de votos, o processo de impeachment é arquivado.
Com o pedido aprovado, Dilma Rousseff é afastada da Presidência por 180 dias e o vice Michel Temer assume o cargo até o final do processo.

Senado
A Câmara apenas autoriza a abertura do processo. O julgamento em si da presidente da República caberá ao Senado, que deverá ser comunicado em duas sessões.
Uma vez autorizado o Senado a processar, o presidente Renan Calheiros (PMDB-AL) notifica a presidente Dilma Rousseff para comparecer em data prefixada para julgamento.

Julgamento
O julgamento é conduzido pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) – atualmente o ministro Ricardo Lewandowski. Ele lerá o processo e ouvirá testemunhas. Haverá debate verbal e o presidente do STF elabora um relatório da denúncia e das provas da defesa e da acusação.

Para tirar o mandato da presidente, são necessários votos de 2/3 do Senado, isto é, 54 senadores. Se o julgamento for pela absolvição, a presidente retoma o cargo. Se for pela condenação, a presidente fica inelegível e perde de uma vez o cargo. O vice-presidente assume o cargo em caráter definitivo.


Fonte: g1.globo.com
 
 
 Dilma nega atos ilícitos e se diz indignada com decisão de Cunha
Eduardo Cunha anunciou nesta quarta (2) que aceitou impeachment.
Após anúncio, Dilma convocou imprensa para pronunciamento no Planalto.

Após o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciar que aceitou pedido de impeachment nesta quarta-feira (2), a presidente Dilma Rousseff negou "atos ilícitos" em sua gestão e afirmou que recebeu com "indignação" a decisão do peemedebista.

A declaração ocorreu em meio a um pronunciamento (leia abaixo a íntegra) dela no Salão Leste do Palácio do Planalto, que durou cerca de três minutos.

"Hoje [quarta] eu recebi com indignação a decisão do senhor presidente da Câmara dos Deputados de processar pedido de impeachment contra mandato democraticamente conferido a mim pelo povo brasileiro", disse Dilma, em pronunciamento no Palácio do Planalto.

"São inconsistentes e improcedentes as razões que fundamentam esse pedido. Não existe nenhum ato ilícito praticado por mim, não paira contra mim nenhuma suspeita de desvio de dinheiro público", acrescentou.

No início da noite desta quarta, Eduardo Cunha convocou jornalistas para um anúncio no Salão Verde da Câmara dos Deputados. Nesse pronunciamento, afirmou ter aceito pedido movido pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior, negou motivação política, mas enfatizou que o pedido respeitava a legislação.

Responsável pela abertura do processo de impeachment de Dilma, Cunha é suspeito de ter envolvimento com o esquema de corrupção que atuou na Petrobras e é investigado na Operação Lava Jato.

Além disso, o Conselho de Ética da Câmara dos Deputados apura se o peemedebista quebrou o decoro parlamentar por supostamente mentir à CPI da Petrobras quando disse que não tinha contas na Suíça – posteriormente, em entrevista ao G1 e à TV Globo, ele disse ter o usufruto das contas, mas ser não o dono delas.

Em seu pronunciamento no Planalto, Dilma foi irônica: "não possuo conta no exterior, nem ocultei do conhecimento público a existência de bens pessoais. Nunca coagi, ou tentei coagir instituições ou pessoas na busca de satisfazer meus interesses."
A presidenta também negou ter havido qualquer tipo de negociação com Cunha na tentativa de evitar o impeachment em troca de poupá-lo no Conselho de Ética.

"Eu jamais aceitaria ou concordaria com quaisquer tipos de barganha, muito menos aquelas que atentam contra o livre funcionamento das instituições democráticas do meu país, bloqueiam a justiça ou ofendam os princípios morais e éticos que devem governar a vida pública", afirmou.

Dilma fez o pronunciamento acompanhada de 11 ministros de sete partidos: Jaques Wagner (Casa Civil), Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo), José Eduardo Cardozo (Justiça), Gilberto Occhi (Integração Nacional), Luís Inácio Adams (Advocacia-Geral da União), Aldo Rebelo (Defesa), Armando Monteiro Neto (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), André Figueiredo (Comunicações), Celso Pansera (Ciência e Tecnologia), Henrique Eduardo Alves (Turismo) e Gilberto Kassab (Cidades).

Leia abaixo a íntegra do pronuncimento da presidente Dilma Rousseff:

"No dia de hoje, vocês viram que foi aprovado pelo Congresso Nacional, o proejto de lei que atualiza a meta fiscal, permitindo a continuidade dos serviços públicos fundamentais para todos os brasileiros.

Ainda hoje, eu recebi com indignação a decisão do senhor presidente da Câmara dos Deputados de processar pedido de impeachment contra mandato democraticamente conferido a mim pelo povo brasileiro.

São inconsistentes e improcedentes as razões que fundamentam este pedido. Não existe nenhum ato ilícito praticado por mim. Não paira contra mim nenhuma suspeita de desvio de dinheiro público, não possuo conta no exterior, nem ocultei do conhecimento público a existência de bens pessoais. Nunca coagi, ou tentei coagir instituições ou pessoas na busca de satisfazer meus interesses.

Meu passado e meu presente atestam a minha idoneidade e meu inquestionável compromisso com as leis e a coisa pública.

Nos últimos tempos e, em especial, nos últimos dias, a imprensa noticiou que haveria interesse na barganha dos votos de membros da base governista no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. Em troca, haveria o arquivamento dos pedidos de impeachment.

Eu jamais aceitaria ou concordaria com quaisquer tipos de barganha. Muito menos com aquelas que atentam contra o livre funcionamento das instituições democráticas do meu país, bloqueiam a justiça, ou ofendam os princípios morais e éticos que devem governar a vida pública.

Tenho convicção e absoluta tranquilidade quanto à improcedência desse pedido, bem como, quanto ao seu justo arquivamento. Não podemos deixar as conveniências e os interesses indenfensáveis abalarem a democracia e a estabilidade do nosso país.

Devemos ter tranquilidade e confiar nas nossas instituições e no estado democrático de direito.

Obrigada a todos vocês e muito boa noite!"


Fonte: g1.globo.com
 
 
 Itens da ceia de Natal em Ribeirão Preto sobem em relação a 2014
Itens da ceia de Natal em Ribeirão Preto sobem 6,28% em relação a 2014

Castanha de caju e nozes estão entre os mais caros; preço das aves caiu.
Alta do dólar influenciou em itens importados, aponta pesquisa da Acirp.

Os produtos que fazem parte da ceia de Natal estão em média 6,28% mais caros em relação ao ano passado, aponta pesquisa divulgada pela Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto (Acirp) nesta quarta-feira (2).
Dentre os vilões para os consumidores em novembro estão itens como castanha do caju e nozes, em função da alta do dólar. Por outro lado, alimentos como o tradicional peru tiveram queda como resultado de uma reação dos estabelecimentos para atrair os clientes.
Ao apurar preços em 18 supermercados de Ribeirão Preto, a associação também constatou que os consumidores precisam estar atentos a variações de até 521,16% entre as cotações mínimas e máximas dos produtos.

Uma nova pesquisa de preços deve ser divulgada pela associação a poucos dias do Natal.

Castanha mais cara
No topo da lista dos itens natalinos que mais encareceram está a castanha de caju, com alta de 31,49%. Enquanto o quilo custava R$ 60,75 em novembro de 2014, no mês passado foi orçado em média em R$ 79,87.

O quilo das nozes com casca também se destaca, com aumento de 30,88%, passando de R$ 33,19 em 2014 para R$ 43,44.

Se o quilo da uva passa clara custava R$ 24,74 há um ano, agora está cotado a R$ 29,96, com uma variação de 21,11%. Elevação próxima disso teve o quilo das nozes sem casca - de 20,40%, custando R$ 99,71 quando antes custaria em média R$ 82,82.
A Acirp também mostra que ficaram mais caros em relação ao ano passado frutas cristalizadas (15,54%), ameixa seca sem caroço (13,61%) e panetone de 750 gramas (12,93%).

Os mais baratos
O levantamento também mostra que, apesar da inflação, há produtos na ceia de Natal que podem ficar mais baratos este ano, se o consumidor pesquisar.
A castanha do Pará com casca é o item que, em novembro, teve a maior queda em relação ao ano passado. Há um ano, o quilo estava em média a R$ 22,51, mas caiu para R$ 19,92 - variação negativa de 11,52%.

O peru está 10,72% mais barato no comparativo, custando em média R$ 14,12 o quilo diante de R$ 15,82 em 2014. Ave especial (-7,01%), panetone de 500g (-5,50%) e panetone de 400g (-5,04%) completam a relação de produtos que mais tiveram queda.

Diferença entre supermercados
O estudo da Acirp também comparou preços mínimos e máximos para um mesmo tipo de produto em diferentes supermercados e demonstrou uma variação de até 521,16%. Foi o que aconteceu com o panetone de chocolate de 400 gramas, que pode custar entre R$ 4,82 e R$ 29,94. 

Também pede atenção dos clientes o panetone convencional de 400 gramas. Com variação de 445,34%, o produto pode ser adquirido por um valor entre R$ 4,72 e R$ 25,74 nos supermercados.
Se por um lado a ave especial de Natal caiu em relação ao ano passado, por outro foi um dos itens que mais apresentaram diferença de preço entre os estabelecimentos pesquisados. Com o mínimo de R$ 8,58 e o máximo de R$ 26,95, o quilo do alimento apresentou variação de 214,10%.

A diferença também se destaca para pernil (144,8%), lombo (106,89%) e uva passa escura (106,47%).

Fonte: http://g1.globo.com/
 
 
 Tentativa de roubo a loja em Ribeirão Preto termina com 2 menores detidos
Imagens mostram indivíduos levando atendentes para provador nos fundos.
Equipe de monitoramento avisou policiais, que detiveram suspeitos no local.

A Polícia Militar deteve na tarde desta quarta-feira (2) dois menores suspeitos de terem tentado roubar uma loja de roupas na Avenida Nove de Julho, em Ribeirão Preto (SP). Eles foram encontrados poucos minutos depois de entrarem no estabelecimento e levarem funcionárias para o provador dos fundos, segundo a PM. Ninguém ficou ferido.

Segundo o dono do estabelecimento, que prefere não ser identificado, dois jovens com capacete na mão entraram por volta das 14h30 se mostrando interessados em roupas. Câmeras do circuito interno de segurança registraram toda a ação.

Logo eles anunciaram o assalto e levaram três atendentes a um provador. Para passar a impressão de estar armado, um deles escondeu um frasco de shampoo na cintura, informou o empresário.

Enquanto isso, de acordo com ele, outros dois  ficaram do lado de fora vigiando tudo, prontos para a fuga.
"As meninas foram e abriram pra eles. Eles começaram a olhar as camisas, olharam uma ou duas camisas no máximo e já anunciaram o assalto, levaram elas [funcionárias] para o fundo do provador. Um deles segurou as três, ficaram os quatro no provador enquanto o outro ia enchendo a mochila de roupas", disse.

Durante a abordagem, os suspeitos ainda renderam uma ambulante que passou por ali bem no momento do assalto. "O mais novo já a levou rapidamente para o provador, a rendeu também."
Avisada por uma equipe que faz monitoramento constante na loja, a Polícia Militar apareceu minutos depois, afirma o funcionário. Ao todo, três suspeitos foram detidos.
Esta é a segunda vez em um mês que sua loja é alvo de uma tentativa de assalto. "Ninguém levou nada, não fizeram nada com as meninas, que é o mais importante."


Fonte: g1.globo.com/
 
 
 Interno da Fundação Casa de Ribeirão Preto é resgatado por grupo armado
Suspeitos renderam funcionários quando menor era levado para audiência.
Instituição diz que adolescente não era considerado de alta periculosidade.

Um adolescente de 17 anos que cumpria medida socioeducativa em uma unidade da Fundação Casa em Ribeirão Preto (SP) foi resgatado por cinco homens armados na tarde desta terça-feira (1º), quando era levado para uma audiência em Miguelópolis (SP).

Segundo a assessoria da Fundação Casa, os suspeitos chegaram à instituição em um carro, em alta velocidade, e renderam um funcionário da unidade e o motorista da van que fazia o transporte do menor, no momento em que o veículo passava pelo portão
O grupo fugiu no automóvel, com placas de Ribeirão Preto, pela Rodovia Geovanna Aparecida Deliberto, sentido Rodovia Prefeito Antônio Duarte Nogueira (Anel Viário Sul). 

Nenhum suspeito foi identificado. A ocorrência foi registrada na Central de Flagrantes.

A Polícia Civil de Miguelópolis informou que o adolescente tem antecedentes criminais por furto, mas cumpria pena por tráfico de drogas. Nesta terça-feira, o menor participaria de uma audiência na Vara da Infância e Juventude da cidade.

À reportagem da EPTV, a assessoria da Fundação Casa informou que o transporte era realizado sem escolta policial porque o interno não é considerado de alta periculosidade.


Fonte: g1.globo.com
 
 
 Ribeirão Preto receberá a Caravana dos Genéricos
Evento será na Esplanada do Theatro Pedro II, com ações gratuitas, como testes de glicemia, colesterol e medição de pressão

Nestas sexta e sábado, 4 e 5 de dezembro, a Medley, uma empresa do grupo Sanofi, estará na Esplanada do Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto, com a Caravana dos Genéricos. Trata-se de uma ação que oferecerá gratuitamente para a população testes de glicemia, colesterol, medição de pressão arterial e Índice de Massa Corporal (IMC).

Esta é uma iniciativa de atenção da Medley com a saúde da população, que visa conscientizar, alertar e orientar as pessoas quanto a necessidade de prevenção de doenças relacionadas à hipertensão, diabetes, entre outras, extremamente prevalentes e que, se não tratadas, representam um importante risco cardiovascular. A ação tem ainda por objetivo esclarecer a população sobre o que são os medicamentos genéricos, sua qualidade, eficácia e segurança.

A Caravana dos Genéricos, que já passou por Recife, Belo Horizonte, Porto Alegre e Campinas, está em seu terceiro ano. Ainda em dezembro a Caravana passará por São Paulo.

Além dos exames clínicos realizados pelos profissionais de saúde, na carreta da Caravana dos Genéricos, os participantes assistirão a um filme em 3D sobre medicamentos genéricos, que abordará desde o conceito e até como são produzidos esses medicamentos, passando pelos atributos mais importantes: preço, qualidade, eficácia e segurança. Ao sair, todos receberão material informativo com dicas para tratamento e prevenção a respeito das doenças para as quais fizeram os testes, além de um prático porta comprimidos.

 

Fonte: revide.com.br/
 
 
 Shopping de Ribeirão Preto arrecada presentes para entidades sociais
Doações serão destinadas a 456 crianças e 86 idosos atendidos na cidade.
Interessados também podem doar ração para ONGs de proteção animal.

Como parte da campanha de Natal, o Shopping Santa Úrsula de Ribeirão Preto (SP) está arrecadando doações, que serão destinadas em forma de presentes a idoso e crianças de entidades sociais da cidade. A ação batizada de "Árvore de Natal Solidária" também beneficiará três ONGs de proteção animal, que resgatam e doam cães e gatos abandonados.

Os interessados em participar devem se dirigir ao piso térreo do shopping, onde duas árvores estão decoradas com cartões, em que constam o nome e a idade das crianças e idosos. Basta o participante escolher um dos beneficiados, anexar o cartão ao presente e deixar o embrulho ao lado da árvore.

Ao todo, 456 crianças e 86 idosos das entidades Casa do Vovô, Creche da Tia Lê, Paróquia São Judas Tadeu, Igreja Evangelista da Restauração, Lar Irmã Izolina, Sociedade Beneficente Evangélica de Ribeirão Preto (Soberp), Projeto Proec e Projeto Grãozinho de Mostarda serão beneficiadas.

Proteção animal
Uma terceira árvore, montada pela primeira vez, beneficiará as ONGs Focinhos S.A, Projeto Os Doguinhos e Cão Paixão, que atendem cães e gatos abandonados na cidade. Os presentes nesse caso devem ser na forma de ração, areia e acessórios para os animais.

Os presentes devem ser doados até 20 de dezembro, mas a organização da campanha pede que as doações para a Casa do Vovô sejam feitas até o dia 13. Mais informações podem ser obtidas no site www.shoppingsantaursula.com.br
O Shopping Santa Úrsula está localizado na Rua São José, n.º 933, no Centro.

Fonte:g1.globo.com/
 
 
 Suspeito mata idosa para roubar botijão de gás em Ribeirão
Suspeito mata idosa para roubar botijão de gás em Ribeirão, diz polícia
Vítima de 88 anos foi encontrada trancada em quarto por uma filha. 
Casa estava revirada e Polícia Civil investiga latrocínio.

Uma idosa de 88 anos foi encontrada morta dentro de casa, na Vila Virgínia, na zona oeste de Ribeirão Preto (SP), na noite de terça-feira (1º). A Polícia Civil suspeita que ela tenha sido vítima de latrocínio, que é roubo seguido de morte. Segundo o delegado Eduardo Martinez, um botijão de gás foi levado da resiência.
A idosa morava sozinha, mas foi encontrada por uma filha que visitava a vítima todos os dias, de acordo com a polícia. A vítima estava trancada em um quarto e foi achada caída no chão, ao lado da cama.

Ouvidos pela polícia, os vizinhos afirmaram que não perceberam nenhuma movimentação estranha na casa da vítima. Entretanto, afirmaram que a casa foi assaltada há dois anos.

De acordo com o delegado Eduardo Martinez, ela não possuía sinais de violência, mas a causa da morte e um possível estrangulamento são investigados. A casa estava revirada e um botijão de gás teria sido levado da residência. "Foi subtraído pelo um botijão de gás". 

A Polícia Civil investiga o caso. "Nós estamos trabalhando com a hipótese de latrocínio e vamos encaminhar para a DIG [Delegacia de Investigações Gerais] para mais providências", afirmou o delegado.
A perícia foi acionada ao local e um laudo do Instituto Médico Legal (IML) deve apontar as causas da morte da mulher.

Fonte: g1.globo.com/
 
 
 
Categorias
0
Cemitérios
Cidades
Ciência
Cultura e Lazer
Dicas
Economia
Educação
Esporte
Gastronomia
Iphone
Meio Ambiente
Moda
Mundo
Natureza
Notícias
Parques
Planeta Bizarro
Política
Prefeituras
Saúde
Tecnologia
windows 10
posts bloguei Posts
Setembro de 2010 5  postagens    
Fevereiro de 2011 5  postagens    
Março de 2011 26  postagens    
Maio de 2011 19  postagens    
Julho de 2011 11  postagens    
Agosto de 2011 11  postagens    
Janeiro de 2012 19  postagens    
Julho de 2012 8  postagens    
Outubro de 2012 1  postagens    
Novembro de 2012 8  postagens    
Maio de 2013 4  postagens    
Junho de 2013 16  postagens    
Outubro de 2013 1  postagens    
Novembro de 2013 1  postagens    
Dezembro de 2013 1  postagens    
Janeiro de 2014 4  postagens    
Junho de 2014 9  postagens    
Agosto de 2014 1  postagens    
Setembro de 2014 1  postagens    
Novembro de 2014 1  postagens    
Dezembro de 2014 5  postagens    
Janeiro de 2015 7  postagens    
Fevereiro de 2015 36  postagens    
Março de 2015 19  postagens    
Abril de 2015 17  postagens    
Maio de 2015 29  postagens    
Junho de 2015 16  postagens    
Julho de 2015 44  postagens    
Agosto de 2015 73  postagens    
Setembro de 2015 214  postagens    
Outubro de 2015 238  postagens    
Novembro de 2015 198  postagens    
Dezembro de 2015 125  postagens    
Janeiro de 2016 70  postagens    
Fevereiro de 2016 125  postagens    
Março de 2016 126  postagens    
Abril de 2016 28  postagens    
Junho de 2016 1  postagens    
Todos os Posts
 
Untitled Document